All posts under: Policial

A Polícia Militar com o apoio da Polícia Civil, desencadeou na madrugada desta Sexta-Feira, 15 de Julho de 2016, uma grande Operação, denominada Operação Ares, Fase 2. A referida Operação visa combater efetivamente o tráfico de drogas na cidade de Currais Novos, desarticulando células criminosas que começavam a se formar, mas que já de início encontrou o braço forte das forças de segurança, especialmente da Polícia Militar, através da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar a qual tem a frente o Capitão PM Moacir Galdino.

Ares era o deus grego das guerras, da guerra selvagem com sede de sangue, conhecido também em Roma como Marte, filho de Zeus e Hera, de quem herdou o mal gênio da mãe e a força do pai. Pertence a geração dos grandes doze deuses do Olimpo. Ares era guerreiro, gostava muito de guerras, batalhas e brigas, era muito violento, sanguinário, pelo contrário de muitos ele só encontrava sua paz, em suas lutas e batalhas.

Capitão Moacir tem comandado diversas ações policiais contra o crime aqui em Currais Novos e região, e para tais ações, conta com um efetivo de valorosos, dedicados, incansáveis e honrados policiais militares que diuturnamente tem labutado contra o crime, não medindo esforços no combate a quaisquer práticas delituosas no município e adjacências. A partir desta sexta-feira (15), começa a Vaquejada do município, evento que trás grande número de turistas à comunidade. E a partir da próxima semana, começa o evento mais esperado do ano para a população de Currais Novos, que é a Festa da padroeira do município. A Operação desencadeada hoje continuará nas próximas semanas, e certamente pessoas que eventualmente venham a insistir em praticar crimes, seguramente serão presas de imediato, pois além da incontestável eficiência do policiamento local, o numero de Policiais distribuídos na cidade será significativamente maior do que sempre é previsto.

Clinica dr jodinaldo lucena

Após recontagem na manhã desta quinta-feira, 14, a direção da Penitenciária Estadual Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, o Pereirão, em Caicó, identificou os presos que conseguiram fugir na madrugada.

Ao todo, 15 detentos fugiram da unidade prisional. Entretanto, pelo menos três deles foram recapturados ainda nesta manhã pela Polícia Militar.

Segundo o blog de Sidney Silva, um deles foi identificado como Trovão. Ele e outro ainda não identificado, estavam no muro de uma residência no Bairro Salviano Santos, ao lado do Presídio.

Guariteiros perceberam a ação dos presos e evitou um número maior de apenados na fuga. Do lado de fora do Pereirão motos circulavam dando apoio aos detentos na fuga.

Confira a relação dos presos:

Jailson Silva Costa –

Maycon Bernardo Montenegro –

José Ivanilson Dias Gomes –

Ivanildo Cardoso da Silva Filho –

Alan Carlos Soares Xavier –

Nildemberg Azevedo Wanderley –

Wendson Max Fernandes de Castro –

Erinaldo Luiz Silva de Oliveira –

Gilferson Soares de Oliveira –

Fábio Henrique da Silveira Mendonça –

Leandro Lopes da Silva –

Lucas Silva Gomes –

Jeferson Henrique Pereira –

Francisco Marques da Silva –

Edilson Santos Silva.

Sertão Seridó

Desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 22, agentes da Força Nacional e da Polícia Civil cumpre mandados de prisão e condução coercitivas em vários bairros de Mossoró.

User comments

User comments

A Operação ‘Intocáveis’ investiga policiais acusados de homicídios no município. Um dos nomes vazados à imprensa, que estaria sendo investigado, é do cabo PM Gomes, mais conhecido como “Quebra ossos”. No entanto, até agora a Força Nacional não confirma.

Ao todo, 13 mandados estão sendo cumpridos. São nove de busca e apreensão e quatro conduções coercitivas. Segundo informações de um agente da Força Nacional que não quis se identificar, seis pessoas foram presas, sendo três militares e três não policiais.

User comments

User comments

O Sargento Alfredo Carneiro, do 2º Batalhão de Polícia Militar, falou com os repórteres na saída da Delegacia Especializada em Homicídios (Dehom), no Centro da cidade, mas não adiantou detalhes da operação informando que ficaria a cargo de seus superiores e disse que os acusados estão sendo ouvidos.

