All posts under: Educação

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou na última terça-feira, 17, a proposta de criação do doutorado profissional em Design, o primeiro da instituição após a modalidade ser instituída pelo Ministério da Educação (MEC) em março deste ano. Até então existia apenas o mestrado profissional, que atualmente possui mais de 700 cursos em andamento no país, sendo 25 na UFRN. O doutorado profissional em Design fará parte do Programa de Pós-Graduação em Design, vinculado ao Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA).

Também foi aprovada a criação dos doutorados acadêmicos em História e Demografia, vinculados respectivamente ao CCHLA e ao Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET). As propostas seguem para autorização da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), da qual depende a consolidação das pós-graduações. No total, a UFRN dispõe atualmente de 41 doutorados e 61 mestrados acadêmicos.

ASCOM – Reitoria/UFRN

Crédito da foto: Divulgação O Calendário Escolar foi divulgado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira

A Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC) aprovou o Calendário Escolar de 2018. A portaria foi divulgada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira, 18.

O início do ano letivo no Rio Grande do Norte será em 19 de fevereiro. O término do 4º bimestre está programado para 21 de dezembro.

O recesso do meio do ano ocorre entre os dias 22 de junho e 6 de julho.

Leia a portaria:

Portaria nº 1378/2017-SEEC/GS

A SECRETÁRIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DA CULTURA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso de suas atribuições legais,

RESOLVE:

Art. 1º Aprovar o Calendário Escolar de 2018, em anexo, a ser adotado pela Rede Estadual de Ensino do Rio Grande do Norte, com início do ano letivo em 19 de fevereiro de 2018.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Publique-se. Registre-se. Cumpra-se.

Natal/RN, 16 de outubro de 2017

Cláudia Sueli Rodrigues Santa Rosa

Secretária de Estado da Educação e da Cultura

A programação do Mês do Servidor 2017 chega ao Centro de Ensino Superior (CERES) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com atividades no campus Caicó nesta terça-feira, 17, e no campus Currais Novos na quarta-feira, 18. Rodas de conversa, programa de aconselhamento em saúde, Mural Cultura da Paz, caminhada e “abraçaço” serão realizados nos municípios, a fim de disseminar entre a comunidade universitária o tema Cultura de Paz na UFRN.

Na quinta-feira, 19, o evento retorna a Natal para o curso de capacitação “Com(viver) com as diferenças”, que acontece no prédio da Diretoria de Desenvolvimento de Pessoas (DDP) da UFRN. A sexta-feira, 20, será marcada pela implantação de uma horta comunitária na Reitoria, coordenada pelo professor Márcio Dias Pereira, da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ). A programação completa e outras informações sobre o Mês do Servidor 2017 estão disponíveis no endereço www.mesdoservidorufrn.com.br.

ASCOM – Reitoria/UFRN

Crédito da foto: SME/Divulgação A expectativa é que mais de 5 mil alunos com necessidades especiais façam a matrícula

O período de matrículas antecipadas para o ano letivo de 2018 para alunos com necessidades educacionais especiais tem início neste 1º de novembro e segue até o dia 30 do mesmo mês em toda a rede de escolas estaduais do Rio Grande do Norte.

A expectativa é que mais de 5.000 alunos com necessidades educacionais especiais façam a matrícula antecipada em escolas da rede estadual de ensino.

Iniciada no ano de 2005, a matrícula antecipada garante mais tempo ao sistema educacional do Estado para o planejamento e execução de melhorias que se fizerem necessárias para atender ao aluno, tanto no aspecto pedagógico como em sua inclusão escolar com o atendimento de suas necessidades educacionais específicas. “Com a adoção da matrícula antecipada, a inserção do aluno na Escola está garantida”, afirma o professor Joiran Medeiros da Silva.

A matrícula antecipada pode ser feita na Escola ou na própria residência do aluno através do SIGEduc (Sistema Integrado de Gestão de Educação), que estará aberto do dia 1º ao dia 30 de novembro. “Após o advento da matrícula antecipada ocorreu um significativo aumento dos estudantes que formam o público alvo da Educação Especial buscando as escolas da rede estadual”, informa Joiran Medeiros.

Lançamento da matrícula antecipada

O lançamento do período de matrícula antecipada para o ano letivo de 2018 para estudantes com necessidades educacionais especiais na rede estadual de escolas acontece durante seminário que será realizado no dia 1º de novembro, no Auditório “Professora Angélica Moura”, no prédio da Secretaria da Educação do RN, Centro Administrativo do Estado, em Natal.

O 6º Seminário para Gestores da Rede Escolar Estadual tem como tema principal “A práxis da gestão na Educação Inclusiva: aspectos legais e pedagógicos em uma Educação Humanizada”. O evento tem abertura às 8h com o hino nacional em libras e momento de atividades culturais. Em seguida, às 8h30, ocorre a conferência “A gestão colaborativa: um importante viés para contemplar a inclusão plena”. Às 10h tem mesa redonda sobre “A gestão colaborativa; relatos de experiência” – com mediação do professor Joiran Medeiros e participação das escolas estaduais “Berilo Wanderley”, “Jorge Fernandes”, “José Fernandes Machado”. Às 11h ocorre debate sobre o tema do evento, e as 11h30 será prestada homenagem da SEEC a atletas paralímpicos da rede estadual de escolas.

