Monthly Archive: junho 2018

Crédito: Rodrigo Rafael

A nova Central do Cidadão de Currais Novos, a inauguração de novas UTIs Adulto e entrega de obras da UTI Neonatal do Hospital Regional de Currais Novos e a assinatura de convênios do Edital de Leite e Derivados são ações atendidas pelo governador Robinson Faria (PSD) para a região Seridó, mediante solicitações de requerimentos do deputado e presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB).

“Este sábado é bastante significativo para todos nós da região Seridó. A chegada de melhorias nos serviços públicos essenciais à comunidade e que propiciam a geração de emprego e renda é motivo de orgulho, conquista e renovação do estimulo para manter a luta por benfeitorias para a região”, disse Ezequiel

Ferreira.

O presidente da Assembleia Legislativa e o governador estavam acompanhados dos prefeitos de Cruzeta, José Sally, de Lagoa Nova, Luciano Santos, de Tenente Laurentino Cruz, Sueleide Araújo, Serra Negra do Norte, Serginho Fernandes, de Santana do Seridó, Hudson Pereira, Carnaúba dos Dantas, Gilson Dantas e da prefeita de São José do Seridó, Miúda.

Também estiveram na comitiva o vice-prefeito de Ouro Branco, Dr. Araújo, o ex-prefeito de Currai Novos, Vilton Cunha, ex-prefeito de Carnaúba dos Dantas, Alexandre Dantas, o ex-vice-prefeito de Campo Redondo, Manoel Egídio, o médico ortopedista, Thiago Almeida, e vereadores de Campo Redondo, Carnaúba dos Dantas, Acari, Cruzeta, Tenente Laurentino Cruz, São Vicente, Lagoa Nova e Currais Novos.

A nova Central do Cidadão de Currais Novos está prestes a ser entregue à população da cidade e região Seridó. Beneficiando moradores de cidade circunvizinhas que procuram aquele órgão em busca de atendimento em vários serviços públicos oferecidos pelo Governo do Estado, que neste sábado (30), promoveu uma visita às obras da unidade.

Por considerar que os serviços prestados pelo órgão são essenciais para a população, o deputado e presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) foi um defensor permanente junto a administração estadual, para que essa nova sede da Central do Cidadão ficasse dentro dos padrões de conforto de atendimento aos que necessitam dos serviços ali oferecidos.

“Lutar por melhorias no hospital regional de Currais Novos tem sido uma constante no meu mandato”, disse Ezequiel Ferreira ao relembrar os constantes pleitos aos três últimos secretários de saúde do Estado. Na área de Saúde, Ezequiel desenvolveu ações permanentes em busca de soluções para as demandas do Hospital Regional Dr. Mariano Coelho, intermediando junto a SESAP-RN e cobrando medidas efetivas para a obstetrícia, clínica médica, traumatologia, fornecimento de insumos e aumento de cota de combustíveis para os veículos da unidade hospitalar que é referência para a região Seridó.

Destinou uma ambulância UTI Móvel para o Hospital Regional para regular, juntamente com a estrutura do SAMU o atendimento aos pacientes do Seridó. O equipamento é utilizado para o atendimento da população dos municípios de Currais Novos, Santana do Mattos, Bodó, Cerro Corá, Lagoa Nova, Jucurutu, Florânia, Tenente Laurentino Cruz, São Vicente, Acari, Cruzeta, São José do Seridó, Carnaúba dos Dantas, Parelhas, Equador, Santana do Seridó, Ouro Branco e Jardim do Seridó.

Produtores de Queijos da região do Seridó agora contam com o Edital de Leite e Derivados. “Nosso queijo é artesanal. É de ótima qualidade. Chega a todo Rio Grande do Norte e agora há expectativa de crescimento das vendas com os recursos que chegam mediante convênio com o Banco Mundial”, disse Ezequiel Ferreira, ao lado do Secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca, Guilherme Saldanha, Tatiana Mendes Cunha, Chefe do Gabinete Civil, Vagner Araújo, Secretário de Trabalho, Habitação e Assistência Social e coordenador do Projeto Governo Cidadão.

Os recursos disponibilizados para o Edital de Leite e Derivados são da ordem de R$ 23 milhões para beneficiar uma média de vinte organizações produtivas.

Entre outras ações desenvolvidas pelo deputado Ezequiel podem ser destacados Investimento superior a R$ 1,5 milhão em obras de pavimentação e drenagem para a cidade, nos dois últimos anos. Desse valor R$ 850 mil já foram executados. Além desses recursos, no orçamento desse ano foram inseridos investimentos no valor de R$ 1 milhão em emendas.

Como presidente do Comitê de Ações de Combate à Seca, o deputado Ezequiel desenvolveu ações para a implantação de oito cisternas para melhora o sistema simplificado de abastecimento; instalação de 35 poços e chafarizes urbanos e solicitação de aquisição de três sistemas dessalinizadores, via programa Água Doce para as comunidades Cachoeira, Namorados e São Rafael e distribuição de raquetes de palmas forrageiras.

Na área de segurança pública destinou duas viaturas para a Polícia Civil; dois novos agentes e a garantia da assinatura da reforma do prédio da Delegacia, num investimento de R$ 50 mil. Atendendo solicitação de Ezequiel, o Governo enviou duas viaturas para a 3ª Companhia Independente de Polícia Militar.