“Com relação a operação não tenho muito a acrescentar. Deixar o comandante falar que ele está mais por dentro das informações. Eles (acusados) estão sendo ouvidos lá dentro”.

User comments

User comments

As autoridades envolvidas na Operação Intocáveis concederão entrevista coletiva tão logo o trabalho seja concluído, para esclarecer e revelar detalhes da operação. Nela, serão divulgados os nomes dos policiais acusados de homicídio.

A operação contou com forte aparato policial e estrutura. Foram usados helicóptero, viaturas e outros equipamentos de segurança. Trecho em frente a Dehom foi interditado durante toda a manhã.

Star

A Polícia Civil de Caicó, atuando em conjunto com o serviço de inteligência da Polícia Militar, com a colaboração da Polícia Civil do Distrito Federal, prendeu na manhã desta quarta-feira (15) no estado de Goiás dois suspeitos de terem executado a morte do PM Rangel, ocorrida em Caicó.

A dupla foi detida na cidade de Luziânia. Os dois jovens, que são apontados por supostamente terem executados o crime, teriam negado a acusação e atribuído a autoria à um suspeito preso na semana na cidade seriodense de Jucurutu.

A dupla ainda teria apontado a viúva do PM como sendo a mentora do crime. Na semana passada, ela foi presa como suspeita. As autoridades policiais estão providenciando o recambiamento dos presos para a cidade de Caicó.

A esposa do cabo da PM Rangel, assassinado em Caicó, é presa acusada de ser autora intelectual do crime.

Sidney Silva.

divulgaçao

p_not_arq575fe9a20bbc3 arquivo pessoal

Criminosos assassinaram na noite desta segunda-feira, 13, Maria Eliene da Silva, 25 anos, esposa do vereador, Adão da Silva Júnior, mais conhecido como Adãozinho. O homicídio aconteceu por volta das 18h30 no distrito de Itabaiana, zona rural de Pureza.

Homens que estavam em Fiat Palio invadiram a casa do parlamentar à procura de um homem por nome de João do Milho.

Eliene recebeu os indivíduos e um deles mandou que ela deitasse no chão e efetuou disparos de ama de fogo contra a cabeça da vítima, que morreu no local.

Sertão Seridó

Rosimere Bueno e Daiane Cristina foram presas na Operação Íris FOTO defato

Duas mulheres de traficantes que estavam auxiliando o diálogo de integrantes do tráfico do Rio Grande do Norte e Santa Catarina, a partir do Presídio Federal de Mossoró, foram presas na manhã desta terça-feira (7) como parte da Operação Iris deflagrada pela polícia catarinense. Foram presas Rosimere Bueno de Andrade, companheira do traficante mineiro Daniel Rosa, e Daiane Cristina da Mota, mulher do traficante internacional Roberto Tavares Onofre, o “Betinho da Favela”. Daniel e Betinho estão preso no Presídio Federal de Mossoró há mais de dois anos. As duas mulheres foram presas quando estavam em uma casa localizada à rua Neura de Melo Freitas, s/n, bairro Alto de São Manoel, Mossoró.

Essa não é a primeira prisão de Daiane. De acordo com o delegado Dennys Carvalho, titular da 2ª. Delegacia Regional de Mossoró, Daiane Cristina já foi presa pela Polícia Civil do RN por quatro vezes, desde que chegou ao Estado em 2013. “ Um dos papéis exercidos por Daiane era ser contabilista do tráfico e remetente de informações do companheiro preso para integrantes que estão soltos”, detalhou o delegado Dennys Carvalho.

Os dois traficantes presos em Mossoró não perderam contato com o perigoso grupo que atuam em Santa Catarina. O contato vinha sendo feita através de suas companheiras, segundo o delegado Procópio da Silveira Neto, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais de Santa Catarina (DEIC).

Betinho da Favela e Daniel fazem parte da facção criminosa Primeiro Grupo Catarinense (PGC), responsável por ataques em Florianópolis há três anos, que ganhou repercussão nacional.