Após a conclusão dos trabalhos da etapa Rio Grande do Norte, o Comitê Estadual responsável pelo Prêmio Gestão Escolar 2017 divulgou a classificação das 33 escolas finalistas. Neste ano, a rede estadual de educação conta com 26 unidades de ensino entre as melhores avaliadas pelo comitê. A Escola Estadual  Monsenhor Walfredo Gurgel (que atende turmas do ensino fundamental e médio), do município de São Fernando, integrante da 10ª Diretoria Regional de Educação e Cultura conquistou o 2º segundo lugar do prêmio, seguindo a escola Professora Trindade Campelo, da Rede Municipal de Educação de Currais Novos que ficou com o 1º lugar.

A premiação dá visibilidade a algumas escolas que se destacaram, colocando-as como referência para que, diante de exemplos bem-sucedidos, outras se sintam estimuladas a avançar em seus projetos e, ano a ano, observar resultados positivos na aprendizagem dos alunos e na satisfação de todos os envolvidos.

O processo de escolha destas escolas aconteceu após criterioso processo de análise, como relata Edmilson Simplício, coordenador estadual do prêmio e técnico da SEEC: “Para chegar nesse resultado visitas foram realizadas nas escolas e foi conferida a consistência das informações prestadas nos questionários da autoavaliação”. A análise desenvolvida por cada escola não serve apenas como elemento para participação no prêmio, mas como um importante instrumento de transformação. “Ela contribui para o processo de melhoria contínua da gestão escolar, pela elaboração de planos de ação”, completou Simplício.

A escola estadual Monsenhor Walfredo Gurgel apresentar boas práticas de gestão focadas na melhoria da aprendizagem, com um projeto político pedagógico com a função de especificar os objetivos em termos de formação do alunado. “Só com a definição de aonde se quer chegar a equipe consegue projetar as ações ao longo do ano letivo – e o diretor pode definir quem assume a responsabilidade pelo acompanhamento e pela execução de cada projeto e lutar para garantir as condições necessárias para que eles se concretizem”, destacou Edmilson.

O primeiro lugar, escola Professora Trindade Campelo, da Rede Municipal de Educação de Currais Novos se permite um trabalho coletivo, realiza também a autoavaliação dos seus profissionais. O projeto pedagógico norteia todas ações do trabalho escolar, em constante atualização e vivo, de forma que tem provocado situações diversas com a equipe escolar para que as ações pedagógicas estejam pautadas sob a filosofia da escola, traçada conjuntamente no ato de sua elaboração.

As 15 escolas com melhor colocação (ver lista abaixo) serão homenageadas com o diploma “Escola Destaque e Liderança Estadual em Gestão Escolar”, a ser entregue no dia 20 de dezembro em cerimônia na Secretaria de Educação. A diplomação será realizada durante o Seminário Estadual de Boas Práticas e Sucesso Escolar, que compartilhará experiências destas escolas entre os gestores norte-rio-grandenses.

Fase Nordeste
Nos dias 9 e 10 de novembro a Secretaria de Educação do RN realiza, em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o Seminário Regional de Premiação do Prêmio de Gestão Escolar – etapa Nordeste. Durante o evento, que reunirá secretários de Educação e escolas de todos os estados do Nordeste, serão premiadas as melhores instituições de ensino da região.

Saiba mais
O Prêmio Gestão Escolar, realizado desde 1998 pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED), estimula a melhoria da gestão das escolas públicas. O Prêmio busca reconhecer boas práticas, incentivar o aprimoramento dos processos de gestão e promover ações que possibilitem a troca de experiências entre gestores, multiplicando boas estratégias.

O exercício de reflexão e planejamento proposto pelo Prêmio Gestão Escolar (PGE), possibilita que as equipes gestoras se deparem com seus avanços e os pontos de atenção e reflitam sobre as relações que estão se desenvolvendo na escola. Com isso, será possível identificar o que é preciso fazer para que os processos de ensino se aproximem, cada vez mais, do que a comunidade escolar considera uma educação de qualidade.