Crédito das Fotos:  Divulgação e Eduardo Maia

A nova Central do Cidadão de Currais Novos está prestes a ser entregue à população da cidade e região Seridó. Beneficiando moradores de cidade circunvizinhas que procuram aquele órgão em busca de atendimento em vários serviços públicos oferecidos pelo Governo do Estado, que neste sábado (30), promove uma visita às obras da unidade.

Por considerar que os serviços prestados pelo órgão são essenciais para a população, o deputado e presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) foi um defensor permanente junto a administração estadual, para que essa nova sede da Central do Cidadão ficasse dentro dos padrões de conforto de atendimento aos que necessitam dos serviços ali oferecidos.

“A Central do Cidadão é de suma importância para Currais Novos, que conta com uma população em torno de 45 mil pessoas, bem como dos municípios vizinhos. Com uma sede própria e bem estruturada, a Central vai poder realizar um atendimento eficaz a uma boa parte da população do Seridó”, afirma o deputado Ezequiel Ferreira.

Além da preocupação com a sede da Central do Cidadão, o deputado Ezequiel sempre se preocupou em encaminhar os pleitos da sociedade de Currais Novos que chegam ao seu gabinete parlamentar.

Entre as ações desenvolvidas podem ser destacados Investimento superior a R$ 1,5 milhão em obras de pavimentação e drenagem para a cidade, nos dois últimos anos. Desse valor R$ 850 mil já foram executados. Além desses recursos, no orçamento desse ano foram inseridos investimentos no valor de R$ 1 milhão em emendas.

Na área de Saúde desenvolveu ações permanentes em busca de soluções para as demandas do Hospital Regional Dr. Mariano Coelho, intermediando junto a SESAP-RN e cobrando medidas efetivas para a obstetrícia, clínica médica, traumatologia, fornecimento de insumos e aumento de cota de combustíveis para os veículos da unidade hospitalar que é referência para a região Seridó.

Destinou uma ambulância UTI Móvel para o Hospital Regional para regular, juntamente com a estrutura do SAMU o atendimento aos pacientes do Seridó. O equipamento é utilizado para o atendimento da população dos municípios de Currais Novos, Santana do Mattos, Bodó, Cerro Corá, Lagoa Nova, Jucurutu, Florânia, Tenente Laurentino Cruz, São Vicente, Acari, Cruzeta, São José do Seridó, Carnaúba dos Dantas, Parelhas, Equador, Santana do Seridó, Ouro Branco e Jardim do Seridó.

Como presidente do Comitê de Ações de Combate à Seca, o deputado Ezequiel desenvolveu ações para a implantação de oito cisternas para melhora o sistema simplificado de abastecimento; instalação de 35 poços e chafarizes urbanos e solicitação de aquisição de três sistemas dessalinizadores, via programa Água Doce para as comunidades Cachoeira, Namorados e São Rafael e distribuição de raquetes de palmas forrageiras.

Na área de segurança pública destinou duas viaturas para a Polícia Civil; dois novos agentes e a garantia da assinatura da reforma do prédio da Delegacia, num investimento de R$ 50 mil. Atendendo solicitação de Ezequiel, o Governo enviou duas viaturas para a 3ª Companhia Independente de Polícia Militar.

Crédito: Rodrigo Rafael

 

Reunião aconteceu nesta sexta-feira na Presidência do partido e contou com deputados, prefeitos, vices, vereadores e lideranças

A Executiva Estadual do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) se reuniu na manhã desta sexta-feira (29) e decidiu por unanimidade lançar o nome do ex-senador e ex-governador Geraldo Melo, como pré-candidato ao Senado, numa composição com o Partido Social Democrático (PSD), do governador Robinson Faria e outras siglas. A convenção do partido será agendada para 28 de julho para respaldar todos os nomes que concorrerão em outubro. O PSDB irá lançar nomes para o Senado, suplência de senador, deputados federais e nove nomes à Assembleia Legislativa.

“Ouvimos os segmentos do PSDB, que hoje é um dos maiores partidos do Rio Grande do Norte e democraticamente, suas lideranças e pré-candidatos encaminharam através da Executiva Estadual, que o nome do senador Geraldo Melo irá concorrer numa aliança com o PSD do governador Robinson Faria e outras siglas”, explicou o deputado Ezequiel Ferreira de Souza, que presidiu a reunião.

O senador Geraldo Melo agradeceu o respaldo do PSDB ao seu nome. “Se parto com o apoio das lideranças que fazem hoje o maior partido do Rio Grande do Norte, então vamos percorrer todas as regiões e os municípios ouvindo os anseios da população e contribuindo mais uma vez com nossa experiência no Senado”, afirmou Geraldo Melo, que já foi 1º vice-presidente do Congresso Nacional, de 1995 a 2002. Geraldo Melo enfatizou que para se destacar é preciso ser diferente e exaltou que o caminho trilhado pelo partido era o melhor. “Primeiro por ser mais confortável para as eleições de nossos deputados estaduais, impulsiona a candidatura à reeleição do nosso deputado Rogério Marinho e ao ouvir todas as instâncias do partido se deliberou de modo democrático”, disse.

