Posts by:

O Rio Grande do Norte vai marcar presença com uma comitiva de nove mulheres no treinamento de ação política, com ênfase em gênero, para vereadoras recém-eleitas do PSDB Mulher. O evento acontece na sexta-feira (18) e sábado (19), em Maceió (AL). A comitiva que representa o Estado no evento participou nesta quinta-feira (17) de uma reunião com o deputado e presidente estadual do Partido da Social Democracia Brasileira, (PSDB), Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Na oportunidade Ezequiel Ferreira conclamou as representantes do partido a modificar o atual cenário do partido e ampliar a participação de mulheres.  “É imperioso termos mulheres com mais voz e poder, não apenas dentro do PSDB, mas na estrutura política, econômica e social do país”, enfatizou o deputado salientando que já para as próximas eleições, em 2018, o partido pretende ter um amplo quadro feminino para apresentar ao eleitor.

As vereadoras Carla Lopes da Silva (Maxaranguape), Palyana Cavalcanti Dias de Barros e Leila Emiliano da Silva (Nísia Floresta), Cristiane Rocha de Lima (Brejinho), Ana Karine Araújo da Nóbrega, Vânia Fernandes de Medeiros (Serra Negra), Fativan Alves Moura de Paiva (Parnamirim) e a odontóloga, Luciana Oliveira Monteiro, secretária estadual do PSDB Mulher, participaram da reunião com Ezequiel Ferreira e compõem a comitiva representativa.

Para Luciana Monteiro o partido tem pela frente uma importante missão. “Esclarecer à população a verdade da Reforma Trabalhista nos horários em que o partido dispõe na televisão e nos compartilhamentos nas mídias digitais. É preciso deixar claro que a reforma está prestigiando as relações de trabalho que eram renegadas ao segundo plano ou muitas vezes nem levadas em consideração”, explicou Luciana Monteiro.

Jornalista Rodrigo Rafael

????????????????????????????????????

Durante pronunciamento em Plenário, a senadora Fátima Bezerra cobrou, nesta quinta-feira (17), a continuidade da Força Nacional de Segurança no Rio Grande do Norte e a liberação de duas emendas de bancada para o estado, que beneficiariam a área de segurança.

As duas emendas apresentadas ao Orçamento da União de 2017 foram contingenciados pelo governo federal. Os recursos seriam destinados para aquisição de veículos e de equipamentos, além da implantação de um Sistema de videomonitoramento, na região metropolitana de Natal.

Na tarde desta quinta-feira, a bancada do Rio Grande do Norte se reúne com o presidente Michel Temer para tratar da crise de segurança do estado. Em função de compromissos já agendados, a senadora não vai participar da audiência.  “Em nome da população do Rio Grande do Norte, que vive momentos dramáticos em razão da violência que se agravou em Natal e em todo o estado, desejo que a audiência com o Presidente da República seja  produtiva; que não fique apenas em promessas”, disse.

A senadora disse esperar que a bancada federal do Rio Grande do Norte consiga assegurar a liberação dessas duas emendas destinadas à segurança pública, no valor de R$ 18 milhões. Esses recursos podem ser utilizados para estruturação e modernização das Polícia Civil e Polícia Militar, polícias técnica e científica, Corpo de Bombeiros Militar e guardas municipais, além da modernização do sistema segurança pública, de inteligência e de investigação”, completou.

Fátima lamentou ainda os altos índices de violência divulgados recentemente pelo OBVIO – Observatório da Violência Letal Intencional do RN. De 1º de janeiro até 13 de agosto de 2017, foram registradas 1.518 mortes violentas, um aumento de 25,6% em relação a 2016. “A população do estado está totalmente à mercê da bandidagem. Já se foi o tempo, por exemplo, que a gente ainda trafegava pelas estradas com uma certa segurança. Isso acabou! O cenário lá do Rio Grande do Norte é um cenário de guerra, um cenário desolador. E eu não estou dizendo aqui que isso é um problema só do Rio Grande do Norte; e um problema nacional”, ressaltou. 

Fátima destacou que,  além de  buscar a liberação das emendas de 2017, articulará com a bancada a apresentação de novas emendas para a segurança, a serem incluídas no Orçamento Geral da União de 2018.

A Secretaria de Estado da Educação e da Cultura do RN, com extremo pesar, lamenta o falecimento do nosso companheiro de trabalho, jornalista Jorge Ivan Barbosa, valoroso profissional que atuava na Assessoria de Comunicação desta Secretaria.

Vítima de infarto na manhã desta quinta-feira, Jorge dedicou quase 30 anos de trabalho à comunicação do Estado, sendo que grande parte deste tempo foi noticiando o cotidiano da educação pública potiguar. O carinho e dedicação ao trabalho eram fortes marcas de sua personalidade.