Confira as escolas finalistas do Prêmio Gestão Escolar – Etapa RN

1º Lugar – E. M. Professora Trindade Campelo – Currais Novos – 9ª DIREC
2º Lugar – E. E. Monsenhor Walfredo Gurgel – Ens. Fundamental e Médio – São Fernando – 10ª DIREC
3º Lugar – E. M. Prof. Francisco de Assis Varela Cavalcanti – Natal – 1ª DIREC
4º Lugar – E. E. Barão do Rio Branco – Ens. Fundamental – Parelhas – 9ª DIREC
5º Lugar – E. E. Professora Maria Arioene de Souza – Ens. Médio – Campo Redondo – 7ª DIREC}
6º Lugar – E. M. Professora Luzanira Maria da Costa Cruz – Parnamirim – 2ª DIREC
7º Lugar – E. M. Joana Dantas de Moura – Pilões – 15ª DIREC
8º Lugar – Unidade de Educ. Infantil Adalgiza Fernandes Moreira – Mossoró – 12ª DIREC
9º Lugar – E. E. Antonio de Azevedo – Jardim do Seridó – 10ª DIREC
10º Lugar – E. E. Juscelino Kubitschec – Ens. Fundamental e Médio – Açu – 11ª DIREC
11º Lugar – E. E. Francisco Camilo de Souza – Ens. Fundamental – Nísia Floresta – 2ª DIREC
12º Lugar – E. E. Professora Maria Zenilda Gama Torres – Apodi – 13ª DIREC
13º Lugar – E. E. de Tempo Integral Dr. Manoel Dantas – Ens. Fundamental – 1ª DIREC
14º Lugar – E. E. Professora Firma F. de Oliveira – 3ª DIREC
15º Lugar – E. E. Prof. Edgar Barbosa – Ceará-Mirim – 5ª DIREC
16º lugar – E. E. Estudante Ronald Neo Junior – Almino Afonso – 14ª DIREC
17º Lugar – E. E. Professora Josefa Sampaio – Natal – 1ª DIREC
18º Lugar – E. E. 20 de Setembro – Olho d’Água do Borges -14ª DIREC
19º Lugar – E. E. E.E. Praxedes Martins – Ensino Fundamental – Itaú -13ª DIREC
20º Lugar – E. E. Rosa Pignataro Ensino – Fundamental E Médio – Nova Cruz – 3ª DIREC
21º Lugar – E. E. Tristão de Barros – Ens. Fundamental e Médio – Currais Novos – 9ª DIREC
22º Lugar – E. E. Acadêmico Mauro Abrantes – Ensino Fundamental -Tenente Ananias -15ª DIREC
23º Lugar – E. E. Presidente Roosevelt – Parnamirim – 2ª DIREC
24º Lugar – E. E. Prof. Raimundo S. Costa – Ens. Fund. e Médio – São José do Seridó -10ª DIREC
25º Lugar – E. E. Professora Clotilde M. Lima – Taipu – 5ª DIRECTTY
26º Lugar – E. E. Quintino Bocaiuva – Ensino Fundamental – Santa Cruz -7ª DIREC
27º Lugar – E. E. Senador Dinarte Mariz – São Paulo do Potengi – 4ª DIREC
28º Lugar – E. M. Angelina Aurina da Silva – Campo Redondo – 7ª DIREC
29º Lugar – E. M. Professor Jose Luiz Rodrigues – Lagoa de Pedras – 3ª DIREC
30º Lugar – E. E. Padre Sátiro Cavalcanti Dantas – Mossoró – 12ª DIREC
31º Lugar – E. E. Mauricio Freire – Ensino Fundamental, Médio e EJA – São Paulo do Potengi – 4ª DIREC
32º Lugar – E. E. Cel. Antonio do Lago – Touros – 5ª DIREC
33º Lugar – E. E. Rafael Godeiro – Rafael Godeiro – 14ª DIREC

ASSECOM/RN

Créditos das Fotos: Cícero Oliveira

As conquistas e a contribuição do Departamento de Geografia para a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foram ressaltadas na solenidade de abertura em comemoração aos 60 anos do curso de Geografia, vinculado inicialmente à Faculdade de Filosofia de Natal e posteriormente incorporado à UFRN, em 1963, quando originou o atual Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA). O evento “A Geografia faz história: 60 anos de mudança” teve início nesta segunda-feira, 16, no auditório da Reitoria, e segue até o dia 18 com palestras, mesas redondas, lançamentos de livros e homenagens aos egressos.

O chefe do departamento, professor Celso Donizete Locatel, citou o reconhecimento em nível nacional do trabalho desenvolvido na UFRN, que oferece graduação em Geografia nos modos licenciatura e bacharelado. A pós-graduação se destaca pelas opções de mestrado acadêmico e profissional, além do doutorado com conceito elevado para 5 na última avaliação quadrienal da Capes. A reitora da universidade, Ângela Maria Paiva Cruz, lembrou alguns nomes de professores importantes para a consolidação do curso, cuja história administrativa e acadêmica é marcada por crescimento com qualidade, assim como impacto social importante em pesquisas e projetos de extensão como o programa Trilhas Potiguares.

“Desejo vida longa ao curso, para tanto, peço às novas gerações que avancem nos projetos e não deixem arrefecer o ânimo dos fundadores. Fica o desafio de trabalhar pela qualidade cada vez mais elevada em todos os níveis de atuação”, frisou Ângela Paiva. A solenidade foi seguida pela palestra “Por uma geoeconomia política no Brasil no contexto sul”, ministrada pelo professor Carlos Antônio Brandão, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Também estiveram presentes na abertura a diretora e o vice-diretor do CCHLA, Maria das Graças Soares e Sebastião Faustino, além dos pró-reitores de Graduação e Pós-Graduação, Maria das Vitórias Vieira e Rubens Maribondo.