O deputado federal e candidato a reeleição, Rogério Marinho enfatizou a união partidária. “Estamos juntos e prontos para fazer do PSDB um partido sempre disposto a promover melhorias para o país e nosso Rio Grande do Norte”, salientou durante a reunião da Executiva Estadual.

Também compareceram a reunião da Executiva os deputados estaduais José Dias, Gustavo Carvalho, Márcia Maia, Tomba Farias e Larissa Rosado. Os deputados Raimundo Fernandes e Gustavo Fernandes justificaram as ausências, já que cumprem agendas no interior. Os prefeitos Daniel Marinho (Nísia Floresta), Luís Eduardo (Maxaranguape), Robson Araújo (Caicó), Fernando Teixeira (Espírito Santo), Neto Mafra (Barcelona), Clécio Azevedo (Bom Jesus) e Serginho Fernandes (Serra Negra do Norte). O vice-prefeito de Touros, Flávio Teixeira e o vice-prefeito de Macau, Rodrigo Aladim, que é Secretário Geral do PSDB. O empresário Haroldo Azevedo, nome que pode se indicado para uma das suplências de Senado também prestigiou o evento.

 

No Rio Grande do Norte, o PSDB conta com 33 prefeitos e vice-prefeitos, 109 vereadores, inclusive com representação em Natal, Mossoró, Parnamirim, Ceará-Mirim, Maxaranguape, Nísia Floresta e colégios eleitorais importantes como Currais Novos, Nova Cruz, Touros, Apodi, São Miguel, Angicos, Lajes e São Tomé, no Potengi. Os Diretórios Municipais e as Comissões Provisórias do PSDB estão presentes em todas as regiões reforçadas recentemente no Agreste, Trairi, Alto, Médio e Oeste Potiguar, além das regiões Potengi, Seridó, Salineira e Mato Grande.

Crédito da foto: EBC – Fonte Jornal de Fato

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (29), por 6 votos a 3, manter a extinção da obrigatoriedade da contribuição sindical, aprovado pelo Congresso no ano passado como parte da reforma trabalhista.

Desde a reforma, o desconto de um dia de trabalho por ano em favor do sindicato da categoria passou a ser opcional, mediante autorização prévia do trabalhador. A maioria dos ministros do STF concluiu, nesta sexta-feira, que a mudança feita pelo Legislativo é constitucional.

O ministro Alexandre de Moraes, que votou nesta sexta-feira para que o imposto seja facultativo, avaliou que a obrigatoriedade tem entre seus efeitos negativos uma baixa filiação de trabalhadores a entidades representativas. Para ele, a Constituição de 1988 privilegiou uma maior liberdade do sindicato em relação ao Estado e do indivíduo em relação ao sindicato, o que não ocorreria se o imposto for compulsório.

“Não há autonomia, não há a liberdade se os sindicatos continuarem a depender de uma contribuição estatal para sobrevivência. Quanto mais independente economicamente, sem depender do dinheiro público, mais fortes serão, mais representativos serão”, afirmou Moraes. “O hábito do cachimbo deixa a boca torta”, disse o ministro Marco Aurélio Mello, concordando com o fim da obrigatoriedade.

Como votaram os ministros

Votaram para que o imposto continue opcional a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, e o os ministros Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello e Luiz Fux, que foi primeiro a divergir e a quem caberá redigir o acórdão do julgamento.

Em favor de que o imposto fosse compulsório votaram os ministros Rosa Weber, Dias Toffoli e Edson Fachin, relator das ações diretas de inconstitucionalidade que questionavam o fim da obrigatoriedade. Não participaram do julgamento os ministros Ricardo Lewandowski e Celso de Mello.

Em seu voto, no qual acabou vencido, Fachin sustentou que a Constituição de 1988 foi precursora no reconhecimento de diretos nas relações entre capital e trabalho, entre eles, a obrigatoriedade do imposto para custear o movimento sindical.

“Entendo que a Constituição fez uma opção por definir-se em torno da compulsoriedade da contribuição sindical”, afirmou.

O Supremo começou a julgar ontem (28) ações protocoladas por diversos sindicatos de trabalhadores contra alterações na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), feitas pela Lei 13.467/2017, a reforma trabalhista. Entre os pontos contestados está o fim da contribuição sindical obrigatória.

Federações sindicais

As dezenas de federações sindicais que recorreram ao STF alegam que o fim do imposto sindical obrigatório viola a Constituição, pois inviabiliza suas atividades por extinguir repentinamente a fonte de 80% de suas receitas. Para os sindicatos, o imposto somente poderia ser extinto por meio da aprovação de uma lei complementar, e não uma lei ordinária, como foi aprovada a reforma.

Durante o julgamento, a advogada-geral da União, Grace Mendonça, defendeu a manutenção da lei. Segundo a ministra, a contribuição sindical não é fonte essencial de custeio, e a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) prevê a possibilidade de recolhimento de mensalidade e taxas assistenciais para o custear das entidades.

“Esse aprimoramento [da lei] é salutar para o Estado Democrático de Direito, que não inibiu, por parte das entidades, o seu direito de se estruturar e de se organizar. Há no Brasil, aproximadamente, 17 mil entidades sindicais, a revelar que essa liberdade sindical vem sendo bem observada”, argumentou a advogada-geral da União.

