All posts under: Regional

Fotos: João Vital

Vinte máquinas de costura industrial começaram a mudar a vida de 16 pessoas desde que foram entregues na Associação Comunitária Maria Terceira, em Parelhas. O projeto de economia solidária do Governo do RN, em parceria com a Sethas, Governo Cidadão e Banco Mundial, está investindo R$ 120 mil na mini fábrica, com contrapartida de R$ 60 mil da associação. São 20 máquinas, equipamentos e insumos para fomentar a produção das costureiras, que atualmente detém todo o mercado de roupas sacras da região.

“Agora vamos ter uma rendinha extra”, diz o autônomo Joel Dantas dos Santos, 44, que há três anos aprendeu a bordar apenas com o auxílio dos vídeos do Youtube. Ele domina o bordado eletrônico, técnica que consiste em desenhar no computador o bordado em um programa específico e depois aplicar no tecido. Será um dos costureiros na linha de produção da mini fábrica.

Para Vitória da Fonseca Carvalho, 75, fundadora da associação, é uma grande conquista estar com tudo pronto para funcionar. “Aqui fazemos um verdadeiro trabalho de formiguinha desde 2000, quando a associação foi fundada. Erguemos essa estrutura com doações e muito esforço e agora nos preparamos para ter essa renda extra que vai ajudar no sustento de todos”, comemora.

Além do enxoval para as igrejas da região, o grupo de Parelhas vai produzir redes, roupas, fardamentos, conjunto de cozinha e banheiro, panos de prato, entre outros. O plano é funcionar como uma facção e distribuir tanto o trabalho quanto os lucros coletivamente. Vitória diz que o mês de dezembro será de produção intensa, para comercializar em janeiro, quando acontece a festa da padroeira do município e a cidade lota de turistas. A expectativa é incrementar o faturamento em até 60% com a produção em maior escala.

 

 

Crédito das fotos: João Vital????

Em Acari, distante 209 km de Natal, o clima é quente e seco. Plantar não seria uma alternativa viável não fosse a vocação natural do município para a manga maranhão. É com a venda da fruta, inclusive para outros estados do Brasil, que muitos moradores das comunidades Bico da Arara e Cacimba do Meio estão sobrevivendo após seis anos de seca. Com o projeto de acesso à água já em andamento promovido pelo Governo do RN, com investimentos de R$ 400 mil nas duas comunidades via Governo Cidadão e Banco Mundial, a vida de 43 famílias vai melhorar ainda mais.

“Sempre sofremos com a falta de água, principalmente para beber”, diz o presidente da associação comunitária Sérvulo Neto, nascido e criado em Cacimba do Meio. Ele é um dos que investiu na plantação de manga maranhão para completar a renda da família. Recentemente mandou um caminhão cheio para o Rio de Janeiro – foram vendidas, de uma vez só, 40 caixas da fruta. Com a chegada da água, ele espera fomentar o crescimento dos pés de graviola, acerola e pinha, que plantou em contrapartida ambiental.

A agricultora Mônica Barbosa, 51, também vai se beneficiar com a recuperação e ampliação do sistema de abastecimento de água da comunidade. Hoje ela já planta feijão, milho e capim e cria algumas vacas, mas está otimista com os pés de tamarindo, acerola, limão e cajarana que plantou há poucos meses. “Agora não vai mais faltar água e vou ter minhas plantinhas”, comemora. Já o aposentado Francisco Canuto, 74, morador da localidade há 34 anos, vai aproveitar a fartura de água para investir nos pés de manga e vender a fruta. Quer também construir uma pequena caixa d’água para armazenar água para beber.

O projeto inclui a escavação de seis poços amazonas no Rio Acauã, para tornar possível o abastecimento de seis subsistemas a serem implantados ao longo da comunidade, com o intuito de atender 27 famílias. Os investimentos somam R$ 215,9 mil e ainda envolvem a distribuição de kits de reuso de águas cinza.

Bico da Arara

A agricultora Maria do Socorro Feliciano, 51, mora há 11 anos na comunidade Bico da Arara em Acari. “É uma vida muito sofrida sem água, dependendo de carro-pipa”, diz. Mas com o projeto em andamento, ela já está esperançosa e inclusive começou a plantar goiaba, acerola, banana e manga. Seu sonho é conseguir manter viva uma horta no quintal de casa. “Deus mandando água nossa vida vai mudar muito, com certeza”.