ASCOM – Reitoria/UFRN

 

O encaminhamento de parte das emendas da bancada federal para apoio às ações da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foi o principal destaque das reuniões que a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, manteve com parte dos parlamentares federais do Estado na última quarta-feira, 11. Fruto dos encontros, os deputados Rafael Motta e Rogerio Marinho, a deputada Zenaide Maia, a senadora Fátima Bezerra e o senador Garibaldi Alves se comprometeram a destinar recursos para a UFRN.
Na oportunidade, Ângela Paiva também tratou da situação do acervo do Diário de Natal com os parlamentares. Ela buscou, junto aos senadores e deputados federais, apoio para que apresentem uma emenda de bancada específica para que a Universidade possa digitalizar e disponibilizar à sociedade o acervo dos jornais Diário de Natal e O Poti, que estão sob a responsabilidade da instituição.  O acervo está cedido em comodato à UFRN e reúne edições de 1939 até 2012, último dia de circulação do periódico. Todo o material está guardado no Museu Câmara Cascudo, em Natal.

ASCOM – Reitoria/UFRN

Foi divulgado no início da tarde desta terça-feira, 10, o resultado da segunda fase do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Mais uma vez os alunos da Ufersa tiveram destaque e obtiveram um excelente resultado. O curso de Direito da Universidade conseguiu aprovar 92,3% dos alunos que participaram do Exame.

Segundo o coordenador do curso de Direito da Ufersa, o professor José Albenes Bezerra Júnior, o índice de aprovação da Universidade do Semiárido foi um dos maiores do país novamente e possivelmente deve ficar entre os 3 primeiros colocados no ranking. Nesta edição do exame da OAB, 14 alunos da Ufersa fizeram a prova e 12 foram aprovados.

O excelente resultado dos alunos da Ufersa foi diferente da maioria das instituições que ofertam o curso de Direito pelo país. A média nacional de aprovação nesta edição do exame foi de apenas 10%, um dos índices mais baixos já registrados pela OAB.

Essa não é a primeira vez que o curso de Direito da Ufersa se destaca nos exames da Ordem. Há 3 meses, a Ufersa também conseguiu um excelente índice conseguindo aprovar 84% dos seus alunos de Direito. Com esse resultado, a Universidade ficou em 2º lugar no ranking nacional da OAB, empatada tecnicamente com a Universidade Federal de Lavras, em Minas Gerais.

Ana Paula Cardoso

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou na manhã desta terça-feira, 10, o quadro de vagas que a instituição oferece neste ano através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Ao todo, serão 6923 oportunidades, das quais 4639 para o primeiro semestre e 2284 para o segundo.
A proposta foi aprovada sob a relatoria da conselheira Maria das Vitórias Vieira Almeida de Sá durante a oitava sessão extraordinária do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe). Em seu parecer, ela identificou que todas as propostas de acréscimo feitas pelos Centros Acadêmicos foram aceitas, resultando em mudanças no número de vagas nos seguintes cursos: Letras-Inglês, Letras-Língua Portuguesa, Canto e Instrumento, Pedagogia e Geografia, estes dois últimos vinculados ao Ceres de Caicó. Outra modificação é que o curso de Ciências da Computação passa a ofertar vagas para 2º ciclo.
A mesma resolução também delimitou as vagas que a UFRN oferece através de outros processos seletivos. Neste caso, o Processo Seletivo Específico, que é aplicado nos cursos de Dança, Letras Libras, Música e Teatro, serão 205 vagas; para cursos de 2º ciclo, 750 oportunidades; Programa Estudantes Convênio de Gradução (PEC G), com 98 vagas; convênio com instituições do Timor-Leste 44; por fim, 49 vagas para mobilidade interna, casos em que o estudante muda para o mesmo curso de outro campus. Somando estes números com o do Sisu, a UFRN oferece oportunidades para 8069 novos alunos ingressarem na instituição. A Pró-Reitoria de Graduação publica ainda esta semana o edital completo no endereço www.sisu.ufrn.br.

ASCOM – Reitoria/UFRN

Estão abertas as inscrições para o Ciclo Sesc em Natal, Macaíba e Mossoró. A iniciativa do Sistema Fecomércio, realizada por meio do Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc RN), une lazer, atividade física e turismo. As inscrições podem ser feitas até data próxima ou no dia do evento nas centrais de relacionamento das unidades Sesc das cidades. A expectativa é de que mais de 2 mil pessoas participem das três edições, todas elas realizadas em outubro.