Jorge Ivan Barbosa, nascido em Natal, tinha 62 anos, deixa esposa, um filho e grande número de amigos e companheiros de ofício. A Educação do RN presta homenagem e solidariza-se com a família, amigos e colegas de trabalho.

Secretaria de Estado da Educação e da Cultura do Rio Grande do Norte

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) participou, nesta quarta-feira, 16, de uma ação de cidadania na Comunidade Grossos, no município de Bom Jesus. As equipes das subcoordenações de Informação, Educação e Comunicação (Siec), Atenção à Saúde (Suas) e Vigilância Epidemiológica (Suvige) promoveram palestra sobre saúde e entrega de preservativos.

A ação faz parte da programação do Agosto Lilás, realizado pela Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres do RN, em parceria com diversas entidades, órgãos e instituições públicas e privadas. Durante o mês serão realizadas ações de conscientização da população quanto aos tipos de violência doméstica e os direitos das mulheres.

 

O deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), solicitou, em nome de moradores de municípios das regiões Salineira, Litorânea e Seridó do Estado a retomada das atividades da agência do Banco do Brasil, a aquisição de maquinários para abatedouro municipal veículo tipo refrigerado e retomada de obras em matadouro público.

“A unidade de processamento de carnes no município de Macau foi construída há quase 15 anos, e mesmo já tendo sido inaugurado duas vezes, nunca abriu as portas, prejudicando as atividades de muitos agricultores”, disse Ezequiel Ferreira, que encaminhou ao Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), a necessidade de aquisição de maquinários e de um veículo utilitário tipo refrigerado para o abatedouro de Florânia e Pedra Preta, respectivamente, e a retomada das obras do matadouro público da cidade de Macau.

As ações foram encaminhadas ao governo do Rio Grande do Norte e para a superintendência do Banco do Brasil, no caso para que a cidade de Florânia volte a ter uma agência bancária da instituição funcionando em sua plenitude, pois a atual desde de fevereiro, em virtude uma ação criminosa, não realiza operação financeira presencial. Somente nos caixas eletrônicos.

 

A SIDY’S TV A CABO PRESTA SEUS SERVIÇOS À REGIÃO DO SERIDÓ COM EXCELÊNCIA E DESTINA O QUE HÁ DE MELHOR EM INFORMAÇÃO, LAZER E ENTRETENIMENTO.

CRIADA EM 1992, JÁ NASCIA GRANDE, SE DESTACANDO NO CENÁRIO NACIONAL COMO A PRIMEIRA EMPRESA DE TV A CABO DO NORTE E NORDESTE DO PAÍS. COMEÇAVA A PARTIR DAÍ UMA HISTÓRIA DE LUTA, GARRA E DETERMINAÇÃO, COM O INTUITO DE PROMOVER, AINDA MAIS, O DESENVOLVIMENTO DE UMA CIDADE CHAMADA CURRAIS NOVOS.

EM 2017 O GRUPO SIDY’S COMPLETA 25 ANOS DE HISTÓRIA E CELEBRA ESTA DATA COM A EXPANSÃO DE SEUS SERVIÇOS PARA OS MUNICÍPIOS DE ACARI E SANTA CRUZ.

A HISTÓRIA DA SIDY’S SE CONFUNDE COM A DO EMPRESÁRIO SIDERLEY MENEZES, HOMEM À FRENTE DE SEU TEMPO, QUE SOUBE ENXERGAR A IMPORTÂNCIA QUE A EMPRESA TERIA PARA A REGIÃO, EM ESPECIAL O MUNICÍPIO DE CURRAIS NOVOS, CIDADE SEDE DA EMPRESA. POR MUITOS, SIDERLEY FOI CHAMADO DE LOUCO, POIS ACREDITOU EM UM PROJETO DE COMUNICAÇÃO APLICADO NOS ESTADOS UNIDOS E NUNCA VISTO NO INTERIOR DO BRASIL. PARA CONCRETIZAÇÃO DO SEU SONHO, O IDEALIZADOR DA SIDY’S, TEVE QUE SE DESFAZER DE SEUS BENS, UMA REDE DE POSTOS DE COMBUSTÍVEIS BEM SUCEDIDA, PARA CONSEGUIR CAPITAL E INVESTIR NOS EQUIPAMENTOS DE TV A CABO.

E FOI PENSANDO NO AMANHÃ QUE SIDERLEY MENEZES RESOLVEU APOSTAR ALTO NO SETOR DE COMUNICAÇÃO. TRABALHANDO COM TECNOLOGIA DE PONTA, A SIDY’S ESTÁ PRESENTE NOS LARES CURRAISNOVENSES, ACARIENSES E MUITO EM BREVE TAMBÉM CHEGARÁ AOS LARES SANTA-CRUZENSES E DE TANTOS OUTROS MUNICÍPIOS DA REGIÃO SERIDÓ E TRAIRÍ.

