All posts under: Política

Crédito da foto: Reprodução/Jornal de Fato

A Confederação Nacional do Transporte (CNT/MDA) divulgou agora pouco a pesquisa sobre a corrida presidencial. E pelo resultado na intenção de voto estimulada, vai se consoliderando o segundo turno entre os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad(PT).

VEJA OS NÚMEROS DA ESTIMULADA:

Jair Bolsonaro – 28,2%

Fernando Haddad – 17,6%

Ciro Gomes – 10,8%

Geraldo Alckmin – 6,1%

Marina Silva –  4,1%

João Amoêdo –  2,8%

Alvaro Dias –  1,9%

Henrique Meirelles – 1,7%

Cabo Daciolo – 0,4%

Guilherme Boulos – 0,4%

Vera – 0,3%

Eymael –  0,0%

João Goulart Filho –  0,0%

Brancos/Nulos – 13,

Indecisos -12,3%

VEJA O RESULTADO DA ESPONTÂNEA:

Jair Bolsonaro: 23,7%

Fernando Haddad: 9,1%

Lula: 7,5%

Ciro Gomes: 6,3%

Geraldo Alckmin: 2,8%

João Amoêdo: 1,8%

Marina Silva: 1,7%

Alvaro Dias: 0,9%

Outros: 1,0%

Branco/nulo: 13,9%

Indeciso: 31,3%

A pesquisa CNT/MDA, registrada no TSE sob o número BR-04362/2018, ouviu 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 Unidades da Federação.

Crédito: Jornalista Juliana Manzano

Organizado pelo Força Democrática, o movimento ‘Força, Capitão!” reuniu, na tarde de ontem(16), mais de milhares de pessoas em favor da candidatura à Presidência da República de Jair Bolsonaro,  que está hospitalizado desde o último dia 6, após ser esfaqueado durante caminhada de rua em Juiz de Fora/MG. O movimento realizado no cruzamentos das avenidas Salgado Filho e Bernardo Vieira contou com a participação de vários grupos de direita da capital potiguar.

O Força Democrática foi o grupo que iniciou os movimentos de rua em Natal contra a corrupção e contra o Partido dos Trabalhadores (PT) em 2014, ocasião em que o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff foi requerido pela população. Além do Força Democrática, também participaram do movimento deste domingo o Grupo Radar, o Avança Nordeste e o Endireita Natal.

Líder do FD, Carlos Reny ressalta que o grupo entende que, hoje, a maior representação da Direita no Brasil é o candidato Bolsonaro, atualmente filiado ao PSL. “Não podemos deixar o Brasil ser entregue à Esquerda novamente. Então, achamos que esta é a hora de unirmos os grupos da direita em prol de um objetivo único que é eleger o Bolsonaro, candidato que, no nosso entendimento, é o que melhor representa a direita nesta eleição”, pontua.

Os candidatos Jair Bolsonaro e Fernando Haddad disputam a preferência do voto do potiguar para presidente da República. O capitão reformado tem 21%, contra 20% de seu oponente, segundo o levantamento estimulado do instituto SETA.

Ciro Gomes aparece em terceiro com 14%. Na sequência, Geraldo Alckmin (3%), Marina Silva (2%), Álvaro Dias, Henrique Meirelles e João Amôedo, com 1% cada, completam a lista. Brancos, nulos e ninguém são 30% e 7% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 9 de setembro. Foram ouvidos 1.300 eleitores em todas a regiões do Estado. A margem de erro é de 3% e o intervalo de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob os protocolos BR-02681/2018 e RN-07553/2018.

A senadora Fátima Bezerra lidera as intenções estimuladas de voto para o Governo do Estado com 32%, indica pesquisa SETA.

Depois da petista, o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves aparece com 16%, seguido pelo governador Robinson Faria, com 12%. Pela margem de erro, ambos estão em empate técnico.

Brenno Queiroga e Heró Bezerra pontuaram 1% cada. Os demais candidatos não pontuaram acima de um ponto percentual.

Brancos, nulos e ninguém somaram 32% e 6% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 9 de setembro. Foram ouvidos 1.300 eleitores em todas a regiões do Estado. A margem de erro é de 3% e o intervalo de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob os protocolos BR-02681/2018 e RN-07553/2018.