 

Em Macaíba, o Ciclo Sesc acontece dia 22 de outubro em um formato diferente das demais cidades: o passeio é feito em bicicletas. A largada será às 7h em frente ao Sesc Macaíba e, para garantir a vaga, basta doar 2 kg de alimentos não perecíveis. No percurso, estarão pontos históricos como o Engenho Ferreiro Torto.

 

Já na capital potiguar, o projeto acontece dia 28 de outubro, com concentração marcada para as 15h30 no Sesc Cidade Alta. As inscrições podem ser feitas nas centrais de relacionamento tanto do Sesc Cidade Alta quanto do Sesc Zona Norte, do Sesc Potilândia e do Sesc Ponta Negra. O percurso abrange alguns dos principais pontos turísticos da cidade, como a Igreja do Rosário, a praça Sete de Setembro e a casa da lendária viúva Machado. 

O Ciclo Sesc finaliza o circuito 2017 em Mossoró dia 30 de outubro, com largada às 16h em frente ao Sesc Mossoró. Durante o passeio, serão visitados pontos como o Memorial da Resistência e a Estação das Artes – Eliseu Ventania. A inscrição é concluída mediante a doação de 2 kg de alimentos não perecíveis.

 

Em todas as cidades, os percursos serão marcados por intervenções culturais e contarão com um guia para explicar as histórias dos lugares visitados. Os primeiros inscritos terão direito a camiseta e boné, e os participantes terão suporte de socorristas, distribuição de água mineral e kit frutas. Todos os alimentos arrecadados nas inscrições serão destinados ao Mesa Brasil Sesc, programa que combate a fome e o desperdício de alimentos.  

 

Sobre o Ciclo Sesc

 

O Ciclo Sesc é mais uma ação do Sesc para estimular a prática de esportes em busca de uma melhor qualidade de vida. Em 2016, o projeto assumiu um novo formato: uma caminhada cujo percurso envolve os principais pontos históricos das cidades.

 

Além de agregar turismo ao projeto, a mudança também possibilita que um público mais amplo possa participar.

A competência da gestão escolar e as iniciativas e experiências bem-sucedidas da Escola Municipal “Professora Trindade Campelo” de Currais Novos, a tornaram campeã da etapa estadual do prêmio “Gestão Escolar RN” – Edição 2017, que tem como objetivo estimular o desenvolvimento de uma gestão escolar democrática e eficaz com foco no ensino e aprendizado. Após os processos avaliativos de 33 escolas, onde o comitê do prêmio realizou visitas in loco de verificação de coerência, coesão e consistência entre as informações prestadas nos questionários de autoavaliação, a escola curraisnovense alcançou a maior pontuação.

O Prefeito Odon Jr parabenizou a Escola e a diretora Magna de Fátima pelo prêmio. “A escola Trindade Campelo e a diretora Magna, educadores da escola, funcionários e toda a comunidade escolar do bairro Silvio Bezerra de Melo, merecem o nosso reconhecimento”, disse o Prefeito, que também destacou a atuação importante do Secretário Municipal de Educação, Jorian Santos, e de toda a equipe da SEMEC, na melhoria do ensino nas escolas municipais.

A Escola receberá a diplomação como “Escola Destaque Estadual em Gestão Escolar” em cerimônia no dia 20 de dezembro em Natal durante o Seminário Estadual de Boas Práticas e Sucesso Escolar. Como vencedora, a Trindade Campelo será indicada ao Comitê Nacional para concorrer ao diploma como “Escola Destaque da Região Nordeste” e “Escola Referência Brasil”.

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) estabeleceu parceria com a equipe organizadora do Fórum Pensar a Infância para trazer o evento pela primeira vez para Natal. Na última quarta-feira, 04, a atriz, diretora, produtora, roteirista, cineasta e organizadora do fórum Carla Camurati foi recebida na Sala de Reuniões da Reitoria pelo vice-reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo.
Segundo Camurati, a ideia do evento é mostrar a possibilidade de usar o cinema como um aliado da educação através da troca de experiências em torno do papel educativo do cinema, permitindo assim discutir estrutura de roteiro e linguagem. Na reunião, estiveram presentes membros das Pro-Reitorias de Extensão e de Planejamento, do Núcleo de Arte e Cultura e do Centro de Educação. O Fórum acontece em Natal entre os dias 06 e 10 de novembro, a partir da parceria entre a Copacabana Filmes, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e o Ministério da Cultura. A programação será definida até a próxima terça-feira, 10.

ASCOM – Reitoria/UFRN – imagem www.uai.com.br

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Escola de Governo Cardeal Dom Eugênio de Araújo Sales, abriu inscrições para dois cursos de capacitação que serão ofertados em Natal, Caicó e Pau dos Ferros. As oportunidades são para Redação Oficial e Qualidade no Atendimento ao Cidadão, com 25 vagas cada. Os interessados podem se inscrever no site www.escoladegoverno.rn.gov.br.