A SIDY’S PARTIU DE UM SONHO, HOJE É UMA REALIDADE CONCRETA QUE GERA EMPREGO E RENDA, FAZ O DESENVOLVIMENTO ACONTECER.

É POR ISSO E MUITO MAIS QUE A SIDY’S TV A CABO TEM ORGULHO DE SER “UM PRESENTE PARA O SERTÃO”.

TEXTO: SÂMARA OTHON

Em solenidade festiva, no auditório da Governadoria, o Governo do Estado efetivou nesta terça-feira (15) o Bolsa-Atleta. Na presença do judoca potiguar campeão mundial Aldi Oliveira, ele próprio um dos que passarão a receber o benefício, foi autorizado o pagamento dos 44 beneficiários do programa. Representando o governador Robinson Faria, a chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha, destacou o empenho da Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer (SEEL).

“A efetivação do programa Bolsa-Atleta é o resultado de uma parceria entre as famílias, atletas, treinadores, vereadores, deputados e principalmente da SEEL, através do secretário Canindé de França e de toda sua equipe que se empenharam muito para esse grande momento. Parabéns a todos e também ao governador Robinson Faria que tem acolhido o esporte”, revelou.

O secretário de Estado do Esporte e do Lazer, Francisco Canindé de França, anunciou que a autorização da ordem de pagamento será efetuada no máximo até sexta-feira e retroativa aos meses de abril, maio, junho e julho. “Em nome do governador tenho a alegria de informar que a ordem de pagamento para o Banco do Brasil já foi autorizada e que dentro do prazo de até três dias já estará na conta dos 44 bolsistas os valores retroativos”.

O investimento do Bolsa-Atleta para 2017 será de R$ 205 mil, beneficiando 44 atletas e paratketas nas categorias Estudantil (30 bolsas), Regional (10), Nacional (02), Internacional (01) e Olímpico/Paralímpico (01). Em 2018, o valor subirá para R$ 497 mil, com 103 bolsistas. Para 2019, a quantia será na ordem de R$ 874 mil e concessão de 178 bolsas, chegando a 260 benefícios em 2020 e uma soma de R$ 1,3 milhão.

A cerimônia também contou as presenças da deputada estadual Márcia Maia, autora da Lei do Programa Bolsa-Atleta, do vereador da Câmara Municipal de Natal, Robinson Carvalho, do secretário adjunto da SEEL e presidente da Comissão do Bolsa-Atleta, João Pessoa, do presidente da Federação de Judô do Estado do Rio Grande do Norte (FJERN), Tibério Maribondo, além do técnico de Aldi Oliveira, Emerson Soares.

Homenageado pela conquista do título mundial de judô juvenil, Aldi, também foi contemplado pelo Bolsa-Atleta na categoria estudantil e disse que o dinheiro será muito importante para as despesas de treino e viagens. “Não é fácil vida de atleta e com esse apoio do governo terei como bancar os custos de alimentação, transporte e viagens, e se Deus quiser conquistar novas medalhas para o meu Estado”, comentou.

No final, todos os convidados e bolsistas tiraram uma foto com Aldi Oliveira na rampa da Governadoria. Logo depois, judoca e treinador seguiram no carro aberto do Corpo de Bombeiros para a Zona Norte, no bairro Felipe Camarão, onde o atleta foi recepcionado pelos companheiros da academia Kyodai, do projeto social que revelou o campeão para o mundo.

ASSECOM/RN

O governo baixou em R$ 10, de R$ 979 para R$ 969, a previsão para o salário mínimo em 2018. A redução, se confirmada, deve gerar uma economia de R$ 3 bilhões ao governo no ano que vem (veja mais abaixo neste texto).

A mudança foi divulgada pelo Ministério do Planejamento. Atualmente, o salário mínimo está em R$ 937.

Na terça, o governo propôs elevar o teto para o rombo das contas públicas em 2017 e 2018 para até R$ 159 bilhões e anunciou uma série de medidas para aumentar a arrecadação e reduzir custos, entre elas o adiamento de reajustes a servidores e a criação de um teto salarialpara o serviço público.

De acordo com o governo, as medidas são necessárias porque a arrecadação com impostos e tributos está mais baixa que a prevista, reflexo da recuperação da economia que é mais lenta que a esperada.

Atualmente, cerca de 45 milhões de pessoas no Brasil recebem salário mínimo, entre elas aposentados e pensionistas, cujos benefícios são, ao menos em parte, pagos pelo governo federal, já que a Previdência é deficitária (arrecada menos do que gasta).