A administração do governador Robinson Faria é desaprovada por 76% dos eleitores, indica pesquisa SETA. Apenas 15% aprovam a condução do Estado pelo atual governador. Já 9% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 9 de setembro. Foram ouvidos 1.300 eleitores em todas a regiões do Estado. A margem de erro é de 3% e o intervalo de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob os protocolos BR-02681/2018 e RN-07553/2018.

Crédito G1 – Brasília

O ministro Sérgio Banhos, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), rejeitou neste sábado (15) um pedido do ex-residente Luís Inácio Lula da Silva para gravar áudios e vídeos para propaganda eleitoral dentro da prisão.

Em julho, a juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução da pena dele na Operação Lava Jato, já havia negado o pedido de Lula para gravar áudios e vídeos na cadeia.

A defesa de Lula pediu, então, para que o TSE declarasse o direito de Lula de fazer as gravações. Mas o ministro Sérgio Banhos determinou que a decisão não cabe à Justiça Eleitoral, por entender que o assunto tem que ser decidido pelo juízo responsável pela execução da pena do ex-presidente

“Desse modo, o que pretendem os requerentes escapa à competência da Justiça Eleitoral, que estaria se imiscuindo em assunto de competência do Juízo da Execução, responsável pela administração de todas as questões pertinentes ao cumprimento pena”, decidiu Sérgio Banhos.

Proibição mantida

No pedido ao TSE, os advogados do PT haviam argumentado que, mesmo preso, Lula ainda tem direitos políticos, pois restam recursos pendentes de julgamento contra a condenação.

“Imperioso o destaque de ser pacífico o entendimento de que qualquer postura que demonstre uma suspensão de direitos políticos antes do trânsito em julgado de decisão criminal condenatória, com a exceção da inelegibilidade instituída pela Lei da Ficha Limpa, é absolutamente inconstitucional”, disseram os advogados no documento.

Mas Sérgio Banhos afirmou: “Há, no que diz com a matéria em análise, barreira processual intransponível, qual seja: a incompetência da Justiça Eleitoral para adentrar assunto que demanda decisão exclusiva do Juízo de execução da pena. ”

Lula inicialmente era candidato do PT à Presidência, mas teve a candidatura rejeitada pelo TSE, com base na lei da Ficha Limpa. Nesta semana, o partido decidiu que Haddad substituiria o ex-presidente como candidato.

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

O deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) deu prosseguimento as visitas aos municípios da região Seridó, uma das mais importantes do Estado, na campanha à reeleição para a Assembleia Legislativa. Neste sábado (15) a visita começou por Lagoa Nova, a maior cidade da microrregião da Serra de Santana.

Ezequiel aproveitou o encontro para fazer uma prestação de contas dos benefícios que já estão contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da população e assumiu o compromisso de continuar desenvolvendo ações para impulsionar o desenvolvimento da região. Em Lagoa Nova Ezequiel recebe o apoio de Luciano Santos, prefeito da cidade, Iranildo Silva, vice-prefeito, Ivamar Domingos e Paulo Machado, vereadores. Participaram da mobilização o candidato a senador da República, Geraldo Melo e o candidato a deputado federal, Walter Alves.

“O Seridó sempre mereceu o nosso apoio. Entendemos que além de uma obrigação nossa é o reconhecimento da força de trabalho do seridoense por viver em pleno semiárido e enfrentar essa adversidade. Por isso, entre as solicitações dos agricultores que chegaram ao nosso gabinete parlamentar, conseguimos ações concretas na área de recursos hídricos, diminuindo a escassez de água na região”, frisou o deputado Ezequiel Ferreira.

Instalação e perfuração de poços nos distritos de Baixo Verde, Filgueira, Manoel Domingos, Macambira, nos Assentamento José Milanês; Cícero; Lagoinha, São Pedro, São José, Sítio do Meio e Umarizal; viatura policial; veículos e equipamentos para reforço das atividades da EMATER. Operação tapa buracos na RN-041 no trecho que liga à Currais Novos e ambulância.

Florânia – À tarde a movimentação de campanha do deputado Ezequiel ocorreu em Florânia, onde também foi recebido pelos admiradores do seu trabalho parlamentar, sempre voltado para melhorar a qualidade de vida da população aliado ao desenvolvimento sustentável da região. Foi muito bem recebido pelo presidente da Câmara, Saint Clair, o Galo, e pelo vereador Manoelzinho, além do ex-prefeito, Júnior de Janúncio. A candidata a deputada federal, Karla Veruska também participou da mobilização.