Clóvis Medeiros dos Santos, 63, cercou sua casa de plantas e agora colhe os frutos. As nove mangueiras já lhe renderam boas vendas de manga maranhão, mas ainda há plantação de goiaba, graviola, caju e laranja. Os coqueiros morreram, mas quando o inverno chegar e a água também, ele vai plantar novamente.

Na comunidade está sendo finalizada a construção de uma barragem submersa a base de concreto ciclópico, além da escavação de um poço amazonas de 4,5 metros de profundidade. As 16 famílias também irão receber o kit de reuso de águas cinza, que será destinado predominantemente à prática da irrigação simplificada na reposição da vegetação nativa. Estão sendo investidos R$ 184,6 mil e a execução é por conta da Sethas.

Crédito Édipo Natan

O campus de Santa Cruz da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) irá inaugurar nesta sexta-feira, dia 17, o anexo de aulas que foi feito no antigo prédio da Escola Miguel Lula, no Centro de Santa Cruz.

Como a EBSERH ainda não tem recursos para construção de um novo Hospital Ana Bezerra no local, o prédio foi dividido em duas, e uma parte ficou para a ampliação da UFRN e a outra parte para o Hospital Ana Bezerra, que utilizará para arquivo e almoxarifado.

No anexo construído pela UFRN, funcionarão salas de aula, área de convivência, sala de estudos e as clínicas de enfermagem e Psicologia, que será uma clinica modelo, que dará atendimento psicológico a população mais carente do Trairi.

As atividades começarão imediatamente após a inauguração e vão garantir mais conforto para os estudantes, que tem que se deslocar para outros prédios para assistir aula, o que causava transtornos.A obra foi desenvolvida em cerca de seis meses e foram investidos mais de meio milhão de reais, com recursos próprios da UFRN Santa Cruz, para as adequações necessárias para atender melhor os discentes.

Com aulas integradas de todos os cursos no espaço, a expectativa é ainda de maior interação entre os discentes em sua formação acadêmica, aprimorando o processo de ensino/aprendizagem da UFRN Santa Cruz.

A Gestão Municipal, através de Secretaria de Educação e Espaço Cultural Poeta Pedro Henrique de Assis, recentemente, participou de evento cultural de cunho filantrópico.

Trata-se do projeto nacional “vestido de algodão para meninas do sertão”, que conta com a colaboração de escritores, costureiras e doadores de tecidos. No RN, a campanha de voluntariado, é articulada pela poetisa lagoanovense Paula Belmino e a professora Cícera Simões.

Nesta quinta (09), a secretária de Educação Iralice Aciole, Coordenadora de municipal de Ensino Infantil Aucileide Assunção e a Coordenadora Municipal de Cultura Josilene Olegário, se fizeram presentes, no  sarau, com direito a recital de poesias e apresentação do grupo de flautas “Primeira Nota”, que é dirigido pelo maestro Francisco Aprígio.

Na oportunidade, foram entregue kits de roupas para meninos e meninas das Escolas: Francisco Jerônimo de Medeiros, CMEIPELV e crianças da igreja da comunidade evangélica local. O projeto mencionado, existe a três anos e em Lagoa Nova, recebeu a visita de trabalho de Maria Elizabete Tavares, Célia Bonafe, Thereza Maria, Maria Cininha e outras colaboradoras.

 

Crédito das Fotos: Rayane Mainara

Investir em um negócio próprio era o grande sonho de Neide de Medeiros. Agora, com a chegada do programa Microcrédito do Empreendedor, a vendedora de cosméticos vai finalmente conseguir ampliar o estoque. “Com esse valor, vou comprar uma quantidade maior e aumentar a diversidade de produtos. Inclusive vou chamar minha irmã para trabalhar comigo, já que a demanda está aumentando”, afirmou a comerciante de Caicó.

Com história parecida, Maria da Conceição Pereira também é dona do próprio comércio. Ela e o marido trabalham com avicultura e com o cheque do microcrédito também vão ampliar as vendas. “Não sei nem explicar como estou feliz. Vou comprar mais galinhas, equipamentos e melhorar meus serviços”, contou emocionada a comerciante de Cruzeta.

Assim como Neide e Maria da Conceição, cerca de 600 pequenos comerciantes de Cruzeta, e outros municípios da região seridoense, como São José do Seridó, Tenente Laurentino, Florânia, São Vicente, Caicó e São Bento do Trairi foram beneficiados com a entrega dos cheques do programa Microcrédito do Empreendedor. Mais de R$ 2 milhões estão sendo investidos na economia dessas cidades, possibilitando a criação de novos negócios e empregos.