Com o salário mínimo menor, portanto, o governo economiza nas despesas com o pagamento desses benefícios.

Porque o mínimo deve ficar menor?

O reajuste do salário mínimo é feito por meio de uma fórmula que soma:

  • A variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano ano anterior, calculado pelo IBGE;
  • E o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes.

No caso de 2018, portanto, será somado o resultado do PIB de 2016, que foi de queda de 3,6%, com o INPC de 2017, que só será conhecido no começo do ano que vem.

Como o PIB teve forte retração em 2016, a correção do mínimo no ano que vem levará em conta somente a variação do INPC de 2017. Entretanto, o governo está prevendo agora que a variação do INPC será menor que a estimada antes. Por isso a correção do do salário mínimo em 2018 também deve ser menor.

A previsão de que o salário mínimo no ano que vem seria de R$ 979 está na proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, enviada pelo governo ao Congresso em abril e sancionada pelo presidente Michel Temer no início de agosto.

Economia de R$ 3 bilhões em 2018

Com a decisão de concecer um reajuste R$ 10 menor ao salário mínimo no próximo ano, o governo economizará cerca de R$ 3 bilhões em gastos em 2018.

“Cada um real de aumento no salário mínimo gera um incremento de R$ 301,6 milhões ao ano nas despesas do governo”, informou o Planejamento na proposta da LDO encaminhada ao Congresso em abril.

Números oficiais mostram que o benefício de cerca de 66% dos aposentados equivale ao salário mínimo. A correção do mínimo também impacta benefícios como a RMV (Renda Mensal Vitalícia), o seguro-desemprego e o abono salarial.

O valor do salário mínimo proposto para o próximo ano ainda está distante do valor considerado como “necessário”, segundo cálculo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

De acordo com o órgão, o salário mínimo “necessário” para suprir as despesas de uma família de quatro pessoas com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência deveria ser de R$ R$ 3.810,36 em julho deste ano.

Alexandro Martello, G1, Brasília

A senadora Fátima Bezerra fez, nesta quarta-feira (16), duras críticas à proposta de reforma política em discussão na Câmara dos Deputados (PEC 77/2003).  Para ela, o que chamou de “pseudorreforma” vai aprofundar ainda mais a crise que afeta a representatividade do sistema político.  

“Nós reconhecemos que é extremamente necessária a reforma política, mas que necessita, antes de mais nada, de ser amplamente debatida com a sociedade, porque, do contrário, essa pseudorreforma vai aprofundar a crise que afeta o sistema político, aumentando ainda mais o abismo que existe entre o Parlamento e a sociedade”, disse.

Fátima lembrou que o Partido dos Trabalhadores voltou a defender, no seu VI Congresso, o financiamento público de campanha. “O PT sempre foi contra o financiamento empresarial a partidos e campanhas. Não podemos aceitar um retrocesso inimaginável que seria a volta do financiamento empresarial. No entanto, não apoiamos esse valor que a Câmara está apresentando, de R$ 3,5 bilhões. Isso é um exagero! O valor do financiamento pode ser bem menor”, criticou.

A senadora fez questão de destacar que o partido também defende o sistema de voto proporcional com lista partidária preordenada, a cláusula de desempenho, federações partidárias e mecanismos que possibilitem uma maior participação feminina na política.  “Defendemos campanhas mais simples, mais modestas, mais pé no chão; campanhas com mais ideias, mais debates, campanhas, portanto, com menos marketing, menos pirotecnia e menos personalismo. Defendemos uma reforma política que tenha um olhar de gênero, que inclua mecanismos para promover a participação política das mulheres”, completou.

PNE

Durante seu pronunciamento, a senadora Fátima Bezerra também repudiou o fato de o presidente Michel Temer ter colocado, entre os mais de 40 vetos do governo à Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2018, artigo que priorizava a execução das metas do Plano Nacional de Educação (PNE). A parlamentar lembrou que o PNE não é uma agenda qualquer, mas uma agenda decisiva para garantir a melhoria da educação e, portanto, um futuro melhor para o país. 

 “Este Governo que está aí, não tem nenhum compromisso com o marco legal que deve, de acordo com lei, nortear as políticas educacionais até 2024, que é o nosso Plano Nacional da Educação, que garante o cumprimento do que determina a nossa Constituição Cidadã na área da educação. O Governo Temer está jogando o PNE na lata do lixo. É um ato, além de irresponsável, antipedagógico deste Governo ilegítimo. Este Congresso tem que se levantar, tem que se posicionar. Isso é um desrespeito! Temos que exigir a derrubada desse veto”, sugeriu a senadora, que é professora.