Star

Rebelião na Casa de Privação Provisória de Liberdade Elias Alves da Silva CPPL IV, em Itaitinga, no Ceará

Catorze detentos foram mortos em rebeliões nas unidades prisionais do Ceará desde sábado, segundo informações da Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado. As mortes aconteceram durante conflitos entre os próprios presos, segundo a pasta. Na segunda-feira, o ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, atendeu a pedido do governador Camilo Santana (PT) e autorizou envio de homens da Força Nacional para combater a crise prisional no Estado. “Lamento profundamente o que vem acontecendo em nossas unidades prisionais e não medirei esforços, junto com nossas forças de segurança, para que haja a estabilidade do sistema penal o mais rápido possível”. Minha determinação é para que todas as medidas necessárias para isso sejam tomadas”, afirmou Santana. As rebeliões nas unidades começaram no último sábado, quando parentes foram impedidos de visitar os presos por causa de uma greve de agentes penitenciários que reivindicavam aumento salarial. No mesmo dia, o governo estadual cedeu e resolveu ampliar de 60% para 100% a gratificação por serviço de risco, que será feita de forma escalonada até 2018. Os agentes aceitaram, a greve acabou, mas a instabilidade nos presídios permaneceu. Dentre os detentos mortos estão homens que respondiam por latrocínio, tráfico, furto, roubo, homicídio. Seis corpos ainda aguardavam identificação por especialistas da perícia forense.

A Secretaria de Justiça informou ainda que uma operação de policiais e agentes penitenciários identificou na segunda um túnel na unidade Agente Luciano Andrade Lima, em Itaitinga, na região metropolitana de Fortaleza. Não há confirmação oficial de fugas. Nesta unidade estava Antônio Jussivan Alves dos Santos, o Alemão, um dos líderes do furto de 164 milhões de reais do Banco Central, cometido há mais de 10 anos.

Estadão

PIANO-PEÇAS-E-SERVIÇOS1

Uma operação coordenada pela Polícia Civil de Caicó, com apoio da Polícia Militar, resultou na prisão em flagrante de quatro homens que são suspeitos de realizarem tráfico de drogas na cidade, na manhã desta quarta-feira (18). Foram detidos Alan Carlos Cirilo da Silva, vulgo Alan Pepeu, de 18 anos, Diego Albino de Moraes, conhecido por Pepé, 26 anos; Maicon Mateus dos Santos e Kaio Henrique da Silva, vulgo Alan Pepeu.

Durante a ação policial, que visou o cumprimento de mandados de busca e apreensão, foram apreendidos 21 quilos de maconha, uma pistola Taurus PT100, três carregadores de calibre 380, dois carregadores calibre 4066, 66 munições do calibre 380, 31 munições calibre 40, quatro munições calibre 38, aproximadamente R$ 1.400 e cinco aparelhos celulares.

A operação contou com equipes de policiais civis das Delegacias Regional, Municipal, Delegacia Especial de Atendimento ao Adolescente (DEA) e Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM) de Caicó; da Polícia Militar, formada pelos grupos do Grupo Tático de Operações (GTO), Companhia Independente de Proteção Ambiental (CIPAM),Grupo Tático Operacional (GTOR) e Rádio Patrulha (RP).

divulgaçao

O novo comandante da Polícia Militar, coronel Dancleiton Perreira Leite, concedeu entrevista coletiva na manhã de hoje (25) no Quartel General do Comando Geral e falou sobre como pretende combater a criminalidade no Rio Grande do Norte. A informação é do 190 RN. Segundo o coronel, os criminosos não terão vida fácil daqui para frente. “O Estado vai ficar inseguro para o bandido. Atualmente, a população está com medo de sair de casa, mas, a partir de agora, os bandidos é que vão temer”, desabafou o comandante.

O coronel também falou sobre a atual situação da criminalidade no Estado. “Nós estamos revoltados com isso, mas vamos agir para retomar o controle da situação. Iremos intensificar o policiamento e as abordagens e eu irei orientar os policiais a serem mais proativos. É preciso proatividade, não adianta agir só de forma reativa, depois que o crime acontece”, explicou.

