All posts under: Regional

Crédito: Comunicação Governo Cidadão/ Foto João Vital 

A agroindústria de polpa de fruta da comunidade Paraíso, em Bodó, está praticamente pronta. E o sonho dos 43 agricultores associados está ainda mais perto de se realizar. Por meio de um projeto do Governo do Estado, via projeto Governo Cidadão e Banco Mundial, eles receberam investimentos da ordem de R$ 393 mil para construir uma unidade que vai aproveitar todo o potencial frutífero da região para beneficiamento, além de gerar emprego e renda em todas as comunidades vizinhas.

Os planos são audaciosos. Além de produzir polpa de fruta de caju, maracujá, graviola e manga para revender a grandes empresas, eles querem usar os equipamentos para produzir e empacotar macaxeira a vácuo, que atualmente é vendida a R$ 5,00 o quilo na cidade. “Estamos muito confiantes e felizes de ver nosso prédio pronto. Vamos finalizar mais alguns detalhes, licitar os equipamentos e começar nossa produção em no máximo três meses”, conta o presidente do Núcleo de Produtores Cooperados de Paraíso, Adriano Assunção.

Um dos objetivos do grupo é obter a certificação para poder comercializar seus produtos para gigantes como a Ster Bom. Só a câmara fria adquirida pelo projeto tem capacidade para armazenar oito toneladas de polpa de frutas, o que garante uma produção em larga escala para os agricultores. O potencial frutífero da região é tão grande que há produtores com até 60 hectares plantados.

As agricultoras Francisca Medeiros, Elisângela Soares e Maria de Lourdes Albuquerque estão felizes da vida. “Faz tempo que a gente sonha com nossa fábrica e agora vai dar certo. A gente não vê a hora de ter isso aqui funcionando”, diz Maria de Lourdes, que mesmo aos 71 anos, se mantém ativa na associação de produtores e quer contribuir com as atividades na agroindústria de polpa.

Além da implantação da unidade de beneficiamento de polpa de fruta, o projeto incluiu a aquisição de equipamentos conforme padrão de qualidade exigido para manipulação de alimentos, criação de logomarca e rótulos para comercialização, aquisição de veículo adaptado para utilização na agroindústria e produção agroecológica, com sustentabilidade na disposição e reaproveitamentos dos resíduos sólidos das frutas para fabricação de ração e produção de compostos orgânicos.

Foto Jean de Souza

Completando 56 anos de Emancipação Política, Lagoa Nova mostrou mais uma vez que realiza a maior e melhor festa do segmento no RN. Uma multidão prestigiou o evento que contou com

os shows, em praça pública, de Zé Cantor & Solteirões, Raynel Guedes, o “Forró do Véi” de Zé Sanfoneiro & Zé Filho, além do sanfoneiro Robson Carneiro e a prata da casa Diego Pessoa.

Outro ponto positivo do evento deste ano é que, mesmo com uma grande multidão que invadiu Lagoa Nova, a festa foi super tranquila. Segundo a PM, não foi registrado nenhum tipo de violência ou outros delitos.

A festa teve a realização da Prefeitura Municipal, com o apoio de todas as secretarias municipais, parceiros e comércio local. O evento aquece a economia do município, haja vista que atrai pessoas de todo o RN.

Fiquei muito feliz em ver uma multidão comemorando conosco o aniversário de Lagoa Nova. As dificuldades são grandes, mas conseguimos realizar um grande evento e assim ajudar a promover a economia do município”, expressou o prefeito Luciano Santos.

 

O Presidente do Consórcio de Resíduos Sólidos do Seridó, prefeito de Lagoa Nova Luciano Santos, na última sexta-feira (14/12), foi ao Oeste para tratar sobre os interesses de desdobramento para efetivar a emenda que favorece tanto ao Seridó como ao Oeste no que tange a destinação dos resíduos sólidos.

A reunião aconteceu no município de Riacho da Cruz e o Consórcio de Resíduos Sólidos do Alto Oeste é presidido pela Prefeita de Riacho da Cruz Bernadete Rego.

