Crédito: João Bezerra Júnior – Assessor de Comunicação

Um terreno pertencente à Prefeitura de Currais Novos nas margens da BR 427 próximo ao Centro de Zoonoses poderá se transformar num “Condomínio Empresarial e Industrial”, ou seja, num grande centro que reúna empresas e fábricas que queiram investir e desenvolver seus negócios no município. A área foi visitada na manhã desta segunda-feira (20) pelo Prefeito Odon Jr que estava acompanhado dos secretários Ana Albuquerque (Desenvolvimento Econômico e Turismo) e Lucas Galvão (Obras e Serviços Urbanos).

De acordo com o Prefeito Odon Jr, parte do terreno será apresentada à Fábrica Super Cola, que se interessou em investir na cidade, e que poderá ser beneficiada com a cessão. “Estamos estudando a viabilidade técnica com nossas secretarias e iremos conversar com o SEBRAE para implantarmos um Condomínio Empresarial e Industrial, onde empresas de fora possam vir se instalar em Currais Novos e que empresas locais possam se instalar e crescer gerando mais empregos com a cessão destes terrenos pela Prefeitura”, disse o Prefeito Odon Jr, ressaltando a importância desta ação para a geração de mais emprego na cidade. A área deverá contar com galpões e espaços de trabalho para diversos tipos de empresa.

Crédito Fábio Vale/JORNAL DE FATO

Mais de 7.300 pessoas já foram assassinadas em todo o Rio Grande do Norte somente nestes três anos e sete meses do atual governo estadual. O cenário assustador é revelado por números disponibilizados nesta semana pelo Observatório da Violência (OBVIO).

A preocupante situação do território potiguar dentro desse quadro ficou evidenciada mais ainda com a morte do filho de um ex-prefeito e a de um policial militar ocorrida nesta semana. Os crimes foram registrados, respectivamente, nas cidades de Natal e de Caraúbas.

No ocorrido que vitimou o jovem Luís Benes Júnior, de 16 anos de idade, um suspeito foi morto e outro capturado durante o sequestro-relâmpago que terminou em troca de tiros entre militares e bandidos e vitimou o adolescente. Procedimentos foram instaurados com o fim de apurar a responsabilidade da morte do filho de Benes Leocádio, ex-prefeito do município de Lajes.

O caso ganhou repercussão e diversas entidades e autoridades se manifestaram lamentando a morte do jovem e cobrando mais segurança. Já, no caso que resultou na morte do cabo da PM Ildônio José da Silva, de 43 anos de idade, até o fechamento desta matéria na tarde de sexta-feira (17) não havia ainda informação sobre a prisão de suspeitos.

Ildônio Silva foi morto a tiros quando seguia para a faculdade em um ônibus de estudantes e teria sido reconhecido como policial. O caso também ganhou destaque e entidades do setor se pronunciaram sobre o ocorrido. A Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do Rio Grande do Norte (ASSPMBMRN) cobrou apuração do crime e uma política de segurança de Estado para a categoria e para os familiares.

A Associação chamou atenção ainda para a necessidade de valorização profissional e melhores condições de trabalho. Outra entidade que se manifestou sobre a morte do PM foi a Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (ADEPOL). A entidade ressaltou que “quando um criminoso atenta contra a vida de um policial, seu dolo é atingir o Estado, colocar de joelhos a sociedade, constituindo verdadeiro ato de terrorismo” e que o crime “atentou contra todos os integrantes da segurança pública do Estado”.

Atual governo registra 1.646 assassinatos a mais do que o anterior

Um levantamento disponibilizado nesta semana pelo Observatório da Violência (OBVIO) dá conta de que em três anos e sete meses do atual governo estadual, já aconteceram 7.378 assassinatos em todo o Rio Grande do Norte. Segundo o Obvio, são 1.646 crimes a mais do que os ocorridos nos quatro anos da gestão anterior.

Os números do Observatório apontam que o governo passado registrou 5.732 crimes contra a vida. As estatísticas da entidade fazem ainda um comparativo entre as duas gestões. Os dados mostram que no primeiro ano do atual governo foram 1.670 crimes, contra 1.070 do anterior.

No segundo ano, foram 1.996 mortes na atual administração executiva potiguar, contra 1.225 da gestão passada. Já no terceiro ano do atual governo, o Obvio dá conta de 2.408 assassinatos, contra 1.665 no anterior.

E as estatísticas da entidade mostram ainda que 1.772 pessoas foram mortas no quarto último ano da gestão passada, contra 1.304 nestes sete meses neste quarto último ano de mandato do atual governo.

Assassinatos no RN aumentam mais de 30% de 2015 para 2018

O número de assassinatos no Rio Grande do Norte cresceu mais de 30% de 2015 para 2018. O dado também é do Observatório da Violência (OBVIO), que registra mais de 1.300 crimes somente nestes pouco mais de sete meses deste ano.

Segundo o Obvio, de 2015 para 2018, o aumento na quantidade de mortes no estado foi de 30,6%. Entre 1° de janeiro e 16 de agosto de 2015, foram 1.000 casos, seguidos de 1.224 em 2016, 1.533 em 2017 e 1.306 em 2018.

O comparativo da entidade permite observar um crescimento de 22,4% no número de assassinatos de 2015 para 2016. E de 2016 para 2017, o aumento foi de 25,2%. Já de 2017 para 2018, o Estado registrou uma queda na quantidade de crimes: 14,8%.