O Curso de Redação Oficial traz as técnicas de redação próprias da Administração Pública. Prezando pela impessoalidade e uniformidade, esse tipo de comunicação exige um nível específico de linguagem. O curso também aborda a elaboração de comunicados e normativos oficiais, permitindo entendimento imediato. Além de temas voltados à escrita, como a gramática, o padrão oficial de pronomes de tratamento e outros conteúdos relacionados ao assunto.

O Curso de Qualidade no Atendimento ao Cidadão traz um conteúdo diversificado que ensina como promover o atendimento ao cidadão com mais eficiência e excelência. A capacitação aborda o desenvolvimento de uma cultura organizacional voltada para o cidadão, onde atender bem exige profissionalismo e constante aprimoramento e qualificação. Busca, além da melhoria do atendimento interno e externo, elevar o nível de motivação dos atendentes, destacando seu papel como agente transformador das relações entre o público e a organização.

Confira abaixo os períodos e locais onde serão realizados os cursos.

NATAL

Curso de Redação Oficial 

Período do Curso: 23/10/2017 a 01/11/2017
Horário: 08h às 12h
Instrutor: Silvio Augusto do Nascimento
Carga Horária: 32h
Local: Escola de Governo

Curso de Qualidade no Atendimento ao Cidadão

Período do Curso: 27/10/2017 a 01/11/2017
Horário: 08h às 12h
Instrutor: Alberto V. Campos
Carga Horária: 20h
Local: Escola de Governo

CAICÓ

Curso de Redação Oficial

Período do Curso: 16/10/2017 a 20/10/2017
• Dia 16/10 de 14h às 18h
• Dia 17/10 de 8h às 18h
• Dia 18/10 de 8h às 18h
• Dia 19/10 de 8h às 18h
• Dia 20/10 de 8h às 12h
Instrutor: João Maria Lima
Carga Horária: 32h
Local: SENAI Caicó, Praça Dom José Delgado, S/N – Caicó/RN

Curso de Qualidade no Atendimento ao Cidadão

Período do Curso: 16/10/2017 a 18/10/2017
• Dia 16/10 de 14h às 18h
• Dia 17/10 de 8h às 18h
• Dia 18/10 de 8h às 12h
Instrutor: Galvão Freire Neto
Carga Horária: 20h
Cidade de Realização: Caicó.
Local: SENAI Caicó, Praça Dom José Delgado, S/N – Caicó/RN

PAU DOS FERROS

Curso de Redação Oficial

Período do Curso: 06/11 a 08/11/2017
• Dia 06/11 de 14h às 18h
• Dia 07/11 de 8h às 12h / 14h às 18h
• Dia 08/11 de 8h às 12h / 14h às 18h
• Dia 09/11 de 8h às 12h / 14h às 18h
• Dia 10/11 de 8h às 12h
Instrutor: João Maria Lima
Carga Horária: 32h
Local: Escritório da FIERN, Rua Quintino Bocaiuva, 281, Centro – Pau dos Ferros/RN

Curso de Qualidade no Atendimento ao Cidadão

Período do Curso: 06/11 a 08/11/2017
• Dia 06/11 de 14h às 18h
• Dia 07/11 de 8h às 12h / 14h às 18h
• Dia 08/11 de 8h às 12h / 14h às 18h
Instrutor: Flávio Emílio Cavalcanti
Carga Horária: 20h
Local: Escritório da FIERN, Rua Quintino Bocaiuva, 281, Centro – Pau dos Ferros/RN

Assessoria Searh

O Ministério da Educação (MEC) autorizou nesta quinta-feira, 05, a liberação de R$ 1,2 bilhão para universidades e institutos federais em todo o país, com aumento de 5 pontos percentuais no limite de empenho do Orçamento para custeio e de 10 pontos percentuais para investimento. Dessa forma, o limite para empenho liberado de custeio aumenta de 80% para 85% e de investimento passa de 50% para 60%

As universidades federais receberão R$ 925,12 milhões, dos quais R$ 413,32 milhões são de recursos financeiros discricionários e R$ 511,8 milhões, referentes a um orçamento extra, sendo R$ 397,6 milhões para custeio e R$ 114,2 milhões para investimento.

Já os institutos federais serão contemplados com R$ 366,3 milhões, dos quais R$ 164,2 milhões de recursos financeiros discricionários e R$ 202,1 milhões a mais de limite para empenho. Para a assistência estudantil, o MEC liberou R$ 275,1 milhões de limite para empenho – R$ 190,2 milhões para as universidades e R$ 84,9 mi para os institutos. O valor corresponde à liberação de 100% do limite para empenho e assistência estudantil.

Desde o início do ano, o MEC repassou R$ 5,8 bilhões em recursos financeiros e R$ 7,8 bilhões de limite para empenho, ambos discricionários, para as instituições federais vinculadas à pasta. O MEC também já liberou para as universidades e institutos federais R$ 43,51 bilhões para o custeio da folha de pagamento de pessoal.