“O Consórcio do Oeste possui 44 prefeituras e precisa agilizar suas pautas burocráticas para assim como o nosso estar apto a executar os recursos orçamentários empenhados conjuntamente com o nosso. E assim, é do nosso pleno interesse acompanhar e aparelhar aquele ente.” Disse o Presidente Luciano Santos.

Luciano Santos, prefeito de Lagoa Nova foi reconduzido à Presidência do Consórcio de Resíduos Sólidos do Seridó para o biênio 2019/2020. A vice Presidência fica com Chilon Batista, prefeito de Timbaúba dos  Batistas.

O consórcio comemorou também o recebimento do Termo Provisório da Posse do terreno onde será implantado o aterro Sanitário.

“2019 será o ano divisor de águas no quesito burocracia e execução do nosso aterro regional, estou muito para ver o inicio de tudo.” Disse

Luciano Santos.

A Prefeitura Municipal através da sua Secretaria de Saúde ofereceu neste sábado (18), 50 consultas com o cardiologista Dr. Flávio Henrique.

Lagoa Nova possui Programação Pactuada e Integrada com os municípios parceiros e pacientes destes municípios também serão atendidos em Lagoa Nova a cada 15 dias.

“Como nunca na história de Lagoa Nova a cada 15 dias teremos um cardiologista atendendo aos munícipes e aos municípios parceiros da nossa rede de saúde”. Afirmou o prefeito Luciano Santos.

A zona rural  de Lagoa Nova recebeu o mutirão da mamografia.

“Nossa missão é atender a todos, seja qual for o seu problema, e procuramos sempre trazer as soluções para perto do povo, e pela primeira vez na história de nosso município, exames como esse de mamografia é realizado na zona rural, essa é uma demonstração do zelo que temos aos nossos munícipes,” comentou o Secretário de Saúde Bruno Carvalho.

O prefeito de Campo Redondo, Alessandru Alves (PROS), anunciou em suas redes sociais a suspensão do leilão do antigo prédio da APAMI, onde funciona o Hospital Municipal. Nesta quarta-feira (16) o espaço seria leiloado com avaliação inicial de R$ 95 mil reais para pagamento de dívidas trabalhistas deixadas em gestão passada. “Com muito esforço conseguimos impedir o leilão do prédio da APAMI na Justiça do Trabalho”.

O prefeito disse ainda que conseguiu negociar e adquirir o imóvel para prefeitura e que a população está aliviada pois os serviços de saúde pública estão garantidos. “Na Negociação o valor do imóvel foi adquirido pela Prefeitura de Campo Redondo pelo valor estimado inicialmente no leilão. Desta forma manteremos o atendimento à população e garantimos aos ex-funcionários da APAMI o recebimento do que é seu por direito”.

E finalizou lembrando que essa situação é herança do passado e que sua gestão tem tentado resolver para que a população não sofra as consequências. “Somos cientes que chegamos nesta situação devido a uma gestão desastrosa no passado, mas estamos aliviados e felizes por termos conseguido reverter esta decisão judicial o prédio agora deverá fazer parte do patrimônio do município.”

Crédito Jean de Souza

A Prefeitura Municipal de Lagoa Nova/RN, através Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Pecuária, está melhorando as principais estradas da Zona Rural do município.

Com a época das chuvas, as estradas ficam danificadas prejudicando o transporte da produção agrícola e também dos próprios moradores.

“Pela segunda vez esse ano, estamos passando a nossa motoniveladora nas estradas mais trafegadas da nossa zona rural, do Barro Branco a Baixa Verde. O nosso Prefeito Luciano Santos sempre nos cobra uma estrada de qualidade para escoar a nossa produção agrícola. ” Frisou o nosso Secretário Genilson Pinheiro Borges.

Além do mês de abril/2018, o prefeito Luciano Santos está pagando 1/3 das férias de toda a classe.