Em atendimento a requerimentos do deputado Ezequiel, o governo do Estado fez reparos na adutora da Serra de Santana e na de Currais/Novos/Acari. Levou o Programa Microcrédito; desenvolveu ações do DETRAN para melhorar a sinalização das ruas cidade e conseguiu carros refrigerados para os trabalhos da EMATER.

Crédito da foto: Reprodução/copiada do jornal de fato

O Datafolha divulgou o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. A pesquisa ouviu 2.820 eleitores entre quinta (13) e sexta-feira (14). O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

VEJA OS NÚMEROS

Jair Bolsonaro (PSL): 26%

Ciro Gomes (PDT): 13

Fernando Haddad (PT): 13%

Geraldo Alckmin (PSDB): 9%

Marina Silva (Rede): 8%

Alvaro Dias (Podemos): 3%

Henrique Meirelles (MDB): 3%

João Amoêdo (Novo): 3%

Cabo Daciolo (Patriota): 1%

Guilherme Boulos (PSOL): 1%

Vera Lúcia (PSTU): 1%

João Goulart Filho (PPL): 0%

Eymael (DC): 0%

Branco/nulos: 13%

Não sabe/não respondeu: 6%

Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado na segunda-feira (10):

Jair Bolsonaro oscilou, dentro da margem de erro, de 24% para 26% (com a margem de erro, tem de 24% a 28%);

Ciro Gomes se manteve no mesmo patamar, com 13% (pela margem de erro, de 11% a 15%);

Fernando Haddad tinha 9%, agora cresceu para 13% (pela margem de erro, de 11% a 15%);

Marina Silva estava com 11%, agora caiu para 8% (com a margem de erro, tem de 6% a 10%);

Geraldo Alckmin tinha 10%, agora, 9% (com a margem de erro, de 7% a 11%);

SIMULAÇÕES DE SEGUNDO TURNO

Marina 43% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 16%; não sabe: 2%)

Ciro 40% x 34% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)

Alckmin 41% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Alckmin 39% x 36% Marina (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Ciro 45% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 15%; não sabe: 2%)

Alckmin 40% x 32% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Bolsonaro 41% x 40% Haddad (branco/nulo: 17%; não sabe: 2%)

Ciro 44% x 32% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Marina 39% x 34% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 2%)

Ciro 45% x 27% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 2%)

Fotos: Assessoria de imprensa 

Ontem, Nesta sexta-feira (14), depois de cumprir agenda em Natal, ao lado do candidato a presidente da República, Geraldo Alckmin (PSDB), o deputado Ezequiel Ferreira participou de mobilizações nas cidades de Currais Novos e Tenente Laurentino, na região Seridó do Estado. O senador Geraldo Melo e o deputado federal Rogério Marinho também participaram das mobilizações.

“Um grande encontro de amigos. Só tenho gratidão e agradecer a cada um dos correligionários que promoveram este ato de estímulo e apoio a minha candidatura de deputado estadual”, salientou Ezequiel ao agradece em público a equipe que organizou a mobilização; João Neto (vereador e presidente da Câmara), vereadoras Zefinha Moura e Celinha, o vereador Wilton da Pax, a ex-vereadora Dadá, ex-vereador Marinaldo Francisco, Milena Galvão Ferreira de Souza, ex-vice-prefeita e Vilton Cunha, ex-prefeito.

De Currais Novos Ezequiel Ferreira foi recebido em Tenente Laurentino e outra grande carreata percorreu as principais ruas da cidade. “Mais uma vez me surpreendi com o carinho e apreço nas ruas de Tenente Laurentino”, disse Ezequiel ao externar ao organizadores da mobilização o seu reconhecimento pelo empenho de todos.

Em Tenente Laurentino estão na caminhada com Ezequiel a prefeita Sueleide, Paula (vereadora), os vereadores Tomaizinho e Auricélio, os suplentes de vereadores Bico de Ouro, João do Sindicato e Titio e as lideranças Netinho Laurentino e Gildenir.