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), acompanhou na manhã desta quarta-feira (16) a passagem por Natal do prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), que esteve na capital para receber título de cidadania natalense concedido pela Câmara Municipal. A cerimônia, proposta pelo vereador Raniere Barbosa (PDT), ocorreu no Teatro Riachuelo, onde reuniu representantes políticos, autoridades, empresários, gestores e a imprensa potiguar. Na oportunidade, o empresário e ex-deputado federal, Flávio Rocha, foi homenageado com a comenda Frei Miguelinho.

“O atual prefeito de São Paulo, João Dória, tem feito uma gestão de destaque nacional. Enquanto presidente da Embratur, entre os anos de 86 e 88, foi responsável por abrir as portas do mundo para Natal e para o Estado potiguar, levando o RN para as grandes feiras de turismo internacional, mostrando a potencialidade turística do nosso estado, que hoje é uma realidade. É nosso desafio agora interiorizar o turismo em suas mais diversas áreas. Quanto à Flávio Rocha, trata-se de um homem visionário e idealizador, que sempre lutou pela geração de emprego e renda no RN. Portanto, homenagens justas e merecidas a duas personalidades de visão, tanto presente como futura”, disse o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB).

Ovacionado pelo público presente na solenidade, o prefeito João Dória agradeceu a homenagem concedida pelo Legislativo Municipal e destacou o potencial turístico de Natal. “Registro o meu agradecimento ao vereador Raniere Barbosa pela iniciativa e à Câmara Municipal por esse título. Levo daqui hoje alguns aprendizados, como agradecimento, com muita humildade, pelo reconhecimento à minha colaboração em favor do desenvolvimento turístico da cidade enquanto presidente da Embratur. Natal é uma cidade de raras belezas que hoje está preparada para crescer e impulsionar o seu turismo. A hospitalidade do potiguar é impressionante. O povo desse Estado é um orgulho para o Brasil”, afirmou Dória.

Agraciado com a comenda Frei Miguelinho, concedida à personalidades com relevantes serviços prestados à coletividade natalense, o presidente do grupo Guararapes, Flávio Rocha, relembrou passagens da sua trajetória política e empresarial, e reforçou, em discurso, a importância da indústria têxtil para a inclusão social no Rio Grande do Norte. “Feliz do estado que tem a vocação têxtil que o RN possui. Essa vocação está enraizada em nossa terra e, através do trabalho, constitui um importante transformador da realidade socioeconômica do nosso Estado”, declarou Flávio Rocha, enaltecendo também a gestão feita pelo prefeito João Dória à frente da prefeitura de São Paulo.

Presente no evento, o deputado estadual Albert Dickson (PROS) enalteceu as trajetórias política e empresarial dos homenageados. “João Dória e Flávio Rocha são exemplos exitosos da entrada do empresariado na classe política do país. A Câmara Municipal está de parabéns ao reconhecer as contribuições de ambos os homenageados”, falou Albert.

A solenidade foi conduzida pelo presidente em exercício da Câmara Municipal, vereador Ney Lopes Júnior (PSD), e contou com as presenças do deputado federal Rogério Marinho (PSDB); do prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT); do secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Flávio Azevedo, que na oportunidade representou o governador Robinson Faria (PSD); do vice-presidente do Tribunal de Justiça do RN, Gilson Barbosa; do desembargador Claudio Santos; vereadores, secretários, gestores, empresários, representantes das entidades ligadas à indústria e comércio, entre outras autoridades, além da sociedade civil.

Representantes da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), estiveram reunidos, nessa terça-feira (15), para debater sobre a criação de uma pós-graduação em segurança pública.

No encontro, foi encaminhada a elaboração de uma proposta que será mostrada em uma nova reunião no mês de setembro, quando o projeto será detalhado. “A ideia principal é disponibilizarmos aos servidores da área da Segurança Pública a pós-graduação, por meio dessa parceria com a UFRN, que é uma instituição reconhecida nacionalmente pelo ensino de qualidade”, explicou a titular da Sesed, Sheila Freitas.

Também estiveram presentes: o reitor em exercício da UFRN, José Daniel Diniz, os pró-reitores de Pós-graduação, Rubens Maribondo do Nascimento, e de Assuntos Estudantis, Edmilson Lopes Júnior, os professores do Departamento de Políticas Públicas, Cláudio Roberto de Jesus, e do Instituto Metrópole Digital, Frederico Lopes, além dos superintendentes da PF e PRF, Wellington Clay Porcino e Marcelo Montenegro, respectivamente.

Os gestores também concordaram com a realização de um workshop sobre o tema ainda este ano, evento que deve reunir pesquisadores e especialistas na área.