Resta saber, se os professores da rede municipal lagoanovense que ganham mais que os professores de Currais Novos irão se sensibilizar e retornarem as salas de aula, pois, com salários em dia e indenizados com suas férias não observem que a crise já alcançou os 750 metros de altitude daquela Suíça do frio potiguar.

Crédito:   Eliabe Davi Alves-Coordenador de Cultura do Município de Lagoa Nova

Como Coordenador Municipal de Cultura, neste fim de semana, vivenciei alegrias únicas. Pois, aconteceu a materialização do mais uma etapa do projeto atual, elaborado para propiciar dinamização para Biblioteca Municipal Professora Bernadete Xavier Gomes, importante instituição cultural, que se dedica há quatro décadas e meia a educação e cultura dos lagoanovenses.

Através dos esforços e dedicações da equipe de Biblioteca, Secretária Municipal de Turismo Josi Gomes, Coordenadora de Turismo Ednaja Moura, Deyse Tatiane, Josailsa Felipe, Franciene Paulino Araújo, Isabelle Medeiros, Secretaria de Obras, Maria de Fátima, realizamos o Chá Literário, em homenagem aos 45 anos de fundação da Biblioteca Municipal de Lagoa Nova/RN.

Vale salientar, que Edy Subcoordenador de Cultura, juntamente com o maestro Herywelton da Nóbrega, dedicaram-se ao repertório musical do evento. Ao passo que, a Biblioteca recebeu das mãos do gestor municipal, 150 livros doados pela Federação das Indústrias do RN.

Os atores do grupo de Teatro Baraúna, que na atualidade, é presidido por Josilene Olegário, que também dirige o Espaço Cultural Poeta Pedro Henrique, apresentaram recital poético. Neste momento de gratidão, agradeço também a presença do Prefeito Luciano Santos, familiares da patrona Bernadete, Chefe de Departamento na UFRN Edineide Pinheiro, Integrante da 9ª DIRED Sueli Fernandes, Secretário Municipais, vereadores, ex-auxiliares de bibliotecas, educadores, diretoras de escolas e população local.

A Instituição Biblioteca, Professora Bernadete Xavier Gomes, agradece o espirito de equipe, empenho e comprometimento de todos que colaboraram para o brilho e sucesso de nosso Chá Literário, alusivo aos nossos 45 anos.

 

O Ministério Público Federal (MPF) emitiu uma recomendação ao prefeito e à secretária de Educação de Jucurutu, Valdir de Medeiros Azevedo e Maria Lúcia de Moura, para que limitem o uso dos ônibus escolares bancados por recursos federais ao transporte dos estudantes, seja até as escolas ou para as atividades pedagógicas, esportivas, culturais ou de lazer previstas no plano pedagógico e realizadas fora do estabelecimentos de ensino.

Um desses ônibus escolares foi utilizado – durante os quatro dias do carnaval de 2018 (10 a 13 de fevereiro) e em quatro deslocamentos diários – para transportar religiosos que participavam de um evento vinculado à Igreja Católica, denominado “Carnacristo”. Para o MPF, esse tipo de uso, bem como para transporte de grupos artísticos ou mesmo pacientes e moradores em geral, pode configurar desvio de finalidade.

A recomendação do MPF alerta que a utilização indevida “prejudica a prestação de serviço de transporte escolar, atingindo o direito à educação dos estudantes, além de provocar o desgaste prematuro da frota, comprometendo sua vida útil”.

O Governo Federal disponibiliza recursos públicos para a aquisição de veículos escolares dentro do programa “Caminho da Escola”, ou mesmo através do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (PNATE) ou do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Cópia da recomendação foi encaminhada à Câmara Municipal de Jucurutu, para conhecimento e acompanhamento, e – caso não seja acatada pela Prefeitura – poderão ser adotadas novas medidas judiciais ou extrajudiciais por parte do MPF.

O prefeito de Campo Redondo, Alessandru Alves (PROS) e os vereadores João Quebrado (PROS) e Jadna (PTN) prestigiaram ao lado de vários microempreendedores de Campo Redondo e de outras sete cidades do Trairi a entrega dos chegas do Programa Microcrédito Empreendedor. A solenidade aconteceu no último sábado (7) em Santa Cruz e contou com a presença do Governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD).