Crédito: Rodrigo Rafael 

 

Geraldo Melo será confirmado como opção majoritária do partido na condição de postulante ao Senado  

 Acontece nesta sexta-feira (29), na Presidência do PSDB que fica no bairro Tirol, a reunião da Executiva Estadual da sigla, como foi antecipadamente divulgada.  No encontro será confirmado o nome do ex-senador Geraldo Melo para concorrer a uma das vagas ao Senado Federal. Todos os pré-candidatos do PSDB, deputados, prefeitos e lideranças que integram a legenda participaram das discussões e apoiaram as diretrizes partidárias, deixando o encaminhamento das decisões para a Executiva Estadual.

“O PSDB é um partido forte e que cresceu por ouvir as bases e respeitar democraticamente suas lideranças. Ouvimos todos os nomes que vão concorrer às eleições estaduais deste ano, sentamos com os prefeitos que integram a legenda e estamos levando o encaminhamento da sigla para a reunião da Executiva Estadual, que é integrada pelos deputados, prefeitos, vice-prefeitos e nomes que fazem o PSDB do Rio Grande do Norte”, informou o deputado Ezequiel Ferreira de Souza, que preside o partido no Estado.

A chapa proporcional do PSDB para a Assembleia Legislativa é a mais forte até agora apresentada por todos os partidos. Candidatos à reeleição, Raimundo Fernandes e Gustavo Fernandes, com atuação na região do Alto Oeste. Já Tomba Farias sai de Santa Cruz e do Trairi com grande votação. Duas mulheres vão integrar a nominata: as deputadas Márcia Maia e Larissa Rosado, que são atuantes na Assembleia Legislativa. O decano José Dias, aumentou suas bases no Estado. Gustavo Carvalho tem bases sólidas no Potengi, Alto Oeste e Médio. O médico Tiago Almeida, que tem bases no Seridó será candidato pela primeira vez. Já Ezequiel Ferreira, que preside a Assembleia Legislativa é votado na Grande Natal, Seridó, Agreste, Mato Grande, nas regiões Central e Salineira, além de apoios novos em Mossoró.

O deputado federal, Rogério Marinho é candidato à reeleição. Além de sair muito forte da região Metropolitana, ampliou bases no Seridó, Oeste e Potengi. Ex-deputada federal, Sandra Rosado tentará mais um mandato na Câmara. Hoje, vereadora em Mossoró, Sandra já pegou a estrada no Alto, Médio e Oeste Potiguar em buscas de ampliar bases. Em 2014, Sandra conseguiu 52 mil votos e ficou na suplência.

No Rio Grande do Norte, o PSDB conta com 33 prefeitos e vice-prefeitos, 109 vereadores, inclusive com representação em Natal, Mossoró, Parnamirim, Ceará-Mirim, Maxaranguape, Nísia Floresta e colégios eleitorais importantes como Currais Novos, Nova Cruz, Touros, Apodi, São Miguel, Angicos, Lajes e São Tomé, no Potengi. Os Diretórios Municipais e as Comissões Provisórias do PSDB estão presentes em todas as regiões reforçadas recentemente no Agreste, Trairi, Alto, Médio e Oeste Potiguar, além das regiões Potengi, Seridó, Salineira e Mato Grande.

Crédito da foto: Montagem/Passando na Hora

Uma mulher identificada como Maria Rosineide da Conceição Silva, 35 anos, acusada de matar a pauladas a própria mãe, foi espancada no final da tarde desta quinta-feira, 28, em Governador Dix-Sept Rosado.

Na última segunda-feira, 25, a aposentada Luzia Alcina da Conceição, 71 anos, foi morta com uma paulada na cabeça. Cajuzinha, como é mais conhecida, é a principal suspeita pela morte da idosa. No dia do crime, a mulher foi ouvida pelo delegado Paulo Oliveira, mas foi liberada por falta de provas.

Segundo informações, Maria Rosineide retornou a casa da mãe na tarde desta quinta e teria promovido um quebra-quebra na residência. O agressor seria um familiar da senhora morta. Rosineide sofreu socos, chutes e pauladas.

Ela foi socorrida para o hospital local e depois transferida para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) em Mossoró. Ainda de acordo com informações, o estado de saúde de Cajuzinha é considerado grave.

Crédito das Fotos:  João Gilberto

O presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), teve mais uma solicitação do seu mandato atendida pelo Departamento de Estradas de Rodagens do Rio Grande do Norte (DER/RN). Dessa vez, as populações beneficiadas são as que trafegam pela RN-228, que liga os municípios de Acari, Cruzeta e Caicó, passando por São José do Seridó. A referida rodovia está sendo revitalizada, como parte do pacote de recuperação de vias chamado “Operação Tapa-buracos”.

Nos requerimentos que desencadearam o implemento da operação, o deputado chama a atenção para a situação caótica da RN-288, que passa por Acari e Carnaúba dos Dantas, atendendo também às comunidades de São Vicente, São José do Seridó e Cruzeta, além do município de Caicó. “Os buracos estão incrivelmente grandes, e isso dificulta o percurso do seridoense. Além disso, há o risco de acidentes”, justifica.

O pleito do parlamentar ao DER/RN atendeu a pedidos do empresário Vijânio Filho e de vereadores de Acari, bem como do prefeito José Sally e da vice-prefeita Isa Carneiro, ambos representantes de Cruzeta.