Agência Brasil. – Ana Paula Cardoso

Alunos da rede pública de Educação estão com novas atividades de lazer desenvolvidas pela Assembleia Legislativa. Através do programa Assembleia Cidadã, o Legislativo está em duas escolas públicas do Rio Grande do Norte com os projetos Lazerania e Semear, que leva ações esportivas e educacionais aos estudantes. Na manhã desta quarta-feira (4), alunos da Escola Estadual Soldado Luiz Gonzaga, no bairro Nazaré, em Natal, foram beneficiados.

Com 302 alunos entre o ensino fundamental II e ensino médio beneficiados com o programa, o Assembleia Cidadã desenvolveu aulas e jogos de xadrez, instrução de slackline (espécie de corda elástica suspensa), karatê, além de aulas do Conexão Enem, contribuindo para a preparação dos estudantes para o exame anual. Além disso, os alunos também serão levados ao Memorial da Assembleia, onde conhecerão a história do Rio Grande do Norte através dos fatos históricos no Legislativo.

Ainda no programa, está prevista a realização de uma edição do projeto Semear, com as oficinas “Cultura de Paz”, abordando a Violência, “Habilidade de Vida para Prevenção ao Uso de Drogas” e também uma oficina sobre inteligência emocional.

“As ações ocorrerão nas escolas Soldado Luiz Gonzaga e também na Walfredo Gurgel, beneficiando, ao todo, mais de mil alunos. A programação completa será definida nos próximos dias, mas já iniciamos as atividades”, disse a Lucianna Lourenço, da Assembleia Cidadã.

A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) RECEBE inscrições para o Prêmio Andifes de Jornalismo 2017 até o mês de novembro. Com dezoito anos de existência a premiação e busca das destaques às matérias sobre variadas pautas, regionalizadas ou de caráter universal, sempre envolvendo a educação e seus avanços e desafios.

Os vencedores de cada categoria, Educação Básica e Ensino Superior, receberão duas passagens aéreas de ida e volta para qualquer capital brasileira. O regulamento detalhado está disponível em www.andifes.org.br.

Ascom Reitoria/UFRN

O Fórum de Reitores do Rio Grande do Norte participou na terça-feira, 3, de reunião com a bancada federal de parlamentares do estado. Os reitores solicitaram apoio na liberação de orçamento em 2017 e 2018, para que as instituições de ensino superior possam cumprir sua missão e reverter socialmente e economicamente para o desenvolvimento da sociedade potiguar o investimento nelas feito, destacou a reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e presidente do Fórum, Angela Maria Paiva Cruz.

Também estiveram presentes os reitores Pedro Fernandes, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), José de Arimatea de Matos, da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), e Wyllys Farkatt, do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN). Antes dessa reunião, Angela Paiva apresentou ao deputado federal Rafael Motta os compromissos da UFRN com a sociedade, em especial o projeto do Museu Câmara Cascudo (MCC) para tratamento e disponibilização do acervo do Diário de Natal para acesso ao público. O parlamentar se mostrou disponível e agendou visita ao MCC nesta quinta-feira, às 17h.

Nesta quarta-feira, 4, Angela Paiva segue para visita de solidariedade à equipe de gestão e à reitora em exercício da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Alacoque Lorenzini, em virtude do trágico falecimento do reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo na última segunda-feira,

ASCOM – Reitoria/UFRN

O Ministério Público Federal do Rio Grande do Norte (MPF/RN) decidiu arquivar a denúncia contra o Núcleo de Educação da Infância (NEI) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (NEI/UFRN). A queixa surgiu em abril de 2016 após uma paralisação dos docentes da UFRN, incluindo os professores do NEI, em razão de protestos nacionais contra a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional 55, a PEC do Teto dos Gastos.

A decisão partiu do procurador da república Victor Manoel Mariz, ao receber do NEI o compromisso de que as questões de cidadania continuem tendo A abordagem pedagógica levando em consideração o estágio de desenvolvimento e a compreensão dos alunos, mantendo a desvinculação de atividades com conotação político-partidária. Na época da instrução, a direção do Núcleo de Educação Infantil encaminhou por ofício ao MPF as justificativas sobre a conduta dos professores, projeto pedagógico e metodologia da escola.

No documento, a direção do Núcleo de Educação da Infância realça que a escola segue as regras da Lei de Diretrizes Básicas da Educação que trata sobre princípios fundamentais, como o pluralismo político, cidadania, valores sociais. Além disso, o NEI tem como ação cotidiana a apresentação da proposta político pedagógica e da metodologia da escola aos pais dos alunos em reuniões regulares realizadas desde os primeiros anos. Ainda no ofício, a direção informa que o ensino no NEI tem como objetivo a formação de indivíduos questionadores e de uma educação libertadora, autônoma e emancipatória.