No Trairi os investimentos somam a ordem de 3 milhões de reais. Os municípios beneficiados foram: Santa Cruz, Lajes Pintadas, Campo Redondo, Coronel Ezequiel, Japi, Jaçanã, São Bento do Trairi e São José do Campestre.

O gari José Pedro, vice-prefeito de Jucurutu, formalizou hoje, 18 de março, sua pré-candidatura a deputado federal no Encontro Regional do Partido Solidariedade em Jucurutu.

José Pedro foi candidato em 2016 numa das eleições mais difíceis da história do RN. Junto com o amigo Valdir, que é motorista de ambulância, ele participou de um pequeno grupo político que teve a ousadia de desafiar uma oligarquia poderosa que, nos últimos 50 anos, passou o poder político de pai para filho e de filho para neto.

“Hoje, todos os deputados federais do RN em Brasília possuem vínculos com os grupos tradicionais da política do Estado. São parentes das oligarquias ou acessórios delas. É de se perguntar: será que pessoas com origem simples, que estudaram, se esforçaram, não podem também representar o nosso povo com dignidade?”, defende o deputado Kelps Lima, que recebeu com muito carinho a decisão de José Pedro enfrentar a grande batalha que estar por vir.

Crédito da Foto: Eduardo Maia
O presidente da Assembleia Legislativa deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) destacou, na manhã desta sexta-feira (9), durante a solenidade de entrega de sementes e raquetes de palmas forrageiras para agricultores do Seridó, a importância do município de Lagoa Nova para a agricultura da região.

“Lagoa Nova tem uma grande importância para o setor agrícola da Serra de Santana e do Seridó como um todo. Aqui no município metade da população vive nas comunidades rurais. Por essa razão solicitamos do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Norte (Emater) e da Secretaria de Agricultura essa  distribuição que hoje está sendo atendida, beneficiando, principalmente, os pequenos agricultores da região”, disse o deputado Ezequiel Ferreira.

A solicitação do presidente da Assembleia,  hoje atendida, vai  beneficiar inicialmente 200 agricultores  dos municípios de Lagoa Nova, Cerro Corá, Tenente Laurentino Cruz e Bodó. Foram distribuídas 4,79 toneladas de sementes de milho; 4,79 de feijão e uma tonelada de sementes de sorgo e 72 mol e 800 raquetes de palma forrageira da variedade Orelha de Elefante Mexicana.

A palma forrageira é uma cultura difundida no mundo inteiro, principalmente nas regiões áridas e semiáridas, pelo fato de sua adaptabilidade em nível anatômico e também fisiológico. Caule, folhas, raízes e flores se adaptam de forma eficiente no aproveitamento dos recursos hídricos. No entanto a disponibilidade de material propagativo da palma forrageira é baixa por causa da erradicação de grande parte da área plantada com a cultura, pelo ataque da praga da cochonilha-do-carmim.

Participaram da Mesa da solenidade de entrega o prefeito de Lagoa Nova, Luciano Silva Santos; o secretário de Agricultura do Estado, Guilherme Saldanha; o secretário de Agricultura de Lagoa Nova, Genilson Pinheiro Borges; o prefeito de Bodó, Marcelo Mário Porto Filho; o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza e o presidente da Câmara Municipal de Lagoa Nova, Antônio Domingo Soares.

Outros pleitos

Solicitações anteriores feitas pelo presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza, para beneficiar Lagoa Nova e a Serra de Santana já foram atendidas. Entre elas, carro refrigerado e carro de apoio e equipamentos para a Emater, operação tapa buraco da RN- 041, implantação de três usinas de dessalinização em Barra Verde, Filgueira e São Francisco, melhorias do sinal telefônico da Vivo, funcionamento das secretarias municipais de Agricultura e de Meio Ambiente e Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável em instalações cedidas pela Emater. Além disso, o deputado Ezequiel vem dando total apoio para a criação de uma Companhia da Policia Militar na Serra de Santana, com sede em Lagoa Nova para atender uma população em torno de 50 mil pessoas.