O deputado aproveitou o encontro para fazer uma prestação de contas das suas ações parlamentares na atual legislatura que concretamente já estão contribuindo para impulsionar o desenvolvimento econômico e a melhoria da qualidade de vida do município e da região, como vem fazendo nos municípios de todas as regiões do Estado que estão sendo visitadas nesta campanha pela reeleição. Com destaque para ações nas área de saúde (equipamento, ambulância e custeio para hospital regional), segurança púbica (viaturas e reforço de equipes policiais), convivência com a seca (barragens submersas, poços tubulares, operação Vertente II) e infraestrutura (recuperação de estradas, reforma de escolas e saneamento básico).

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

O deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB) foi nesta quinta-feira (13), aos municípios de Tangará e São José de Campestre, nas regiões Trairi e Agreste do Estado. Nas cidades foi recebido com todo carinho e entusiasmo por amigos e correligionários, oportunidade em que registrou o seu empenho em desenvolver ações concretas em benefício dos municípios, destacando o esforças das lideranças políticas pelo engrandecimento das cidades.

Em Tangará o deputado Ezequiel foi recebido por Erociano, ex-vice-prefeito da cidade, Thiago, vice-prefeito, pelos vereadores, Nilson Lima e Aninha de Ilo e a liderança Ilo Marinho. Fruto das ações parlamentares do deputado Ezequiel, Tangará passou a ser beneficiada com aumento de efetivo policial: viaturas para a Polícia e programa Microcrédito.

Também foram solicitados para o município perfuração de poços; construção de cisternas; programa Vale-livro; programa Defensoria; Carro Pipa; Adutora; Projeto Tapa Buraco; convênio para pavimentação; programa compra direta; perfuração e instalação de poços nas comunidades Catolé, Assentamento Pica Pau, Assentamento Fleita, Catolé de Baixo e Povoado Trairi; ambulância; Dia de Campo; reforma do ginásio poliesportivo; reforma de escolas; Sistema de vídeomonitoramento; barragens submersas; carro pipa, construção de cisternas para o distrito de Várzea do Milho e Assentamento Pica Pau; Restaurante Popular; Casas Populares e Projeto Vila Cidadã.

“Tangará merece todo o nosso apoio para o seu pleno desenvolvimento, porque historicamente registra a bravura do seu povo trabalhador, desde o tempo em que ainda era um povoado, com o surgimento de pequenos comércios”, ressaltou o deputado Ezequiel Ferreira.

Em São José de Campestre, na região Agreste, Ezequiel Ferreira (PSDB) participou de um encontro de campanha política onde receber a manifestação de apoio ao projeto de reeleição ao cargo de deputado estadual.

Ezequiel agradeceu as manifestações de apoio e reforçou o seu compromisso de continuar desenvolvendo ações que resultam em estímulo econômico e social do município, assegurando uma melhor qualidade de vida para a população. Em Campestre ele esteve ao lado dos vereadores Luciano, Leó, Gerusa e o ex-vereador Reginaldo.

“Este é um município vocacionado para as atividades da agricultura, da pecuária, contando ainda com uma boa produção leiteira. Esses setores precisam cada vez mais do nosso apoio para seguirem em desenvolvimento”, disse o deputado Ezequiel Ferreira.

Pelas ações parlamentares de Ezequiel já chegaram a São José de Campestre a operação tapa buracos para a melhoria de rodovias; viatura policial; solicitação de melhoria no programa TIM 3G e veículos refrigerados para os programas da EMATER-RN.

Outros benefícios requeridos ao Governo do Estado pelo deputado Ezequiel foram: perfuração e instalação de poços tubulares; programa Compra Direta, Barragens Submersas para ações de convivência com a seca; Já no setor de infraestrutura foi solicitado convênio para Pavimentação e Drenagem Ruas; conclusão da reforma da Ponte do Rio Jacu; construção de um novo matadouro público municipal; reforma de escolas da rede estadual e reativação da quadra poliesportiva, pavimentação e drenagem das ruas São José, Getúlio Vargas; Claudino Coelho; João Câmara; Georgino Avelino; Augusto severo e João Matias, saneamento básico e calçamento das ruas Agripino Freire de Santana e Pastor Francisco Braga localizadas no loteamento Monte Santo, Perfuração e Instalação de poços nas comunidades de Jacu de Órfãos. Cruz de São Pedro; Bico Doce; Japi; Sombras Grandes; Quarta-feira e Lagoa de Pedra. Para o setor de saúde foi requisitada uma ambulância. Ainda no setor de segurança pública foi solicitada reforma de Delegacia e aumento do efetivo policial. A solicitação para a reabertura da agência do Banco do Brasil, também foi uma ação do deputado Ezequiel.