Crédito da foto: Reprodução/Instagram

Durante reunião que contou com as presenças da Secretária-Chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha, da Secretária de Segurança, Sheila Freitas, do Controlador Geral do Estado, Alexandre Azevedo, comandantes da PM e do Bombeiros, e representantes das associações que representam as categorias, foi informado que o Governo promete publicar até este sábado, 30, o edital do concurso público da Polícia Militar. A informação foi publicada no perfil do Gabinete Civil no Instagram.

Segundo informações, o certame contará com mil vagas e formação em nível superior. No mês passado, a Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (SEARH) resolveu suspender o contrato com o Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE) para organização do concurso.

A recomendação do MPRN relembra ainda que além da nulidade do procedimento já realizado, a decisão judicial proferida no mandado de segurança impetrado em janeiro imprimiu novos parâmetros para o concurso público da PM, com a exigência de outros requisitos para o ingresso no cargo, como a escolaridade de nível superior e a inclusão da nova etapa de avaliação psicológica.

Em janeiro deste ano Governo do Rio Grande do Norte chegou a publicar no Diário Oficial do Estado (DOE) o edital do concurso público para praças da Polícia Militar. Dias antes, o Executivo havia informado a suspensão dos concursos da PM e da Polícia Civil.

No entanto, em abril, o governo publicou novo edital para a devolução da taxa de inscrição no concurso público para praças da Polícia Militar. De acordo com o governo, o candidato que não pedir a devolução da taxa dentro do prazo estabelecido permanecerá inscrito no concurso e não vai poder solicitar a devolução em outra oportunidade.

Crédito da foto: Marcos Garcia/Arquivo/ Com informações da ALRN

O consumidor potiguar deverá experimentar um impacto positivo nos gastos com combustível em razão de lei aprovada na Assembleia Legislativa e sancionada pelo Governo do Estado. De autoria do deputado Gustavo Fernandes (PSDB), o dispositivo impede a fixação de terceiro dígito na casa decimal dos centavos sobre o preço da gasolina praticado nas bombas de combustíveis.

Para ilustrar com um exemplo, um posto de combustível que tenha litro da gasolina fixado em R$ 4,449 teria que retirar a última casa decimal, para R$ 4,44. O impacto financeiro seria o seguinte: um tanque de 50 litros custaria R$ 222,45 no primeiro caso e R$ 222 no segundo. Em um ano, a economia poderia chegar a R$ 20.

“Não se pratica terceiro dígito em nenhuma outra mercadoria. Por que precisamos ter esse modelo para combustíveis, um bem tão essencial ao consumidor? A resposta é que não precisamos. Essa lei traz mais transparência para o consumidor e, apesar de pequena, gera economia”, defendeu o deputado Gustavo Fernandes.

O padrão atual remonta à década de 1990, quando foi decidido pelos três dígitos como forma de melhor absorver o processo de produção, distribuição e venda dos combustíveis. A partir da sanção da lei, em 26 de junho, o dispositivo passa a valer no Rio Grande do Norte dentro de 90 dias.

Crédito: João Bezerra Júnior – Assessor de Comunicação

Programa instituído há 15 anos em Currais Novos como forma de prevenir o uso de drogas e desenvolver competências e habilidades que possibilitem crianças e jovens a serem mais responsáveis, o PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas realizou na manhã desta quinta-feira (28) no Ginásio Geraldão, a formatura de 610 crianças que estudam no 5º ano em escolas públicas e privadas que participaram das atividades do programa ao longo do ano. A solenidade contou com a presença do Prefeito Odon Jr, do Major Moacir (3ª CIPM), da coordenadora da CIPRED (Companhia Independente de Prevenção ao Uso de Drogas), Major Soraia, do secretário municipal de educação, Jorian Pereira dos Santos, além da presença de vereadores, secretários municipais, e representantes de instituições e conselhos que atuam diretamente com crianças e jovens no município.

O Prefeito Odon Jr reconheceu o trabalho desenvolvido por Adaildo Santos (Coordenador do PROERD em Currais Novos) e todos os policiais que realizam esse trabalho de conscientização tão importante com as crianças. “Não dá pra calcular os benefícios desse programa em nossa cidade. Através do PROERD essas crianças recebem orientações importantes para a vida, e o apoio da família e dos educadores também é fundamental”, comentou.

Crédito: João Bezerra Júnior – Assessor de Comunicação

O Prefeito de Currais Novos, Odon Jr, realizou na manhã desta quinta-feira (28) a entrega simbólica dos fardamentos aos alunos da rede pública municipal em solenidade na Escola Municipal de “Nossa Senhora”, com a presença do secretário municipal de educação, Jorian Santos, das vereadoras Zefinha Moura e Tércia Leda, além dos alunos, professores, direção da escola e servidores.

De acordo com a SEMEC, todos os alunos da rede pública municipal (Creches e escolas) deverão receber o fardamento a partir da próxima semana. O investimento total é de R$ 118 mil. “Com muito trabalho estamos conseguindo trabalhar em prol da nossa educação”, comentou o Prefeito Odon Jr.