A Secretaria Estadual de Saúde, através do Programa Estadual de DST/Aids, está reunindo um grupo de trabalho em cumprimento a uma portaria do Ministério da Saúde para implantação de um ambulatório TT para atender à população LGBT do Rio Grande do Norte. O investimento da Secretaria será em torno de R$ 100 mil recursos da Política LGBT (Gays, lésbicas, transexuais e travestis). O prazo para implantação é de seis meses. Os estados da Paraíba, Pernambuco e Ceará e Piauí já foram contemplados com o ambulatório.

De acordo com o coordenador do Programa DST/Aids, Sérgio Cabral, o grupo está encontrando mecanismos para organizar a implantação do serviço que precisa ser bem planejado porque exige profissionais  especializados e comprometidos com a política LGBT. “Nem todo mundo está preparado para trabalhar com a população LGBT. É bom esclarecer que não estamos fazendo nenhum favor a ninguém, mas cumprindo uma exigência da lei e uma recomendação do Ministério Público, é uma obrigação do poder público”, disse Sérgio.

Participam do Grupo de Trabalho, a Coordenadoria de Administração Hospitalar, Coordenadoria de Promoção à Saúde, o setor de Tratamento Fora Domicílio (TFD), Programa Estadual de DST/Aids e o Comitê do LGBT Fobia. O ambulatório será uma casa de convivência para oferecer serviços de ginecologia, assistente social, psicólogos e trabalhos de grupo.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Saúde Pública

O Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Rio Grande do Norte (Ipern) está convocando os servidores aposentados e pensionistas para que façam o recadastramento dentro do mês de aniversário. O não comparecimento acarreta na suspensão do pagamento no mês subsequente.

O recadastramento poderá ser feito na sede do Ipern, que funciona na Rua Jundiaí, nº 410, Tirol; nas agências de Mossoró, Currais Novos e Caicó, ou nas unidades que funcionam nas Centrais do Cidadão nos seguintes municípios: Parnamirim, Pau dos Ferros, Alexandria, Caraúbas, Assú, Santa Cruz, Nova Cruz, João Câmara, São Paulo do Potengi, São José de Mipibú, Macaíba, Ceará-Mirim e Alto do Rodrigues.

Aposentados e pensionistas, que residem em outros estados, podem fazer o recadastramento através do site do Ipern, www.ipe.rn.gov.br, obtendo o formulário no link Recadastramento, imprimir e reconhecer a firma com assinatura presencial em Cartório, anexar cópias autenticadas do RG, CPF, um comprovante de residência e certidão de nascimento ou casamento, atualizada em um ano e, enviar à sede do IPERN através dos Correios.

Vale ressaltar que o recadastramento é obrigatório e deve ser realizado anualmente, dentro do mês do aniversário do segurado. O objetivo é manter os dados cadastrais atualizados e evitar pagamentos indevidos de benefícios.

Os que não puderem comparecer por problemas de saúde, idade ou locomoção, deverão nomear um representante através de procuração pública.

ASSECOM/RN

 

O presidente nacional do PMDB, senador Romero Jucá (RR), anunciou nesta quarta-feira (16) que os dirigentes da legenda decidiram rebatizar a sigla com seu nome original: MDB – ‘Movimento Democrático Brasileiro’.

Na prática, o PMDB apenas perderá o “P” de sua sigla, que se refere a “partido”. A troca de nome é parte de um movimento que inclui outras legendas para tentar modernizar os nomes da siglas antes das eleições de 2018.

A iniciativa é efeito do desgaste do meio político nos últimos anos por conta de revelações de esquemas de corrupção, como o investigado pela Operação Lava Jato.

A cúpula do PMDB se reuniu nesta manhã para discutir a mudança. A alteração deve ser colocada em votação na convenção nacional da legenda, em 27 de setembro.

Segundo Jucá, a mudança de nome será comunicada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta quarta-feira, mesmo antes de a proposta ser analisada em convenção.

“Quero rebater críticas de que o PMDB estaria mudando de nome para se esconder. Não é verdade. Estamos resgatando nossa memória histórica. Queremos realmente ganhar as ruas. Nós vamos ter uma nova programação, bandeiras nacionais”, explicou.

O presidente da legenda disse que a cúpula do partido não discutiu outros temas, como a expulsão dos senadores Kátia Abreu (TO) e Roberto Requião (PR). Segundo Jucá, o partido ainda não tem posicionamento sobre o que será feito.

O partido estuda expulsar os senadores devido às críticas que os dois têm feito ao governo e às reformas propostas pelo governo Michel Temer, como a trabalhista e a da Previdência.

Tendência

O PMDB estudava resgatar o nome desde o fim de 2016. Até então, alguns legendas também optaram por mudar a sigla para se descolar da atual crise política e se aproximar dos eleitores.