Para retomar a ordem na Segurança Pública do Rio Grande do Norte, o comandante disse que conversou com o governador Robinson Faria e fez sugestões e pedidos para melhorias. “Eu falei a ele que não posso ser o comandante da Policia Militar sem ter condições para isso. Até porque, o comandante é o maior representante da instituição. Eu disse a ele que sou eu que vou levar os problemas da PM para serem resolvidos. E, de imediato, ele se comprometeu com isso”, destacou.

Questionado sobre o tempo necessário para as melhorias na segurança, o comandante revelou que espera um cenário melhor em pelo menos três meses. “Acredito que em 90 dias o cenário já esteja melhor”, comentou.

Operação tolerância zero

A partir do próximo sábado (30) será iniciada a operação Tolerância Zero, que contará com abordagens em vários bairros de Natal e também no interior do Estado. Segundo o oficial, também haverá o reforço de 60 novas viaturas, que serão entregues entre a sexta e o sábado. “Não podemos dar mais detalhes sobre a operação, até para não facilitar as coisas para os criminosos. Mas, podem ter certeza que as abordagens serão intensificadas, principalmente durante a madrugada e em áreas delimitadas pelas manchas criminais”, comentou o comandante.

Clinica dr jodinaldo lucena

Em quinze dias incompletos de 2016, o Rio Grande do Norte ultrapassou a marca de 50 assassinatos no ano. O dado é do “Contador de Homicídios” do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do Estado.

A ferramenta disponibilizada pelo Sinpol computou 52 crimes contra a vida resultantes em mortes até pouco mais das 10 horas da manhã desta sexta-feira (15). Com base nesse número, estima-se que uma média diária de mais de três assassinatos têm sido registrados em todo o estado em 2016.

O Contador chama a atenção também para os 1.653 homicídios contabilizados no território potiguar no decorrer do ano passado.

KALANGO JANEIRO

Material apreendido com adolescentes (2)

Policiais da 3a Companhia Independente de Polícia Militar (3a CIPM) apreenderam na manhã desta sexta-feira (15) quatro infratores no momento em que realizavam um roubo no Campus e na residência universitária na cidade de Currais Novos, na Região Seridó do RN.

Os infratores chegaram ao local e renderam o vigilante. Logo após, foram aos quartos dos estudantes, subtraíram objetos e fugiram. A Polícia Militar foi acionada, realizou diligências e deteve os infratores ainda nas proximidades do Campus Universitário. Com eles, a PM apreendeu um revólver calibre 38, dois simulacros de arma de fogo, munições, celulares e os produtos subtraídos das vítimas.

Os detidos foram encaminhados à Delegacia Regional de Polícia Civil, onde foram reconhecidos pelos estudantes, sendo registrada a ocorrência e, posteriormente, os produtos foram devolvidos aos seus proprietários.

divulgaçao

Foram divulgadas as fotos dos 39 presos que permanecem foragidos da Cadeia Pública de Natal, que registrou a maior fuga da história do RN nesta terça-feira (12).

Segundo a diretora da unidade, Dinorá Simas, todos os presos cumpriam pena em regime fechado e estão enquadrados no artigo 157 (roubo). Por volta das 2h, os apenados usaram um túnel que começava no refeitório do Pavilhão ‘B’ da Cadeia Pública e terminava no muro do Complexo Penal João Chaves, vizinho à Cadeia Pública. De lá, os detentos ganharam às ruas e se dispersaram. Moradoras da região relataram que durante a madrugada era possível ver uma grande quantidade de homens correndo pelas avenidas. Carros e motos os aguardavam.

Confira a lista dos presos que permanecem foragidos:

Dos 46 presos que fugiram do Cadeia Pública de Natal, 39 deles permanecem foragidos

Clinica dr jodinaldo lucena

 

Atualmente, 430 detentos cumprem pena no Presídio Provisório Raimundo Nonato; 39 dos 46 que fugiram permanecem foragidos - foto Adriano Abreu

A direção do Presídio Provisório Raimundo Nonato, na zona Norte de Natal de Natal, divulgou a lista com os nomes dos 39 detentos que permanecem foragidos após a maior fuga da história do sistema prisional do RN. Ao todo 46 criminosos conseguiram deixar a unidade, sendo que sete foram recapturados durante a madrugada desta terça-feira (12).