Crédito: Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

O deputado Ezequiel Ferreira (PSDB) retornou a Macau ontem quarta-feira (12) para ser recebido em carreata percorrendo as principais ruas da cidade, sendo recepcionado por Rodrigo Aladim, vice-prefeito da cidade, vereadores Carlinhos do Valadão e lideranças que reuniram amigos e correligionários.

“Agradeço o carinho dos amigos de Macau. São estes amigos que nos apresentam demandas para solucionar os problemas inerentes à cidade. Por isto temos apresentado requerimentos com solicitações de obras, projetos e programas, alguns já contribuindo e outros que igualmente vão contribuir para o desenvolvimento socioeconômico do maior produtor de sal do País”, explica Ezequiel.

Levando em consideração o problema de abastecimento de água de Macau, Ezequiel foi um porta-voz da comunidade junto a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos buscando que sejam realizados estudos de viabilidade para construção da adutora ligando Afonso Bezerra à Macau.

Também foram pleitos de Ezequiel ao governo do Estado a construção de barragens submersas, dessalinizadores, perfuração e instalação de poços tubulares nas comunidades Ilha de Santana, Cohab, Barreiras, Diogo Lopes, Papagaio, Tambaú, Quixabas e Moinho do Juá.

Já chegaram ao município as ações solicitadas por Ezequiel que foram – Construção de uma sede da Central do Cidadão; Viatura para a Polícia; Operação Vertente II e caminhões-pipa.

Outras ações reivindicadas são recapeamento na RN-221; Construção da casa militar; Ambulância; Reabertura da maternidade José Varela; Iluminação pública; Retomada das obras da ponte dos cavalos; reforma na casa da cultura; Programa Moradia Cidadã e reforma do matadouro público municipal.

O Prefeito de Currais Novos, Odon Jr, caminhou ao lado dos seus candidatos à Deputado Estadual, Francisco do PT, e à Deputado Federal, Caramurú Paiva, por ruas dos bairros JK e Dr. José Bezerra de Araújo na noite de ontem (11). Diversos apoiadores acompanharam a caminhada e reafirmaram o apoio aos candidatos do Prefeito Odon Jr. Durante a caminhada, o Prefeito Odon Jr prestou contas de seu trabalho à frente do executivo municipal, e citou obras realizadas pelo seu governo nos dois bairros, como o Ginásio Poliesportivo do bairro Dr. José Bezerra de Araújo, melhorias na Quadra do Largo Jr. Toscano e Praça de Skate, melhoria na iluminação pública, calçamento da Rua do Berilo, Construção do Centro de Múltiplo Uso do Bairro Dr. José Bezerra e a retomada da Obra do Teatro Municipal. Na caminhada, o Candidato à Deputado Federal Caramurú Paiva recebeu o apoio do Vereador Edimilson Sousa, o mais votado nas eleições de 2016.
“É muito importante que eu tenha Deputados comprometidos com Currais Novos e com nossa gestão, por isso é importante votar em Francisco do PT 13222 para Deputado Estadual e Caramurú 1313 para Deputado Federal”, comentou. O Prefeito Odon Jr também destacou a importância de votar em Haddad Presidente (13), Fátima Governadora (13), e Zenaide Maia (313) e Alexandre (131) para o Senado.

Crédito: Assessoria de imprensa

O vice-prefeito de Touros, Flávio de Tetê, anunciou ontem (11) que votará na reeleição do deputado federal Rogério Marinho (PSDB). Em uma noite de muita festa pelas ruas do distrito de Cajueiro, o parlamentar foi recebido ao lado do deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB). A vereadora Tetê (PSDB) também confirmou que vai de Rogério para federal.

“Ao chegar aqui em Cajueiro fomos recebidos de portas abertas, de braços abertos. Todos os moradores nos receberam com sorrisos nos rostos. Isso porque sabem que podem confiar em Flávio e Tetê”, disse Rogério Marinho, que participou de uma caminhada pelas ruas antes de encerrar a noite com comício.