O procurador Victor Mariz deu o caso por encerrado com o seguinte teor de decisão: “Compulsando o conjunto probatório, considerando as últimas informações prestadas pelo Núcleo de Educação Infantil (NEI) às fls. 47/48, verifica-se que não subsistem razões a justificar a continuidade do presente Procedimento Preparatório. O NEI se comprometeu a seguir fielmente a Recomendação nº 02/2017 – VMM/PR/RN proposta pelo Ministério Público em adotar providências necessárias a impedir atividades com conotação político-partidário, em especial para crianças da educação infantil, bem como adotar medidas para que as questões de cidadania tenham abordagem pedagógica levando em consideração o estágio de desenvolvimento e compreensão dos destinatários, especialmente se forem crianças do ensino infantil. Dessa forma, não havendo mais necessidade na continuação do presente procedimento, a medida de arquivamento se impõe”. O processo aguarda homologação da Câmara de Coordenação e Revisão do MPF, em Brasília.

ASCOM – Reitoria/UFRN

O novo superintendente da Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), professor Luiz Murillo Lopes de Britto, tomou posse na manhã desta segunda-feira, 2, em solenidade  marcada por palavras de gratidão, alegria e boa sorte na função até então desempenhada pela professora Sônia Maria de Medeiros Barreto, que assume a chefia da Divisão Médica da unidade. O presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), Kleber Morais, presidiu o momento que contou com a presença da reitora da UFRN, Angela Maria Paiva Cruz, além de gestores, professores, técnico-administrativos e alunos.

Após assinar o termo de nomeação e posse, Murillo Brito manifestou a satisfação de abraçar o desafio pela certeza de contar com o apoio de uma equipe competente e capaz. O professor apresentou planos de concretizar novos projetos, ampliar ações e parcerias, sedimentar cursos e reforçar o reconhecimento profissional. “Hoje a MEJC é um complexo em todas as áreas de atuação na saúde da mulher, pautada na qualidade do atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde. Conto com todos vocês para continuarmos fazendo da assistência, do ensino e da pesquisa referência para o povo potiguar”, declarou.

Sônia Barreto, por sua vez, resumiu os avanços em pouco mais de um ano como superintendente, entre eles a inauguração da reforma da UTI Neonatal, e ressaltou que as conquistas são fruto do esforço conjunto de um grande grupo. A reitora Angela Paiva agradeceu o empenho de Sônia Barreto e garantiu ao novo superintendente o apoio à maternidade em razão da sua importância para ampliar a inserção social da UFRN, na qual a qualidade acadêmica e a assistência devem se estender aos usuários do SUS.

Outras novidades para o Estado foram apresentadas por Kleber Morais, que destacou a inauguração da UTI Neonatal e expansão do Hospital Universitário Ana Bezerra (HUAB), a implantação do acelerador linear no Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) e a construção do Hospital da Mulher na Zona Norte de Natal, cujo projeto prevê a oferta de 200 leitos hospitalares. O presidente da Ebserh salientou a contribuição de Murillo Britto para a MEJC, certo da competência para a função assumida.

Doutor em Ciências da Saúde pela UFRN, Murillo Britto é professor e médico mastologista da instituição. Coordenador do projeto Câncer de Mama e Genética da MEJC e professor visitante da Liga Norteriograndense Contra o Câncer, já atuou como presidente regional da Sociedade Brasileira de Mastologia.

Marina Gadelha – ASCOM – Reitoria/UFRN

Dentro da programação do Setembro Amarelo, que trata a prevenção ao suicídio, a Prefeitura Municipal de Campo Redondo, através da Secretaria Municipal de Educação, promoveu o I Seminário de Educação para Saúde Mental. O dia de atividades aconteceu ontem sexta-feira (29), na Escola Municipal Sebastião Cosme Assunção, na Comunidade Malhada Vermelha e trouxe como tema “Reabilitando a vida: Educar para o viver”. Na plateia Professores da Educação Básica, da EJA, profissionais da saúde, da assistência social e convidados. Os palestrantes Anadir Pessoa e Ari Peter, acompanhados pela pedagoga Ilka dialogaram com os participantes e orientaram sobre o papel da rede de proteção esclarecendo situações de como identificar e prevenir a dor psíquica causa geradora de casos de suicídio.

“O projeto é desenvolvido através do fortalecimento da rede de proteção e trabalha uma temática como essa sem julgamentos, mas com discussão, entendimento e prevenção”. Não é discutir a morte, mas ao contrário valorizar a vida e cuidar da resiliência de todo aquele que precisa ser ouvido, acolhido e amado. Dizemos sim a esse projeto que nos foi apresentado pela FACEN. O município de Campo Redondo se prontifica a ser a mão que reabilita a vida. O projeto será implementado através de curso de formação de Tutoria de Resiliência, estabelecimento de diálogos com os órgãos da saúde para ser discutido o aumento dos psicólogos na rede de proteção, na realização de palestras nas escolas acerca da temática das dores psíquicas e suas consequências, na implantação de Rodas de Conversa na rotina da formação continuada dos agentes da rede, como forma de integração, formação, esclarecimento e motivação, faremos também caminhadas mobilizando toda a população”, contou Simone Cortez, secretária de Educação.

www.scriptsell.net