A entrega dos cheques foi realizada pelo governador Robinson Faria, na manhã deste sábado (04), no Ginásio Poliesportivo de Cruzeta.

Robinson ressaltou que a chegada do programa na região, cumpre uma promessa feita por ele em julho passado, quando esteve em Cruzeta para participar da Festa da Colheita. “Assumi compromisso com o povo de Cruzeta e outros municípios do Seridó que entregaria em breve os cheques do microcrédito. Cumpri minha palavra e, em meio à crise, estamos investindo na economia do Seridó, gerando emprego e renda também para as cidades do interior”, explicou o governador.

O chefe do Executivo estadual ainda destacou que mais de 100 municípios do RN já foram beneficiados com o programa. “Já investimos cerca de R$ 32 milhões em novos negócios em diversas áreas produtivas, como comércio de roupas, salão de beleza e outros prestadores de serviço. Ficamos felizes com o resultado desse programa e pretendemos ampliar cada vez mais”, informou Robinson.

A secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), Julianne Faria, aproveitou a ocasião e anunciou que outras ações do governo chegarão a Cruzeta. “No próximo dia 17, vamos voltar ao município com o Vila Cidadã, trazendo ações de lazer e cidadania a população. Além disso, os programa habitacionais e de inclusão produtiva também serão executados aqui”, disse a titular da Sethas.

O prefeito de Cruzeta, Sally Araújo, agradeceu a ida do governador à cidade e pelo trabalhos e investimentos realizados na região. “Muito importante essa parceria forte com o governo estadual para ajudar no crescimento das cidades do interior”, declarou Sally.

Na oportunidade, o governador ainda entregou um novo veículo para o escritório local da Emater.

Também participaram da solenidade o deputado estadual Vivaldo Costa, secretários estaduais, prefeitos do Seridó e lideranças da região.

PROGRAMA MICROCRÉDITO DO EMPREENDEDOR

O Programa Microcrédito do Empreendedor é um projeto pioneiro planejado e executado pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria Estadual do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas) e em parceria com a AGN.

O Microcrédito financia em até R$ 3 mil o empreendedor informal e em até R$ 6 mil o empreendedor formalizado, com atendimento individual ou em grupos de três a cinco pessoas.

As taxas de juros são de 1,5% ou 1,7% ao mês. O prazo para pagar o financiamento é de até 12 meses para quem não possui CNPJ, e 24 meses para os pequenos empreendedores que já atuam na formalidade.

Além disso, quem paga o empréstimo em dia tem desconto de adimplência de 100% dos juros.

 

Crédito da Foto: Eduardo Maia
Buscando valorizar a memória de personalidades que contribuíram para a construção de São José do Seridó ao longo dos 100 anos de história do município, a Assembleia Legislativa, por proposição do deputado Nelter Queiroz (PMDB), promoverá sessão solene nesta sexta-feira (3), às 19h, no Centro Paroquial Bento XVI, localizado na cidade. A solenidade conta com o apoio da Câmara de Vereadores e Prefeitura Municipal.

“São José do Seridó é uma cidade que se destaca no Estado potiguar por sua história, beleza, desenvolvimento e por ter um povo honesto, acolhedor e bastante trabalhador. O centenário de fundação do município é uma data que não pode passar em branco, assim, levaremos o Legislativo Estadual para o município com o intuito de homenagear personalidades com reconhecida colaboração para a construção e desenvolvimento de São José”, destaca Nelter explicando que o evento atende sugestão do vereador local Vinícius Dantas (PMDB).

Ao todo, a Casa Legislativa irá homenagear 30 são-josé-seridoenses com destacada contribuição para o município, desde a sua fundação, em 4 de novembro de 1917, até a atualidade. Os homenageados possuem relevante atuação em diversos setores, como política, comércio, indústria, educação, pecuária, agricultura, cultura, esportes, gastronomia e saúde pública.

“Parabenizo os nobres homenageados e convido a população de São José do Seridó pra se fazer presente neste evento, aberto ao público, que se configura num momento único e histórico para o município”, afirma Nelter Queiroz


O município de Jardim do Seridó, cidade de 12.500 habitantes na região Seridó do Rio Grande do Norte, está em situação de colapso no abastecimento de água. O sistema operado pela Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) teve que ser desligado, por não ser mais viável captar água no Açude Zangarelhos, sistema alternativo que vinha abastecendo a cidade. Antes, Jardim do Seridó recebia água da barragem Passagem das Traíras, que secou.