A prefeitura municipal de Lagoa Nova/RN, Gestão Todos Pela Nossa Cidade, afim de sanar eventuais dúvidas e desfazer possíveis inverdades propagadas, sobre as necessárias medidas contidas no decreto que tem por fim regularizar a folha de pagamento dos servidores da educação, esclarece:

  1. A administração pública do município de Lagoa Nova, publicou o decreto nº 529/2018, que dispõe sobre medidas de controle e organização financeira dos recursos federais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb, obrigação legal da gestão municipal.
  2. As medidas contidas no decreto têm efeito meramente organizacionais, não prejudicando nenhum servidor que atenda aos requisitos necessários e comprobatórios para a sua remuneração.
  3. As medidas contidas no decreto se fazem necessárias diante de constatadas irregularidades na comprovação de alguns títulos de profissionais do magistério com data anterior à entrada em vigor da Lei Municipal 409/2009. Havendo conflito entre os títulos apresentados e contidos em pasta funcional, com os alegados para fins de folha de pagamento.
  4. Apurado em diagnostico administrativo, foi constato que há vícios em diversos pagamentos de servidores efetivos do município, em desacordo com a Lei Municipal 409/2009.
  5. Não foi possível no Recadastramento Municipal realizado em 2017, organizar e colher satisfatoriamente documentação comprobatória dos títulos dos profissionais do magistério. Motivo pelo qual, se faz necessário um novo recadastramento visando atender apenas a esses profissionais.
  6. A desarmonia das contas públicas no tocante à folha

de pagamento dos profissionais da educação em relação as demais categorias e a disparidade do valor recebido pelo município por parte do Governo Federal com o que é realmente empenhado para liquidar os vencimentos destes profissionais (especialmente os vinculados ao Fundeb 60%).

 

  1. Não Haverá suspensão de Folha de Pagamento, todos os pagamentos aptos da educação serão efetuados até o dia 10 de fevereiro do corrente ano.

A Gestão Todos Pela Nossa Cidade reafirma seu compromisso de zelar pelos direitos dos seus servidores, com governança e eficiência administrativa, no cumprimento das leis e racionalidade dos recursos públicos.

 

Crédito das fotos Rayane Mainara

O governador Robinson Faria fez a entrega de 400 cheques do Microcrédito Empreendedor a pequenos empresários de três cidades do Rio Grande do Norte. O evento foi promovido nesta sexta-feira (12) no ginásio poliesportivo do município de Cerro Corá, na região Seridó.

Com investimento de R$ 1,5 milhão, a iniciativa desenvolvida pela Agência de Fomento do RN (AGN), em parceria com a Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), vai movimentar a economia das cidades de Cerro Corá, Bodó e Lagoa Nova, uma vez que o Microcrédito é um projeto de concessão de crédito pioneiro implementado pelo Governo do Estado.

Robinson Faria destacou o benefício aos pequenos empresários beneficiados. “Hoje o governo chega a estas três cidades para fortalecer a economia local, promovendo emprego e renda e dando oportunidade ao microempreendedor investir na sua própria terra”, disse o chefe do Executivo estadual. “Enquanto eu for governador do RN, não faltarão medidas para fortalecer o empreendedorismo no estado”, complementou Robinson.

“Na concepção do governador, o empreendedorismo é fundamental, pois parte dele as pessoas se habilitam a entrar no mercado e fortalecer a economia. E essa é uma das características do Microcrédito, sempre estimulando os pequenos empresários dos municípios potiguares”, declarou o diretor da AGN, Murilo Diniz.

Prefeita de Cerro Corá, Graça Oliveira agradeceu a iniciativa do governo. “O reflexo desses cheques na nossa economia é de aproximadamente R$ 200 mil, então só temos que agradecer ao governador pela possibilidade dos nossos empreendedores ampliarem os seus negócios”, disse.