O parlamentar relembrou algumas das emendas destinadas por seu mandato para a cidade, principalmente na área da saúde pública, e disse que tem um compromisso firmado com Flávio para continuar sendo parceiro da gestão municipal nos próximos anos. “Touros tem potencial para ser uma referência turística do nosso Estado”, disse Rogério.

O evento reuniu vários vereadores e dezenas de lideranças da região. Nesta quarta-feira (12), Rogério cumprirá agenda de campanha nas cidades de Macaíba e São José de Mipibu.

Crédito da foto: Ilustração – copiada do jornal de fato

O PT confirmou nesta terça-feira (11) a retirada da candidatura do ex-presidente Lula, que está preso na Polícia Federal de Curitiba (PR), e o nome do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, como candidato a presidente.

Haddad foi referendado após reunião da Executiva Nacional do PT, em um hotel em Curitiba, com aval de Lula.

Como se sabe, Lula está inelegível pela Lei da Ficha Limpa. A decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pelo placar de 6 a 1, enterrou as pretensões eleitorais do ex-presidente.

Lula cumpre pena de 12 anos e um mês de prisão, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do triplex de Guarujá.

Na reunião, foi lida uma carta de Lula endereçada à direção do partido, em que ele sugeria que a sigla aceitasse o nome de Haddad como seu substituto. O pedido foi aprovado por unanimidade.

O advogado Luiz Fernando Pereira, responsável pela área eleitoral do PT, afirmou que o partido tem até às 19h desta terça-feira para protocolar a mudança na cabeça de chapa no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Haddad não precisa acompanhar o procedimento:

– Registro é lá em Brasília. É só protocolar lá até 19h.

Lula escreveu mais duas cartas, uma para o povo brasileira, outra para o próprio Haddad, até então candidato a vice na chapa.

Com essa mudança, Manuela D´Ávila, do PCdoB, é confirmada como vice de Haddad.

Crédito da foto: Extraída da internet/Agência Brasil

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) atingiu 24% das intenções de voto em pesquisa divulgada hoje (10) pelo Instituto Datafolha. Ciro Gomes (PDT) teve 13% das preferências; Marina Silva (Rede), 11%; Geraldo Alckmin (PSDB), 11% e Fernando Haddad (PT), 9%.

De acordo com a pesquisa, Ciro, Marina, Alckmin, e Haddad estão tecnicamente empatados, conforme margem de erro de dois pontos percentuais que pode oscilar para baixo ou para cima. A margem de pesquisa divulgada pelo Datafolha é de 95%.

Álvaro Dias (Pode) foi indicado por 3% dos eleitores entrevistados, o mesmo percentual de João Amoêdo (Novo) e de Henrique Meirelles (PMDB). Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU) e Cabo Daciolo (Patri) pontuaram com 1%. João Goulart Filho (PPL) e José Maria Eymael (DC) não pontuaram.

Os brancos e nulos somaram 15% e não responderam ou não quiseram responder 7%.

Essa foi a primeira pesquisa do Datafolha após o ataque a faca contra Jair Bolsonaro, ocorrido na última quinta-feira (6), em Juiz de Fora (MG). É o primeiro levantamento que exclui o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba (PR) desde abril. Não foram divulgados resultados de intenção espontânea de voto.

Na comparação com a pesquisa de opinião realizada pelo Datafolha em 20 e 21 de agosto, Bolsonaro cresceu 2 pontos percentuais (p.p); Ciro, 3 p.p; Alckmin, 1 p.p. e Haddad 5 p.p. Marina Silva caiu 5 p.p. As oscilações de Bolsonaro e Alckmin estão dentro da margem de erro.

Entre os dois levantamentos, caiu em 7 p.p o número de eleitores que pretendem votar em branco ou nulo. Subiu em 1 p.p o número de entrevistarados que não quiseram ou não souberam responder.

A pesquisa atual ouviu nesta segunda-feira 2.804 pessoas em 197 municípios. O levantamento foi encomendado pela TV Globo e o jornal Folha de S.Paulo e registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR 02376/2018.