Após a solenidade, o Prefeito foi à Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social (SEMTHAS) para realizar a entrega de material permanente que serão distribuídos entre os CRAS e Serviço Convivência e Fortalecimento de Vínculos – Projeto AABB Comunidade e CCI. A Secretária da SEMTHAS, Mércia Silva, e coordenadoras dos CRAS e dos programas, receberam os equipamentos que serão importantes para a melhoria nos serviços prestados à população. Entre os equipamentos estão mesas e cadeiras, 5 unidades de refeitório, computadores, ventiladores e ar condicionados, geladeira, e liquidificadores e cafeteiras.

Crédito das Fotos:  Divulgação

A construção do abatedouro em Ceará Mirim, na Grande Natal chega ao final e está para ser entregue à comunidade. Na visão do deputado e presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), que estimulou e requereu o equipamento atendendo pleito de anos da comunidade, a obra é importante pelo aspecto sanitário da produção pecuária do Vale do Ceará Mirim e também por impulsionar o setor que precisa de incentivo depois de ter atravessado os últimos 6 anos de seca.

“Precisamos de iniciativos para o convívio com o fenômeno da seca no Estado. E melhorar a infraestrutura das cidades para usufruto do produtor rural é um dos caminhos”, justifica Ezequiel Ferreira que também é presidente do Comitê de Ações de Combate à Seca da Assembleia.

Após ser inaugurado, o abatedouro de Ceará Mirim passará por um processo de concessão onerosa por parte da Prefeitura Municipal. “Este é um importante equipamento que chega à Ceará Mirim. Parceria entre a Emater e o munício”, disse Cátia Lopes, diretora do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural – Emater-RN, reconhecendo a empenho do deputado Ezequiel Ferreira em favor da obra.

O abatedouro de Ceará Mirim terá capacidade para receber até 100 animais por dia e até 3 mil/mês, entre bovinos, ovinos, caprinos e suínos, adquirindo o status de maior equipamento público do Rio Grande do Norte com essa finalidade. Dessa forma, a carne processada seguirá todas as normas de higiene, garantindo maior segurança alimentar aos consumidores. Entre construção e equipamentos, o abatedouro está orçado em mais de R$ 1 milhão.

Todos as partes dos animais poderão ser aproveitadas comercialmente, como também a água a ser utilizada no processo de abate que, após tratamento adequado, servirá para irrigação, por ser rica em NPK (nitrogênio, fósforo e potássio), em micro e macronutrientes. Outra proposta, a partir do abatedouro, é produzir adubo orgânico.

“Além do abatedouro de Ceará Mirim, estão para ser entregues as obras dos equipamentos de Acari e Florânia. Angicos em andamento. O abatedouro de Santa Cruz a comunidade recebe em agosto. O equipamento de Nova Cruz receberá a ordem de serviço nos próximos dias”, explicou a diretora da Emater-RN, Cátia Lopes, com relação as reivindicações do deputado Ezequiel Ferreira de Souza.

De acordo com o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), para dotar os municípios de equipamentos tipo abatedouros foram necessários recursos oriundos de convênio entre a Emater-RN celebrado entre o Governo Federal, através dos Ministérios da Ciência e Tecnologia (MCTI) e Desenvolvimento Agrário (MDA).

Crédito da foto: FIFA/Globoesporte.com

Atuação segura, vitória por 2 a 0 e vaga garantida nas oitavas de final da Copa do Mundo. A tensão do jogo decisivo não atrapalhou a Seleção nesta quarta-feira, muito pelo contrário. O Brasil de Tite controlou o jogo contra a Sérvia em Moscou, venceu com gols de Paulinho e Thiago Silva (um em cada tempo) e vai enfrentar o México na próxima fase. Em uma noite de atuação destacada do quarteto Thiago Silva, Casemiro, Philippe Coutinho e Neymar, a Seleção fez sua melhor apresentação no Mundial até agora. O sonho do hexa segue mais vivo do que nunca. Proxima parada, Samara.

Oitavas de final

Com sete pontos ganhos em três jogos, o Brasil garantiu a primeira colocação do Grupo E. Vai enfrentar o México nas oitavas de final. O jogo será na próxima segunda-feira, em Samara. A Suíça, segunda colocada na chave, pega a Suécia. Sérvia e Costa Rica deram adeus à competição.

Confira a tabela da Copa do Mundo

Primeiro tempo

Passado o empate na estreia e o nervosismo contra a Costa Rica, a Seleção parecia mais tranquila em campo. E o melhor: o meio-campo funcionou bem pela primeira vez na Copa. Destaque nos dois primeiros jogos, Coutinho manteve o alto nível. Mas dessa vez teve ao seu lado um Casemiro mais eficiente (com a bola nos pés, principalmente) e um Paulinho usando bem os espaços para infiltrar.

Diante de uma Sérvia que jogava mais na imposição física do que na qualidade técnica, o Brasil já controlava o jogo e criava boas chances quando o gol nasceu justamente dos pés de dois meias: Coutinho achou Paulinho livre na área e o volante tocou na saída do goleiro.