De acordo com o Dinorá Simas,diretora da unidade, a maioria dos bandidos foragidos cumpria pena no regime fechado pelo crime de roubo. Os presos usaram um túnel que passava por baixo do complexo penal João Chaves, que fica ao lado da unidade prisional. De lá, os detentos foram às ruas e se dispersaram.

De acordo com informações de policiais militares que atuaram na busca pelos detentos, vários presos foram vistos nas ruas nas imediações do presídio por volta das 3h, fugindo em táxis ou a pé. Alguns detentos deixaram para trás o fardamento usado na unidade.

O Presídio Provisório Professor Raimundo Nonato conta atualmente com 430 presos cumprindo pena. Ao todo, apenas 12 agentes penitenciários trabalham no local.

Durante a madrugada, foram recapturados os detentos: Carlos Eduardo da Fonseca, Francimário Pereira da Costa, Heverson Carlos de Souza, Leandro Carlos Antunes ou Leandro Silva Ferreira, Maicon dos Santos Teixeira, Rafael da Rocha Silva e Ronaldo da Silva.

Confira a lista dos presos que permanecem foragidos:

Alan Cristian da Silva Felipe
Anderson Conceição da SIlva
Arlon Cleiton de Souza Barbosa
Emerson Luiz Marques de Oliveira
JAilson Matheus Silva Vital
Daniel Dantas Sobrinho
HErmesson Gomes de Oliveira
Alyson Florêncio de Oliveira
André Costa de Lima
Blendell Matos da Silva
Cleondson Breno Ferreira Lins
Dhiago Teixeira de Morais
Clécio Ramos da Silva
David Matheus Gomes da Silva Tintin
Douglas Alves de Lira
Emmerson Nunes da Silva
Josivan de Araújo Rocha
Wingres Bezerra Campos Guiete
Daniel Marcos Lopes
Francisco Daniel Bezerra da Silva
Jonathan Diego Gomes de Lima
Rudson Rodrugues de Carvalho
Jonathan Fernandes de Moura
Luiz Carlos da Silva Rodrigues
Frankanderson Araújo de Andrade
Jeferson Rafael do Nascimento
Lenadro Joaquim de Souza
Lucas Costa de Oliveira
José Iran da Silva Melquíades
Luandson Gomes do Nascimento
Rodrigo Ferreira Felinto
Wendeson de Lima Dantas
Wesley Victor Martins de Souza
Joadson Sales da Silva
Lenilton Ferreira dos Santos
Pedro Henrique Souza Sobral
Davi Silva do Nascimento
Willian Costa Oliveira

divulgaçao

Honda Civc ficou completamente destruído no acidente ocorrido na BR-226 - Cedida PM

Nove mortes foram registradas em acidentes nas rodovias do Rio Grande do Norte durante o feriado do Ano Novo, de quinta (31) a domingo (3). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), sete mortes ocorreram em rodovias federais e três dos acidentes foram registrados na BR-226, que liga Natal a Pau dos Ferros e passa por várias cidades do interior do RN. O número de mortes nas BRs é superior ao mesmo feriadão do ano passado, quando duas pessoas morreram nas estradas federais do estado.

O primeiro acidente ocorreu na BR-304, no dia 31 de dezembro. Um caminhão tombou na altura da cidade de Caiçara do Rio dos Ventos, na região Central do estado, deixando o motorista morto.
O segundo acidente ocorreu já no dia 1º de janeiro, na BR-110, próximo à cidade de Areia Branca, no Oeste potiguar. Segundo a PRF, um motociclista bateu em um carro e faleceu antes da chegada do socorro médico. Na BR-226, outros dois acidentes envolvendo motociclistas resultaram em vítimas fatais. Em um deles, ocorrido no trecho da via que passa no bairro dos Guarapes, em Natal, o condutor quebrou o pescoço após cair do veículo.