A prefeitura da cidade, junto com a Defesa Civil, deve tomar as providências para viabilizar o abastecimento da população.

Com a entrada de Jardim do Seridó, agora são 17 cidades potiguares em situação de colapso, sendo cinco na região Seridó e 12 no Alto Oeste. Outras 76 cidades são abastecidas em sistema de rodízio.

Redação – ACS Caern

Crédito da Foto: Eduardo Maia
Em pronunciamento na sessão plenária desta quarta-feira (25), na Assembleia Legislativa, o deputado Nelter Queiroz (PMDB) reiterou solicitação ao Governo do Estado para a inclusão dos municípios de São José do Seridó, Cruzeta, São Vicente, Florânia, Tenente Laurentino, Bodó, Santana do Matos, Lagoa Nova, Cerro-Corá, entre outros, na relação de cidades contempladas com o Programa de Microcrédito do Empreendedor.

“Faço novamente hoje, no plenário da Casa Legislativa, um apelo reiterando requerimentos já encaminhados anteriormente solicitando o microcrédito para esses municípios. O programa é um apoio aos munícipes que desejam empreender”, disse Nelter.

O Microcrédito do Empreendedor é desenvolvido por meio da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS) em parceria com a Agência de Fomento do RN (AGN). Cada financiamento tem prazo de até 12 meses para ser quitado com taxas de juros de 1,5% ou 1,7% ao mês, com desconto de 100% dos juros para as quitações em dia.

O foco do programa é estimular a autonomia financeira, a geração de emprego e renda e expandir os pequenos negócios locais, aquecendo a economia. Até o momento, foram atendidas 59 cidades, com 3.107 cheques entregues, que representou a injeção de R$ 7,8 milhões. O número deve chegar a R$ 40 milhões até o final de 2018 para empreendedores de todo o Estado.

Segurança

Ainda durante o pronunciamento, o parlamentar também fez um apelo cobrando que seja disponibilizado um delegado da Polícia Civil para atuação no município de Jardim de Piranhas.

Com críticas nada propositas, interesses individualistas e lobby político para o quanto pior melhor, Lagoa Nova sangra.

Estamos tentando fazer nossa parte, com transparência, garra e determinação, mas há um fator que não podemos lutar contra, a falta de recursos e a impossibilidade de arrecadar novas receitas.

É com lástima e tristeza que anunciamos que o saldo do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), previsto para hoje na nossa cidade veio com saldo ZERO- novamente!

Lagoa Nova sim tem jeito, mas é devido aqueles que acreditam no nosso trabalho e empenho, apesar da maior crise financeira da história, tenho fé que com união e trabalho, vamos tirar nossa cidade da falência financeira.

Prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos

Credito da foto: Elpídio Júnior

O excelentíssimo Sr. Juiz Eleitoral da  20ª Zona Eleitora/RN, Marcus Vinicius Pereira Junior,  tendo em vista a realização de revisão biométrica nesta 20ª zona eleitoral que compreende os municípios de Bodó/RN,Cerro Corá/RN,Currais Novos e Lagoa Nova/RN   divulgou o cronograma de revisão biométrica nos respectivos municípios. Lembramos ainda, que para a revisão biométrica o eleitor deverá estar munido dos seguintes documentos: Título Eleitoral e cópias de 01(um) documento oficial com foto e comprovante de residência.

Confira o cronograma de atendimentos por município;

 

 

 

O prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos esteve na Companhia Estadual de Habitação e Desenvolvimento Urbano (CEHAB), para conhecer melhor o programa Moradia Cidadã.

Na ocasião, ele foi atendido pelo diretor-administrativo, Romero Mello, e pela coordenadora do Departamento de Desenvolvimento Social (DDS) da Companhia, Gabriela Christine.

O gestor pretende combater o déficit de moradias no município seridoense.

Luciano vem atuando como um gestor eficiente, apesar das dificuldades financeiras que enfrenta o seu município.

Luciano Santos disse ao Blog, que a crise, redução nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), retenções e/ou descontos e dificuldades para gerir as demandas cotidianas e atender as necessidades da população, são problemas comuns ao dia a dia de Lagoa Nova e dos municípios do Rio Grande do Norte.