Segundo tempo

Precisando do resultado, a Sérvia mudou sua postura no segundo tempo. Mesmo sem alterações no intervalo, a seleção adversária partiu para o ataque e até ensaiou uma pressão. A grande maioria dos lances se resumia a bolas levantadas na área para tentar aproveitar a estatura elevada de seus jogadores. O Brasil passou a explorar os contra-ataques (Neymar quase marcou em um deles) e Tite até reforçou a marcação com a entrada de Fernandinho no lugar de Paulinho. Mas, no melhor momento da Sérvia no jogo, quis o destino que o segundo gol saísse justamente naquele que deveria ser o ponto forte do rival: a bola aérea. Neymar bateu o escanteio e Thiago Silva subiu para fechar o placa.

Crédito da foto: Reprodução /Agência Brasil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva será interrogado novamente pelo juiz federal Sérgio Moro no dia 11 de setembro. Em ofício expedido hoje (27), o magistrado responsável pela Operação Lava Jato determinou que a Polícia Federal (PF) tome as providências necessárias para escoltar Lula até a sede da Justiça Federal no Paraná.

Caso permaneça preso até lá, será a primeira vez que o ex-presidente deixará a cela da Superintendência da PF, em Curitiba, desde sua prisão, em 7 de abril. Lula cumpre pena de 12 anos e um mês pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do apartamento triplex em Guarujá (SP).

A prisão do petista foi determinada por Moro, que ordenou a execução provisória da pena após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que autorizou prisões após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça.

Processo do sítio de Atibaia

Moro vai interrogar Lula a respeito das denúncias de um outro processo, envolvendo a suspeita de que Lula seria o verdadeiro dono de um sítio em Atibaia (SP). O Ministério Público Federal (MPF) acusa o ex-presidente de estruturar, orientar e comandar um esquema ilícito de pagamento de propina em benefício de partidos, políticos e funcionários públicos.

De acordo com a força-tarefa da Lava Jato, Lula nomeou diretores da Petrobras para beneficiar as empreiteiras Odebrecht e OAS. Em troca, recebeu propina dessas construtoras, disfarçada por meio de obras de melhorias no sítio de Atibia.

Ainda de acordo com a denúncia do MPF, a Odebrecht teria pago R$ 128,14 milhões em propina, oriundos de quatro contratos firmados com a Petrobras. Já a OAS, segundo o MPF, teria pago vantagens indevidas de R$ 27,08 milhões, resultante do superfaturamento de três contratos firmados com a estatal.

Operação Zelotes

Lula também deve ser interrogado em um outro processo, relativo à Operação Zelotes, na qual o ex-presidente e seu filho são acusados de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa, suspeitos de integrarem um esquema que vendia a promessa de interferências no governo federal para beneficiar empresas.

Neste segundo processo, Lula deveria ter sido ouvido no último dia 21, por videoconferência, mas o desembargador Néviton Guedes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), suspendeu o interrogatório a pedido da defesa do ex-presidente. Foi a segunda vez que a oitiva foi desmarcada.

Em fevereiro, o mesmo desembargador já tinha suspendido o depoimento por entender que Lula só pode ser ouvido após a oitiva de testemunhas que foram arroladas pela defesa e estão morando fora do país.

O ex-presidente nega ser dono do sítio de Atibaia, afirmando que o MPF não tem provas do contrário. Lula também nega que ele e seu filho, Luís Cláudio Lula da Silva, tenham participado de qualquer esquema ilícito ou favorecido empresas investigadas no âmbito da Operação Zelotes.

Pré-candidato a Assembleia Legislativa diz que todos os deputados são favoráveis a melhor aliança para partido crescer

Crédito: Jornalista Rodrigo Rafael

 

Médico ortopedista que atua na Grande Natal, Dr. Tiago Almeida vai disputar pela primeira vez mandato de deputado estadual. Aos 39 anos, ele sai de Parelhas, hoje com quase 17 mil eleitores com uma grande votação. Em 2016, o jovem médico concorreu a prefeito e conseguiu 49,45% dos votos do terceiro maior colégio eleitoral do Seridó.

“Vamos colocar nosso nome para a população do Seridó e do Rio Grande do Norte ter uma nova opção para ajudar a melhorar a saúde pública do nosso Estado. Trabalhei no Hospital Walfredo Gurgel, maior unidade de Urgência e Emergência do RN. Também conheço unidades importantes da região metropolitana como o Hospital Deoclécio Marques, onde trabalhamos com cirurgias ortopédicas. Hoje, estamos percorrendo o interior e conhecemos a situação da saúde em mais de 80 municípios”, afirma Dr. Tiago.

Sobre os caminhos do PSDB para 2018, Dr. Tiago defende a unidade partidária. “Participamos de uma reunião do partido e todos os deputados concordaram na união e fazer uma melhor aliança para fortalecer nossa legenda. O PSDB tem um nome majoritário que é Geraldo Melo para o Senado. Como são duas vagas, o partido vai unir forças para conseguir uma representação no Estado”, argumenta o médico.

Em relação a possíveis alianças, Dr. Tiago acha mais prudente caminhar com partidos como o PR, o PP e o PSD. “Se houver essa união do PSDB, que tem uma grande nominata somando com o PR de João Maia, o PP de Rosalba Ciarlini e o PSD do governador Robinson Faria, com certeza a aliança fará a maioria dos deputados estaduais e também dos federais. Temos que ajudar ao Rio Grande do Norte a sair da crise sem promessas que não poderão serem cumpridas”, enfatiza o médico.