Beneficiada com um cheque de R$ 5 mil, a microempresária Hoga Melo, dona de um armarinho, contou como vai investir o valor. “Vou comprar novas mercadorias, ampliar o espaço da loja, qualificar o atendimento e até mesmo contratar mais um funcionário. Só tenho que agradecer ao governo pela oportunidade”.

Microcrédito

Criado em 2015 pela gestão Robinson Faria, o Microcrédito do Empreendedor já beneficiou cerca de 12 mil famílias em mais de 120 municípios potiguares, gerando 15 mil empregos diretos e totalizando mais de R$ 36 milhões em investimentos.

A expectativa é que até o final de 2018 os recursos disponibilizados pelo Governo do Estado cheguem a R$ 40 milhões destinados a alavancar cerca de 20 mil empreendimentos em todo o RN.

Entre as principais vantagens estão as taxas de juros do empréstimo que são de 1,5% ou 1,7% ao mês, o prazo de até 24 meses para quitar o financiamento e os descontos de 100% dos juros para os comerciantes que pagarem as parcelas em dia.

O Prefeito Municipal de Lagoa Nova, Luciano Santos, confirmou que não pagará 13° salário aos Cargos Comissionados.

Essa decisão foi tomada visando um corte de mais de 90 mil reais, cuja economia será direcionada ao pagamento do funcionalismo proveniente dos Cargos Efetivos.

Lagoa Nova é um Município de despesas elevadas, com características de um município de ‘

–‘coeficiente 1.0. Além disso, tem um Hospital Municipal que compromete boa parte das receitas próprias arrecadadas pelo município. Se assim não o fizermos, dificilmente conseguiremos honrar com o pagamento do 13º salário dos servidores efetivos.

“A decisão da gestão é tomada com grande responsabilidade; nestas horas precisamos tomar as decisões corretas”.

Fiquei lisonjeado em ouvir de muitos dos nossos secretários que seu corpo técnico, composto por coordenadores e subcoordenadores defende a medida adotada. “Isso só mostra o empenho e o comprometimento de todos que hoje compõe a gestão em prol do bem-estar de Lagoa Nova.” Reforçou o prefeito

Fotos: João Vital

Vinte máquinas de costura industrial começaram a mudar a vida de 16 pessoas desde que foram entregues na Associação Comunitária Maria Terceira, em Parelhas. O projeto de economia solidária do Governo do RN, em parceria com a Sethas, Governo Cidadão e Banco Mundial, está investindo R$ 120 mil na mini fábrica, com contrapartida de R$ 60 mil da associação. São 20 máquinas, equipamentos e insumos para fomentar a produção das costureiras, que atualmente detém todo o mercado de roupas sacras da região.

“Agora vamos ter uma rendinha extra”, diz o autônomo Joel Dantas dos Santos, 44, que há três anos aprendeu a bordar apenas com o auxílio dos vídeos do Youtube. Ele domina o bordado eletrônico, técnica que consiste em desenhar no computador o bordado em um programa específico e depois aplicar no tecido. Será um dos costureiros na linha de produção da mini fábrica.

Para Vitória da Fonseca Carvalho, 75, fundadora da associação, é uma grande conquista estar com tudo pronto para funcionar. “Aqui fazemos um verdadeiro trabalho de formiguinha desde 2000, quando a associação foi fundada. Erguemos essa estrutura com doações e muito esforço e agora nos preparamos para ter essa renda extra que vai ajudar no sustento de todos”, comemora.

Além do enxoval para as igrejas da região, o grupo de Parelhas vai produzir redes, roupas, fardamentos, conjunto de cozinha e banheiro, panos de prato, entre outros. O plano é funcionar como uma facção e distribuir tanto o trabalho quanto os lucros coletivamente. Vitória diz que o mês de dezembro será de produção intensa, para comercializar em janeiro, quando acontece a festa da padroeira do município e a cidade lota de turistas. A expectativa é incrementar o faturamento em até 60% com a produção em maior escala.