O PTN já efetivou a troca para Podemos. O PTdoB virou Avante. O PSDC se intitula agora Democracia Cristã. O PEN quer passar a ser denominado Patriota.

Com o objetivo de se fortalecer para a disputa eleitoral, o DEM, que já foi PFL, também estuda alterar novamente o nome e articula uma revisão do estatuto para atrair parlamentares do PSB. Uma possibilidade aventada atualmente é que a sigla venha a se chamar Mude.

Alessandra Modzeleski, G1, Brasília

A segunda unidade da Central do Cidadão em Mossoró, no Estação Shopping, foi inaugurada na manhã desta quarta-feira pela secretária de Trabalho, Habitação e Assistência Social, Julianne Faria. A Central funciona de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h, para emissão de carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho e atendimento do Moradia Cidadã, numa média de 4 mil atendimentos mensais.

Aberta para atender a um pleito antigo dos comerciantes, a nova unidade foi aberta em parceria com o Estação Shopping, que disponibilizou o espaço, mobiliário e equipamentos. Já o Governo será responsável somente pelos servidores e pela energia elétrica.

Esta unidade vai funcionar como uma alternativa para a Central já existente na Rodoviária de Mossoró e que funciona das 7h às 13h. “Esta Central do Cidadão vai ser uma alternativa aos usuários por estar numa localização mais central. Além disso, para atender à demanda do município”, disse Julianne Faria.

Nova Parnamirim é o endereço do Procon Legislativo nestas quarta e quinta-feira (16 e 17). A mudança faz parte de mais uma ação para promover atendimentos à população fora da sede própria. A unidade móvel do órgão estará no bairro com toda a estrutura à disposição para atender os moradores da região, das 8h às 15h.

Assim como ocorreu nas outras ações do Procon Legislativo com a unidade móvel neste ano, na Zona Norte de Natal, Centro de Parnamirim e Ceará Mirim, a equipe do órgão estará em dois turnos no bairro realizando os atendimentos e também fazendo a orientação de comerciantes e pessoas que oferecem serviços na região. Segundo o coordenador-geral do órgão, Dary Dantas, a tendência é que ocorra grande procura pelo trabalho.

“Estacionamos em um local estratégico e o movimento maior sempre se concentra no segundo dia de atividades. As pessoas percebem a presença do veículo, buscam informações e voltam depois ou no dia seguinte com a documentação que precisa”, explicou. A unidade móvel do Procon da Assembleia está no estacionamento do supermercado Nordestão da avenida Maria Lacerda, em Nova Parnamirim.

Os atendimentos são realizados por funcionários do órgão e a expectativa é que mais de 150 pessoas sejam recebidas na unidade móvel do Procon por dia. Quase 30 atendimentos já haviam sido realizados somente nas primeiras horas desta quarta-feira (16). O funcionário público aposentado, Zinaldo Braga, foi um desses. “Esclareci umas dúvidas sobre minha conta de energia. Foi rápido e não precisei me deslocar até a Cosern”, disse.

Whatsapp
Além dos atendimentos presenciais, seja na sede do órgão ou na unidade móvel, o Procon da Assembleia Legislativa executa seus serviços por meio do aplicativo Whatsapp, pelo número (84) 98849-1187. Através da ferramenta, a população pode tirar dúvidas, receber orientações e agendar atendimento na sede do órgão. Um total de 239 atendimentos foram realizados somente no mês de julho. Assuntos financeiros e reclamações relacionadas à telefonia lideram o ranking de dúvidas e reclamações, informou com Dary Dantas.

O Procon Legislativo funciona na rua Jundiaí, nº 481, Tirol, Natal/RN. Telefone: (84) 3615-9000.

A Prefeitura Municipal de Currais Novos e a empresa “Global – Administração Profissional” realizarão entre setembro e outubro o projeto “PREPARA – Qualificação Profissional”, que capacitará 40 jovens curraisnovenses entre 18 e 25 anos que necessitam se qualificar profissionalmente e não dispõem de recursos financeiros para pagarem cursos em instituições privadas. No total, serão 08 encontros que serão realizados no auditório da AMSO onde serão trabalhados temas como perfil do funcionário, importância do trabalho, atendimento, vendas, secretariado e mídias digitais. De acordo com a Global, os treinamentos serão 100% práticos, e, ao final do curso, os alunos que obtiverem destaque terão seus currículos selecionados para disposição do mercado de trabalho.

As inscrições para o “PREPARA – Qualificação Profissional” acontecem de 21 à 26 de agosto na SEMTHAS (Rua do Plutônio, 95, próximo à Igreja Imaculada Conceição) das 7h Às 13h.