Já o acidente mais grave aconteceu no trecho da rodovia BR-226 próximo à cidade de Santa Cruz. Uma colisão entre dois carros deixou três mortos e outros quatro feridos em um trecho próximo à entrada do município de Japi. De acordo com o Itep, os mortos no acidente foram Alice da Silva Cavalcanti, de 16 anos, Pedro Teixeira Thiago dos Santos, 25, e Rita Moreno da Silva, de 48. Os quatro feridos foram encaminhados para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.

Mais mortes, menos acidentes

O número alto de mortes durante o feriado do Réveillon contrasta como a redução do número de acidentes graves. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, no feriadão de 2015, foram duas mortes e 34 acidentes nas rodovias federais que cortam o Rio Grande do Norte.

Já em 2016 foram sete mortes, com 26 acidentes registrados em rodovias federais. O período registrou também um total de 26 feridos.

Rodovias Estaduais

Além dos acidentes nas rodovias federais, outros dois resultaram em mortes em duas estradas estaduais do estado. Um deles ocorreu na estrada que dá acesso à cidade de Upanema, na região Oeste, enquanto outro ocorreu no município de Japi. Ambos envolveram colisões entre carro e moto.

Segundo o Comando de Polícia Rodoviário Estadual (CPRE), um terceiro acidente ainda está sendo investigado, ocorrido entre os municípios de Viçosa e Porta Alegre.

Clinica dr jodinaldo lucena divulgaçao

pereirão caicó - foto fred carvalhoUm preso foi encontrado morto neste domingo (29) na Penitenciária Estadual do Seridó Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, o Pereirão. De acordo com agentes penitenciários que trabalham no local, o detento estava enforcado. Segundo os agentes penitenciários, o corpo do preso foi encontrado dentro de um banheiro do pavilhão A do presídio. O detento foi identificado como Expedito Bento da Trindade, de 60 anos, que cumpria pena por furto.

Número de detentos mortos chega a 27 em 2015

O caso deste domingo eleva para 27 o número presos mortos em unidades prisionais do Rio Grande do Norte  somente em 2015, sendo o quarto registrado no Pereirão.

O último registro de preso morto dentro de presídios do estado ocorreu no dia 17 de novembro no Complexo Penal Doutor João Chaves, na zona Norte de Natal. O detento Douglas Fabrício de Oliveira Pires, de 24 anos, também foi encontrado enforcado.

Em Caicó, além do caso deste final semana, morreram ainda Márcio César Corsino Freire, no dia 25 de outubro; José Fagner Tibúrcio e Sairo Luan Leite, ambos no dia 5 de outubro.

Veja a lista dos detentos mortos em presídios do RN:

29/11 – Expedito Bento da Trindade (Penitenciária Estadual Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, em Caicó)
17/11 – Alexsandro Ferreira Barbosa da Silva (Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta)
16/11 – Francisco Antônio Duarte (Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró)
9/11 – Rodrigo Nascimento Silva (Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta)
9/11 – Arlindo de Lima Silva (Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta)
25/10 – Preso ainda sem identificação (Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó)
24/10 – Carlos Henrique dos Anjos Nascimento (Penitenciária Estadual de Parnamirim, em Parnamirim)
22/10 – Francisco Marques dos Santos (Cadeia Pública de Nova Cruz, em Nova Cruz)
17/10 – Magnum Guedes de Moura (Presídio Raimundo Nonato Fernandes, em Natal)
16/10 – Clésio Barbosa de Souza Oliveira (Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta)
10/10 – Joel Rodrigues da Silva (Presídio Raimundo Nonato Fernandes, em Natal)
9/10 – Cryslon Carlos Lima (CDP de Ceará Mirim, em Ceará-Mirim)
6/10 – José Wilde da Silva (Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta)
5/10 – Edson Nascimento da Costa (Presídio Raimundo Nonato Fernandes, em Natal)
5/10 – Alexandre Ferreira Freitas (Presídio Raimundo Nonato Fernandes, em Natal)
5/10 – José Fagner Tibúrcio (Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó)
5/10 – Sairo Luan Leite (Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó)
3/10 – Jefferson Vieira Lopes da Silva (Penitenciária Agrícola Mário Negócio, em Mossoró)
25/8 – Denison Costa e Silva (CDP do Potengi, em Natal)
24/8 – Cassiano Henrique Galvão (Presídio Raimundo Nonato Fernandes, em Natal)
24/8 – Fábio Júnior da Silva Patrício (Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó)
18/8 – Emerson Santos da Luz (Presídio Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta)
16/8 – Antônio Edigleidson de Souza (Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas)
16/8 – Genilson Bezerra de Oliveira (Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas)
16/8 – Gladstone Clementino Araújo (Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas)
16/8 – João Paulo Silva Dias (Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas)
10/6 – Alexsandro Teodósio da Silva Pessoa (Presídio Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta).