Rejeição

O candidato Jair Bolsonaro tem a maior taxa de rejeição, 43%. Marina Silva tem 29%; Geraldo Alckmin, 24%; Fernando Haddad, 22%; e Ciro, 20%.

Os demais resultados são: Cabo Daciolo, 19%; Vera Lúcia, 19%; Eymael, 18%; Guilherme Boulos, 17%; Henrique Meirelles, 17%; João Goulart Filho, 15%; João Amôedo, 15%; e Alvaro Dias, 14%.

Cinco por cento dos eleitores entrevistados admitem que não votam em nenhum dos candidatos e dois por cento dizem que não votariam em ninguém. Seis por cento declararam não saber.

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

Mais uma intensa mobilização na cidade de Espírito Santo, no Agreste Potiguar, marcou a campanha eleitoral à reeleição do deputado estadual, Ezequiel Ferreira (PSDB). Uma grande carreata pelas ruas da cidade até o distrito de Taboca marcou a mobilização ontem dia (6).

O prefeito de Espírito Santo, Fernando Teixeira (PSDB), o prefeito mais bem avaliado do Agreste, iniciou a mobilização no Bairro Novo indo até o distrito de Taboca onde Ezequiel se encontrou com o vereador Naldo do Picolé e uma verdadeira multidão acompanhou o comício, que teve a participação do candidato ao senado da República, Antônio Jácome que em Espírito Santo realiza uma dobradinha para primeiro e segundo voto com candidato ao senado do PSDB, Geraldo Melo.

“Espírito Santo vai preenchendo cada vez mais o meu coração de orgulho e satisfação. Há pouco mais de uma semana participei de uma calorosa caminhada onde apertei a mão de amigos, falei com outros, ouvi conselhos, estímulos para prosseguir na luta e agora outra grande mobilização. Desta vez com carreata e este grande comício. Obrigado Espírito Santo. Até 7 de outubro cravando na urna 45678”, disse Ezequiel Ferreira.

O deputado ainda prestou contas dos pleitos que tem feito para Espírito Santo nos setores de Recursos Hídricos: Solicitou instalação e perfuração de poços tubulares nos distritos de: Carnaúba, Miranda, Retiro Tabocas, Cascavel, Porção, Riachão e Cachoeira. Segurança: Solicitou uma viatura policial e aumento do efetivo policial militar e melhores condições de trabalho para a polícia militar. Saúde: Solicitou uma ambulância. E, para Infraestrutura: Sugeriu convênio entre o município e o Estado para drenagem e pavimentação de ruas, além de que fosse construído um ginásio poliesportivo.

Crédito da foto: Redes Sociais/Agência Brasil

Diante de seu quadro de saúde, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) vai ficar afastado da campanha eleitoral, sem previsão de voltar às ruas no curto prazo. Em um pronunciamento nas redes sociais, o presidente nacional do PSL, Gustavo Bebianno, convocou os seguidores a rezarem por Bolsonaro. “Hoje as eleições não importam. Você que está preocupado com a saúde do nosso capitão não se deixe esmorecer”, apelou.

Bolsonaro deverá ficar pelo menos uma semana hospitalizado, segundo os médicos da Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora, onde foi atendido logo após a agressão. O candidato levou uma facada na região abdominal, quando fazia campanha na cidade. O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, foi preso em flagrante.

O presidente do PSL participava do ato de campanha com Bolsonaro, em Juiz de Fora. Bebianno contou que o candidato “foi para o meio da multidão, como sempre, por vontade própria, com o peito e o coração abertos”. Disse ainda que a campanha de Bolsonaro sabia que o candidato enfrentaria “inimigos ardilosos, incapazes de conviver com o contraditório, avesso à real democracia”.

Usando comandos para estimular os apoiadores de Bolsonaro, Bebianno afirmou que o medo não os impedirá de cumprir a missão. “Mais impactante que as ameaças é a esperança que nos impulsiona”, disse o presidente do PSL, usando a hashtag #OrePorBolsonaro.

Flávio e Eduardo Bolsonaro, filhos do candidato, deixaram a campanha e seguiram para Juiz de Fora. Disputando o Senado, Flávio acompanharia o desfile de 7 de setembro no Rio de Janeiro e depois faria campanha em Rio das Ostras, Campos dos Goytacazes e Itaperuna. Eduardo gravou vídeo falando da situação do pai e escreveu nas redes sociais: “Soldado que vai à guerra e tem medo de morrer é um covarde”.