Comprometimento

“Hoje dia 10 de outubro tivemos a primeira cota do mês de outubro do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com saldo zerado. A falta do repasse, pago nesta terça-feira, afeta ainda mais os cofres públicos, que já vêm sofrendo com a diminuição de verbas. O não recebimento do FPM compromete totalmente as finanças, o pagamento de salários dos servidores, fornecedores, etc”, destacou o prefeito.

Objetivando a segurança dos pedestres que precisam atravessar a Rua José Bezerra de Araújo, no bairro Santa Isabel, precisamente na altura do Restaurante Popular, uma equipe do Departamento Estadual de Trânsito do RN (DETRAN) implantou nesta terça-feira (10) uma faixa de pedestres no local.

“Levamos ao Detran a solicitação advinda da própria população, especialmente dos que se alimentam regularmente no Restaurante Popular, e hoje a faixa de pedestres foi feita. Esta ação até parece simples, mas dará mais segurança aos pedestres e aos condutores de veículos que trafegam nas imediações. Agradeço ao DETRAN o atendimento do pleito”, comentou Nelter.

Segue até esta quarta-feira, 11 de outubro, o Cadastro Biométrico na cidade de Campo Redondo. Faltando poucas horas para o encerramento da atividade a procura tem sido intensa. O atendimento está acontecendo na sede do Centro Administrativo, onde o Tribunal Regional Eleitoral montou um posto para receber os eleitores em parceria com a prefeitura municipal

De acordo com o TRE não terá novo prazo para os retardatários. Os eleitores deverão levar comprovante de residência (cópia e original), documento oficial com foto (cópia e original) e título de eleitor até esta quarta-feira.

Obrigatoriedade 

Estão obrigados a fazer o recadastramento todos os eleitores, inclusive aqueles cujo voto é facultativo (analfabetos; eleitores com idade entre 16 e 18 anos; os maiores de 70 anos de idade). O cidadão que não fizer o recadastramento dentro do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral terá o título cancelado. 

Lagoa Nova e mais 47 cidades do municípios do Rio Grande do Norte tiveram a primeira cota do mês de outubro do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com saldo zerado. A falta do repasse, pago nesta terça-feira, 10, afeta os orçamentos dos municípios, que já vêm sofrendo com a diminuição de verbas. Desde setembro, os repasses do FPM tem se agravado, quando 39 cidades potiguares ficaram sem verbas do Fundo.

Segundo a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN), é grave a situação, a falta do FPM preocupa muito os gestores. Há dezenas de pequenos municípios que sobrevivem, praticamente, só do dinheiro do fundo. E mesmo para os municípios que dispõem de melhor estrutura, o não recebimento do FPM compromete totalmente as finanças, o pagamento de salários, fornecedores, etc.

A orientação da FEMURN aos gestores municipais é que tenham atenção redobrada com os recursos municipais permanece. Historicamente, o FPM é fortemente afetado no segundo semestre de cada ano, devido à restituição do Imposto de Renda (IR). Com a atual crise financeira, cada vez mais municípios são impactados pelos saldos zerados do fundo.

MUNICÍPIOS ZERADOS DE FPM NA PRIMEIRA COTA DE OUTUBRO/2017

AFONSO BEZERRA

ALTO DO RODRIGUES

ANTÔNIO MARTINS

ARÊS

BARAÚNA

BENTO FERNANDES

CAICÓ

CARNAÚBAIS

ENCANTO

FELIPE GUERRA

FERNANDO PEDROSA

FLORÂNIA

GALINHOS

GOV. DIX-SEPT ROSADO

GROSSOS

ITAJÁ

JANDUIS

JOÃO CÂMARA

LAGOA D’ANTA

LAGOA DE PEDRAS

LAGOA DE VELHOS

LAGOA NOVA

LAGOA SALGADA

MARCELINO VIEIRA

MARTINS

MONTE DAS GAMELEIRAS

MOSSORÓ

PARANÁ

PARA?

PEDRO VELHO

PORTO DO MANGUE

PUREZA

RIO DO FOGO

SANTA MARIA

SANTANA DO MATOS

SANTO ANTÔNIO

SÃO BENTO DO NORTE

SÃO MIGUEL DO GOSTOSO

SÃO PEDRO

SERRA DO MEL

SÍTIO NOVO

TAIPU

TENENTE LAURENTINO CRUZ

TOUROS

TRIUNFO POTIGUAR

UMARIZAL

VENHA VER

VILA FLOR

O Governo do Estado, por meio da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do RN iniciou, nesta quinta-feira (5), o abastecimento em três municípios do Seridó que tiveram o fornecimento de água paralisado pela Caern. As cidades que iniciaram o atendimento emergencial são: Acari, Cruzeta e Currais Novos.