anuncio kalango novembro

cdp_rebeliao

Os presos do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Santa Cruz estão em rebelião desde meio-dia e meia de hoje. Uma intensa movimentação está sendo registrada no local e em suas proximidades.

Segundo informações colhidas por nossa reportagem, os presos se rebelaram após uma tentativa de fuga ontem no CDP, onde um buraco foi encontrado em uma das celas. Como não conseguiu transferência, os presos foram mudados de celas, superlotando ainda mais o CDP.

Com esta situação, hoje por volta do meio-dia e meia, os detidos iniciaram a rebelião quebrando as grades das celas e tumultuando o local. Os agentes penitenciários agiram rápido e evitaram fugas, mas os presos continuam rebelados.

Dezenas de policiais militares, civil e agentes penitenciários estão na ação para conter os detidos e finalizar a rebelião, a primeira registrada em anos no CDP da cidade.

divulgaçao

Policiais civis e militares cumpriram nas primeiras horas desta terça-feira (17) mandados de prisão em quatro cidades da região Seridó do Rio Grande do Norte. O foco da “Operação Áries”, de acordo com a polícia, é prender suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na região. Ao todo, 28 pessoas foram detidas.

Helicóptero Potiguar I, da Sesed, deu apoio aos policiais durante Operação Àries, na região Seridó do RN - Cleto Filho

Operação de combate ao tráfico de drogas é deflagrada na região Seridó Cleto Filho e Policia Civil

De acordo com a Polícia Civil, a operação é resultado de sete meses de investigação. Os presos são 11 mulheres e 17 homens, que foram detidos nas cidades de Acari, Caicó, Currais Novos e São Vicente. Houve a ainda a apreensão de três adolescentes.A “Áries” contou com o trabalho de 150 policiais civis, que fazem parte do efetivo das 10 Delegacias Regionais de Polícia Civil e da Divisão de Combate ao Crime Organizado (Deicor), Delegacia de Capturas e Polinter (Decap) e da 4ª Delegacia de Polícia de Natal, e de 90 policiais militares da capital e do interior, incluindo homens do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE). O helicóptero Potiguar 1, da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Sesed), deu apoio durante toda a Operação. As investigações da Operação Áries, que é uma alusão a coragem, força, determinação, começaram em abril deste ano e foram conduzidas pelo delegado Antônio Pinto e pelo delegado Paulo Ferreira. Além das prisões efetuadas nesta terça-feira (17), a Polícia Civil conseguiu prender durante os meses de investigação 32 suspeitos em flagrante, todos ligados ao tráfico de entorpecentes.

divulgaçao

 

Marcos Aurélio Moura - foto divulgaçãoO Corpo de Bombeiros em Mariana, na Região Central de Minas Gerais, informou, nesta sexta-feira (13), que Marcos Aurélio Moura foi identificado como a sétima vítima do rompimento das barragens Fundão e Santarém, da Samarco, cujos donos são a Vale e a anglo-australiana BHP.