Para Dr. Tiago, os prefeitos e lideranças que reforçam o PSDB no interior já deram carta branca para a Executiva Estadual traçar o melhor caminho que leve a vitória. “Reunidos em Natal, os prefeitos do PSDB deram o aval e defenderam que a melhor aliança para o senador Geraldo Melo, o deputado federal Rogério Marinho e a nominata que o PSDB vai apresentar será com o PSD e outras siglas”, frisa.

No Rio Grande do Norte, o PSDB tem hoje o deputado federal Rogério Marinho, a maior bancada estadual com os deputados José Dias, Márcia Maia. Larissa Rosado, Raimundo Fernandes, Tomba Farias, Gustavo Fernandes, Gustavo Carvalho e Ezequiel Ferreira, este presidente da Assembleia Legislativa.

O partido ainda conta com 33 prefeitos e vice-prefeitos, 109 vereadores, inclusive com representação em Natal, Mossoró, Parnamirim, Ceará-Mirim, Maxaranguape, Nísia Floresta e colégios eleitorais importantes como Currais Novos, Parelhas, Jucurutu, Nova Cruz, Touros, Apodi, São Miguel, Angicos, Lajes e São Tomé, no Potengi. Os Diretórios Municipais e as Comissões Provisórias do PSDB estão presentes em todas as regiões reforçadas recentemente no Agreste, Trairi, Alto, Médio e Oeste Potiguar, além das regiões Potengi, Seridó, Salineira e Mato Grande.

 

Crédito: João Bezerra Júnior – Assessor de Comunicação

A Prefeitura Municipal de Currais Novos realiza nesta sexta-feira (29) o pagamento da folha de junho aos servidores municipais. De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento e Finanças (SEMFIN), o total da folha é de R$ 2.117.542,15 (Dois milhões, cento e dezessete mil, quinhentos e quarenta e dois reais e quinze centavos). O pagamento estará disponível a partir das 13h.

Crédito da foto Argentina x Nigéria (Foto: Jorge Silva/Reuters)

Com toda dramaticidade digna de um tango inesquecível, os argentinos bateram a Nigéria por 2 a 1 nesta terça-feira, em São Petersburgo, desencantaram na Rússia e estão nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Messi abriu o caminho, Moses empatou, e Rojo. Sim, Marcos Rojo! foi o herói improvável da classificação aos 41 minutos do segundo tempo. Em Rostov, a Croácia ajudou vencendo a Islândia, e os hermanos têm clássico com a França pela frente.

Crédito da foto: Blog do Walter Baptista

O senador José Agripino Maia (DEM) está disposto a abrir mão da reeleição para reforçar a candidatura ao Governo do RN de Carlos Eduardo Alves (PDT). Longe de qualquer especulação, a informação foi confirmada pelo próprio senador em contato a imprensa.

Por sinal, isso também foi confirmado pelo gabinete do filho do senador, o deputado federal Felipe Maia (DEM), que seria atingindo pela mudança de Agripino e teria que abrir mão da reeleição.

Crédito: blog tenente laurentino agora

 

Mesmo com os vetos presidenciais à Lei 13.595/18, que tentaram preservar Estados e Municípios, a categoria dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) conseguiu negociar e aprovar, em Comissão Mista, Medida Provisória que reduz autonomia e atribui aos Entes estaduais e municipais mais responsabilidades.

A MP 827/18, aprovada nesta quarta-feira, 20 de junho, prevê aumento e reajuste da remuneração, jornada de trabalho de 40 horas, formação continuada e transporte para os agentes. Agora, a proposta segue para análise no plenário da Câmara dos Deputados e, depois, no Senado Federal.

O piso salarial ficou fixado no valor de R$ 1.550,00 mensais, obedecendo o seguinte escalonamento:

I – R$ 1.250,00 em 1º de janeiro de 2019;

II – R$ 1.400,00 em 1º de janeiro de 2020;

III – R$ 1.550,00 em 1º de janeiro de 2021.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta para o impacto à gestão local, visto que os Entes federados deverão arcar com as despesas previstas. A entidade lembra ainda que alterar remuneração por Medida Provisória é inconstitucional, sendo que o aumento do piso foi incorporado via emenda. O presidente da comissão mista, deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE), afirmou que há no País cerca de 340 mil agentes comunitários de saúde e de combate a endemias.

Crédito da foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu após assinar na Vara de Execuções Penais do Distrito Federal o termo que autoriza a cumprir prisão no regime aberto (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Por 3 votos a 1, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (26) suspender a execução da condenação do ex-ministro José Dirceu a 30 anos de prisão na Operação Lava Jato. Com a decisão, Dirceu deverá ser solto. Ele cumpre a pena na Penitenciária da Papuda, em Brasília.

A decisão foi tomada a partir de um habeas corpus protocolado pela defesa de Dirceu. Votaram pela soltura o relator, Dias Toffoli, e os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

Edson Fachin, relator dos processos da Lava Jato no STF, votou contra a concessão da liberdade. A maioria entendeu que o cálculo da pena pode ser revisto e Dirceu pode aguardar em liberdade o julgamento do recurso contra a condenação.

José Dirceu foi preso no mês passado após ter a condenação confirmada pela segunda instância da Justiça Federal, com base no entendimento do STF, que autorizou a execução provisória da pena, após o fim dos recursos na segunda instância.

Leia o Jornal Impresso