Estima-se que quase 10 mil pessoas sejam beneficiadas com a chegada de 17 caminhões pipa. Para isso, estão sendo utilizadas 38 cisternas com capacidade de 5 mil litros cada. Totalizando 190 mil litros para a população destas três cidades. Atualmente, 18 municípios são abastecidos na segunda fase da Operação Vertente. No total, 90 caminhões levam água diariamente pelo interior do Rio Grande do Norte. A operação segue até o fim do colapso comunicado pela CAERN.

Operação Vertente
Com recursos da ordem de R$ 12,7 milhões, oriundos do Ministério da Integração Nacional, a Operação Vertente é realizada pelo Governo do Estado com o objetivo de manter o abastecimento humano nas cidades em colapso declarado pela CAERN.

ASSECOM/RN

Reconhecendo a importância do atendimento cardiológico, a gestão do Prefeito Luciano Santos, empreendendo um grande esforço administrativo, oferece pela primeira vez na história da cidade, consultas cardiológicas no posto de saúde do município.

O Médico Cardiologista Flávio Henrique, começou neste sábado (30), a atender a população lagoanovense, que com certeza agradece.

Prevenção

As complicações e doenças cardiovasculares são campeãs em mortes no mundo todo, infelizmente há falta de médicos especializados, quando há, muitas vezes os valores cobrados pelas consultas são distantes da realidade financeira da população.

Prefeito de Lagoa Nova Luciano Santos foi o entrevistado na Rádio Rural de Parelhas na manhã de hoje, dia 30 de setembro.

Ele que é presidente do Consórcio Público de Resíduos Sólidos do Seridó vem se destacando regionalmente, na gestão da capital da Serra de Santana.

Na entrevista entrou em pauta também a situação hídrica do munícipio e as dificuldades enfrentadas com as recentes quedas de FPM e a dificuldade de ajustar a máquina administrativa para um valor prudencial confortável.

A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil alerta as prefeituras de 44 cidades do Rio Grande do Norte para que preencham o Formulário de Informação do Desastre (FIDE), ferramenta de comunicação oficial do Ministério da Integração Nacional para informação da situação de emergência pela seca.

O preenchimento do FIDE é de fundamental importância para a continuidade de ações emergenciais de combate aos efeitos da seca. Caso o município não informe sua situação através do formulário, o Ministério da Integração poderá não disponibilizar recursos para tomada de medidas importantes no município, como a Operação Vertente, do Governo do Estado, que abastece as populações da zona urbana por caminhões-pipa; e a Operação Carro Pipa, do Exército Brasileiro, que abastece a população rural.

Entre agosto e setembro deste ano, a Defesa Civil Estadual realizou oito oficinas em diversas regiões do estado, no intuito de capacitar os agentes municipais para o preenchimento do formulário, que é feito de forma simples através da internet, no Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID).

Os agentes da Defesa Civil Estadual estão à disposição dos municípios para orientação dos agentes municipais que não participaram da capacitação. O contato é possível através do telefone (84) 3232 5155; por e-mail, através do cedec.rn@gmail.com; ou de forma presencial, na sede da Defesa Civil, que fica no prédio da Governadoria, Centro Administrativo do Estado.

RELAÇÃO DOS MUNICÍPIOS AFETADOS PELA SECA E AINDA PENDENTES DO PREENCHIMENTO DO FIDE:

Água Nova, Antônio Martins, Areia Branca, Barcelona, Bento Fernandes, Boa Saúde, Caiçara do Norte, Ceará Mirim, Coronel Ezequiel, Coronel João Pessoa, Encanto, Frutuoso Gomes, Galinhos, Grossos, Ielmo Marinho, Itajá, Itaú, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Lagoa de Velhos, Martins, Monte Alegre, Olho d’água do Borges, Passagem, Passa e Fica, Pedra Preta, Pendências, Serra Caiada, Rafael Godeiro, Riacho de Santana, Riachuelo, Ruy Barbosa, Santo Antônio, São Bento do Norte, São Bento do Trairi, São José de Mipibu, São Miguel, São Vicente, Serra Negra do Norte, Serra de São Bento, Tangará, Tenente Laurentino Cruz, Umarizal e Vera Cruz.

Leia o Jornal Impresso