Marcos trabalhava na empresa Produquímica, terceirizada da mineradora. Outros dois corpos, ainda não relacionados oficialmente à tragédia, aguardam identificação. Dezoito pessoas são consideradas desaparecidas, de acordo com o último boletim divulgado pela Prefeitura de Mariana. O corpo dele foi encontrado no limite entre as cidades de Santa Cruz do Escalvado e Rio Doce, nesta quinta-feira (12) e foi identificado pela esposa no necrotério de Mariana. No dia 5 deste mês, as duas barragens se romperam, despejando 62 milhões de metros cúbicos de rejeitos de minério e água. O distrito de Bento Rodrigues foi destruído e centenas de pessoas ficaram desabrigadas. A lama alcançou outros distritos de Mariana, como Águas Claras, Ponte do Gama, Paracatu e Pedras, além da cidade de Barra Longa. Os rejeitos no Rio Doce afetaram dezenas de cidades na Região Leste de Minas Gerais e no Espírito Santo.

alcaçuz - foto divulgação GOEO Sindicato dos Agentes Penitenciários confirmou que dois presos foram soterrados enquanto cavavam um túnel no pavilhão 2 de Alcaçuz. Uma retroescavadeira do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) foi solicitada, mas ainda não chegou no local. Enquanto o equipamento não chega, 14 presos trabalham nas buscas pelos desaparecidos. Além disso, está sendo preparado um esquema de iluminação para o local, já que o resgate deve continuar durante a noite. Segundo Vilma Batista, presidente do sindicato, os detentos soterrados são Arlindo de Lima Silva e Rodrigo Nascimento Silva estão desaparecidos, conhecidos como “Boneco” e “Baby”, respectivamente. O segundo era do pavilhão 1 e já havia sido pego cavando outro túnel.

De acordo com o tenente Cristiano Couceiro, o Corpo de Bombeiros foi acionado às 10h24. “Recebemos a informação de que supostamente um preso teria sido soterrado enquanto cavava um túnel no presídio”, disse.

Domingo (8), uma revista realizada na unidade prisional encontrou dois túneis no pavilhão 2, local onde os presos se rebelaram no sábado (7). Não foram encontradas saídas externas dos túneis.

Rebelião

Os presos do pavilhão  2 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, rebelados desde o fim da tarde de sábado (7), resolveram se render após negociação com a direção do presídio. Com as visitas suspensas para todos os pavilhões enquanto a situação não fosse controlada, detentos de outras áreas de Alcaçuz pressionaram para o fim da ação. Para que a rebelião fosse suspensa, a direção do presídio concordou que não haveria intervenção das forças de choque.

Arlindo de Lima Silva e Rodrigo Nascimento Silva estão desaparecidos - foto divulgação

O diretor da unidade, Eider Brito, foi chamado no início da manhã deste domingo para se reunir com os presos. Eles garantiram que não há mortos e feridos, mas a Polícia Militar realiza ainda durante a tarde de hoje uma revista no pavilhão.

A motivação para a rebelião seria a presença de policiais do BPChoque, que foram solicitados ontem pelo diretor da unidade para fazer uma revista no pavilhão. “Eu recebi informações de que teria um túnel no local, solicitei os policias, mas os presos não deixaram eles entrar e iniciaram o motim, tivemos que recuar, pois o número de policias era bem menor que o de presos”, explicou Brito.

Raimundo Nonato

No Presídio Raimundo Nonato, na zona norte de Natal, a polícia fez a intervenção e controlou a situação. Os presos iniciaram, também no fim da tarde de ontem, uma rebelião e queimaram colchões, celas e destruíram parte da unidade.

De acordo com o blog Ronda.com, os mais de 450 presos dos pavilhões A e B se rebelaram e só foram contidos por volta das 21h. A Força Nacional foi acionada para evitar que os detentos fugissem.

Star conect

Márcio Cássio Soares dos Santos - foto divulgaçãoPoliciais militares da cidade de Lagoa Nova prenderam na tarde de ontem, um homem identificado como Márcio Cássio Soares dos Santos, 20 anos, durante patrulhamento de rotina no Sítio Umarizeiro. Durante a abordagem foi verificado que existe um mandado de prisão em aberto a seu favor. A Polícia estava à procura de Márcio Cássio Soares dos Santos, desde 2004, quando foi realizada a Operação Typhoon nas cidades de Natal, Currais Novos, Parelhas e Caicó para combater o tráfico de drogas. Ao constatar a pendência de Marcio Cássio na justiça, a PM deu voz de prisão e fez sua condução à Delegacia de Polícia Civil para melhor apuração dos fatos e providências cabíveis.

Diga não a violência - www.aracatuba.sp.gov.br

www.scriptsell.net