Com seis segundos em cada bloco do horário eleitoral gratuito, Bolsonaro estava investindo nas mídias sociais e na campanha de rua. Segundo as últimas pesquisas de intenção de votos, Bolsonaro lidera a corrida pelo Palácio do Planalto.

O candidato a vice-presidente, General Mourão, disse à Agência Brasil que o PSL não convocou reunião, mas que, neste momento, “o principal é organizar o dispositivo”. “O nosso compromisso é com o Brasil. Nosso projeto é esse. Nada vai nos deter”, afirmou.

Mourão recebeu a notícia da agressão quando chegava a Porto Alegre para um congresso de neurocirurgia. Nesta sexta-feira, retornará ao Rio de Janeiro, onde reside. “Bolsonaro é um homem forte. Vai se restabelecer para ganharmos no primeiro turno”, disse.

Por G1, Juiz de Fora

 

O

Bolsonaro foi levado à Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora. O hospital informou que ele deu entrada na emergência por volta de 15h40, com “uma lesão por material perfurocortante na região do abdômen”.

Inicialmente, um de seus filhos, o deputado estadual Flavio Bolsonaro, afirmou que o ferimento havia sido superficial, mas exame de ultrassonografia indicou a suspeita de uma lesão no fígado. Até a última atualização desta reportagem, Bolsonaro estava sendo operado.

Em nota, a Polícia Federal afirmou: “[Bolsonaro] contava com a escolta de policiais federais quando foi atingido por uma faca durante um ato público na cidade de Juiz de Fora (MG). O agressor foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia da PF naquele município. Foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato”.

O suspeito de ter dado a facada foi identificado pela PM como Adélio Bispo de Oliveira. Segundo informações da polícia, ele foi espancado por pessoas que estavam no local.

No momento em que foi esfaqueado, Bolsonaro estava sendo carregado nos ombros por um apoiador de sua campanha, fazendo corpo a corpo com eleitores, na região do Parque Halfeld. Enquanto ele acenava para os simpatizantes de sua candidatura, o homem se aproximou e deu uma facada no presidenciável.

 

 

Tanto os advogados quanto a família do vereador afastado Raimundo Inácio Lobão confirmaram ao blog Jair Sampaio nesta manhã que não haverá delação por parte do edil caicoense.

“Lutamos muito para tirá-lo do presídio. Este local não oferecia a mínima condição de mantê-lo lá devido o problema de saúde que enfrente. Foi uma luta incansável”, disse a irmã de Lobão.

De acordo com um dos advogados que fez contato com o blog, a luta dos defensores e da família é deixar Lobão o mais longe possível de qualquer problema para evitar piora em sua saúde.

“Em nenhum momento foi cogitada essa questão de delação. Lobão é um homem íntegro que toda a Caicó conhece, pessoa pública de inúmeras amizades, e não tem o que falar de ninguém”, disse um dos advogados.

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

O deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB) participou de um encontro com amigos e correligionários em Parelhas, região Seridó do Estado, na terça-feira (4), para manter o diálogo contínuo que tem estabelecido durante o exercício do mandato com as comunidades. Em Parelhas, Ezequiel contou com a mobilização do médico, Tiago Almeida, das vereadoras Romiselia Filha de Formiga Preta e Galega do Ulissinho. Também contou com o vereador Neto e os suplentes de vereador: João Grandão, Valquíria de Piuba e Ildécio.

“Não se estabelece uma ação continuada de representatividade das diversas camadas da sociedade e em todas as regiões do Rio Grande do Norte sem que se tenha um permanente vínculo com a população. Estas reuniões neste processo eleitoral servem para que as ações realizadas sejam demonstradas e retomar os pleitos encaminhados em nome da sociedade, em especial da querida cidade de Parelhas”, disse Ezequiel Ferreira.

Durante a reunião Ezequiel prestou contas do serviço prestado como o recapeamento asfáltico da BR-427, as chegadas de duas viaturas policias e do programa de microcrédito. “Efetivamente vamos manter nossas iniciativas do mandato voltadas por melhorias na Segurança, Saúde, Educação, Geração de Emprego e Renda e convivência com a seca”, salientou.

Leia o Jornal Impresso