A comissão eleitoral do Conselho Municipal de Saúde de Currais Novos prorrogou para o dia 25 de agosto o prazo de credenciamento de entidades e/ou movimentos sociais que desejem participar da eleição do novo conselho para o biênio 2017 – 2019. Podem se credenciar para participar do processo eleitoral, as entidades, movimentos sociais, profissionais e trabalhadores de saúde, bem como indicação dos representantes do governo e das entidades prestadoras de serviços de saúde.

O Conselho Municipal de Saúde de Currais Novos será composto por 12 membros titulares e 12 membros suplentes com mandato de 02 anos. A eleição deverá acontecer no dia 31 de agosto.

A documentação necessária para o credenciamento de entidades e movimentos sociais deverão ser entregues até o dia 25 de agosto, das 7h às 13h, de segunda à sexta-feira, na Secretaria Executiva do Conselho Municipal de Saúde, na rua Abílio Chacon, 346, no antigo prédio do antigo SESI. Qualquer dúvida sobre o edital, entrar em contato com a Comissão Eleitoral do Conselho Municipal de Saúde através do email cmscn@hotmail.com

Instalação de poços tubulares, implantação de Restaurante Popular, reabertura de agência bancária, a construção de abatedouro público e melhoria no sistema de segurança são benefícios que o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) solicitou do governo do Estado e da superintendência do Banco do Brasil, por entender que o atendimento do pleito vai melhorar as condições de vida da população.

As ações propostas são destinadas aos municípios Santana do Matos, na região Seridó e São José de Campestre, no Agreste e foram solicitadas pelas famílias da zona rural e da área urbana.

“A perfuração de poços tubulares na área rural de Santana do Matos é de extrema importância e tem o objetivo de melhorar o abastecimento de água para os moradores dos distritos de santa Tereza e Barão de Serra Branca e nas comunidades Palestina I, Palestina II, Bom Jesus, Caiçara, Pixote Mineiro da Barra, Malhadinha e Boa Vista I e II, que enfrentam ameaça de colapso no abastecimento”, justifica o deputado Ezequiel quanto à solicitação dessa providência.

Para Santana do Matos o deputado também requereu a implantação do programa Restaurante Popular para fornecer refeições de boa qualidade por um preço bastante reduzido, sob a justificativa de que o município é carente e as principais fontes de renda são os empregos públicos e a seguridade social.

Já para São José de Campestre as solicitações foram a construção de um novo abatedouro público do modelo EMATER, já que o atual fica na área urbana da cidade e não oferece boas condições de trabalho, uma vez que é muito antigo.

O deputado Ezequiel Ferreira também reivindicou para aquela cidade do Agreste o aumento do efetivo policial e melhores condições de trabalho para a Polícia Militar, bem como a reabertura da agência do Banco do Brasil.

“A Agência do Banco do Brasil está fechada desde janeiro deste ano, após ter sido alvo de práticas criminosas. Com isso, os habitantes do município vêm sofrendo com os transtornos. As pessoas, para realizarem os serviços bancários se deslocam para outras cidades, o que gera gastos. Além disso, o comércio local já sente a diminuição das vendas”, registrou o deputado Ezequiel Ferreira.

Foi aprovado durante a reunião do Conselho Estadual de Saúde (CES), o Termo de Cooperação Técnica Financeira entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), Secretaria Municipal de Saúde de Natal e Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró.

Esta ação proporcionará a transferência de recursos financeiros do Orçamento Geral do Estado (OGE) da ordem de em R$ 46 milhões/ano, por meio do Termo de Cooperação Técnica Financeira com o município de Natal, dando continuidade a viabilização dos procedimentos de média e alta complexidade hospitalar.

Em relação a Mossoró, haverá a transferência de recursos do OGE da ordem de R$ 11 milhões/ano, além de complementação com recursos da Secretaria de Saúde de Mossoró. A medida viabilizará a realização de diversos procedimentos cirúrgicos em unidades hospitalares situadas no próprio município, de maneira a atender a uma população estimada em mais de 900 mil habitantes de Mossoró, Pau dos Ferros e Vale do Açu.

“Esta ação reduzirá a peregrinação de pacientes, fortaleceremos o processo de regionalização da assistência e reduziremos filas de pacientes para cirurgias, como também reduziremos processos de judicialização de procedimentos e vagas em UTI’s, pois estamos colocando à disposição da população outros prestadores de serviços, aumentando assim a nossa grade de serviços”, afirmou Carlos Eduardo Albuquerque, coordenador de Operacionalização de Hospitais e Unidades de Referência (COHUR).

Na quinta-feira (17) uma reunião extraordinária do Conselho Estadual de Saúde irá debater a Lei Orçamentária Anual (LOA), além do concurso público e processo seletivo simplificado.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Saúde Pública

www.scriptsell.net