Dentro desse cenário, o Obvio listou uma relação dos 20 municípios mais violentos do estado nestes últimos quatro anos. Natal lidera com 289 mortes em 2015, 380 em 2016, 399 em 2017 e 330 em 2018. Em seguida, aparece Mossoró, com 100 casos no primeiro ano, 147 no segundo, 152 no terceiro e 162 já neste ano.

O ranking das cinco cidades mais violentas é completado por Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e Ceará-Mirim.

Quase 100 agentes de segurança pública mortos no RN em 8 anos

Quase 100 agentes de segurança pública foram assassinados no Rio Grande do Norte dentro de um período destes últimos oito anos. Os dados também são do Observatório da Violência (OBVIO).

O levantamento da entidade sobre vitimização da categoria no estado compreende janeiro a julho de 2011 à 2017 e até 16 de agosto de 2018. Segundo o Obvio, no período levantado entre 2011 e 2014 foram 39 casos, contra 60 entre 2015 e 2018.

Os números do Observatório detalham que em 2011 foram duas mortes, seguidas de 17 em 2012, dez em 2012 e mais dez em 2014. Já em 2015, ainda conforme o Obvio, foram dez casos, contra outros dez em 2016, 20 em 2017 e mais 20 em 2018.

As estatísticas da entidade revelam que policiais militares da ativa são os principais alvos. Entre 2011 e 2014, do total de ocorrências, 21 vitimaram PMs da ativa, contra cinco aposentados; quatro policiais civis da ativa; cinco guardas municipais; dois agentes penitenciários estaduais e dois federais.

E entre os anos de 2015 e 2018, a tendência de assassinatos de PMs da ativa se manteve, ainda conforme dados do Obvio. Foram 37 vítimas com esse perfil; contra 12 PMs aposentados; quatro policiais civis da ativa; um guarda civil municipal; dois agentes penitenciários estaduais e um federal; e dois policiais civis aposentados; e um guarda de trânsito.

Material publicado na edição impressa deste domingo (19) do JORNAL DE FATO.

Crédito da foto: José Antônio Teixeira/Assembleia Legislativa de SP/Agência Brasil

Morreu hoje (21), em São Paulo, o jornalista, escritor e ensaísta Otavio Frias Filho, de 61 anos. O diretor de redação da Folha de S. Paulo lutava contra um tumor no pâncreas e estava internado no Hospital Sírio Libanês, na capital paulista.

Por 34 anos comandou a Folha de S. Paulo, promovendo mudanças e buscando atualizações. Era conhecido por ser um inquieto. Foi um dos responsáveis pela implantação do “Manual da Folha”, que define o estilo característico do veículo.

Formado em direito e com pós-graduação em ciência política, escreveu peças de teatro e livros. Nos últimos anos, escrevia uma coluna no caderno Ilustríssima, de cultura.

(ASCOM-Reitoria/UFRN)

A Orquestra Sinfônica da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (OSUFRN) realiza nesta quarta-feira, 22, às 9h, mais uma edição do Concerto Didático na Escola de Música da UFRN (EMUFRN). O evento, que acontece semestralmente, é direcionado para alunos das redes de ensino públicas e privadas, objetivando uma interação dinâmica entre todos os participantes.

A forma como acontece o concerto é algo único entre os grupos musicais de grande porte do estado, visto que é realizado com uma abordagem pedagógica, pois os alunos são convidados a participar de forma ativa na composição do espetáculo, conhecendo os instrumentos, o repertório e as novas formas de percepção da música erudita.

Além disso, a ocasião possibilita uma conjuntura única aos alunos da UFRN que fazem parte da orquestra, já que cada musicista tem o seu espaço para mostrar aos alunos convidados um pouco mais sobre o seu instrumento, ressaltando a sua historicidade e musicalidade – promovendo assim mais uma atividade de extensão universitária.

Para participar do Concerto Didático, as escolas interessadas devem atender a uma chamada pública feita pela EMUFRN nas redes sociais da unidade. Para a escolha, é levado em consideração o número de alunos e a capacidade de lotação do auditório da Escola de Música, que atualmente comporta 250 pessoas. No espetáculo que acontece no dia 22, as instituições de ensino participantes são o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), a Escola Municipal Ferreira Itajubá e o Colégio Dom Nivaldo Monte.

 

Crédito: blog tenente laurentino agora

Um grupo de apenas 13 deputados acumula 100 inquéritos e ações penais no Supremo Tribunal Federal (STF). Os campeões em número de acusações criminais na mais alta corte do país colecionam de 5 a 18 pendências judiciais. Eles representam 12 estados (Amapá, Pernambuco, Paraíba, Mato Grosso, Ceará, Paraná, São Paulo, Sergipe, Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Norte e Alagoas) e dez partidos políticos (PDT, PTB, PMDB, PSDB, PSL, PT, PSC, PR, PP e Solidariedade).

Entre eles estão parlamentares que exercem funções de prestígio na Câmara, como o relator da reforma trabalhista, Rogério Marinho (PSDB-RN), da medida provisória que facilita a vida de devedores com a União, Newton Cardoso Jr. (PMDB-MG), o autor do projeto que permite que alimentação e moradia sejam contadas como pagamento a trabalhador rural, Nilson Leitão (PSDB-MT).

Corrupção é o crime atribuído com maior frequência a eles. Mas também há apurações por outros delitos, como formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e fraude em licitações. Os dados são de levantamento exclusivo do Congresso em Foco, feito com base em registros oficiais na página do Supremo.

Rogério Marinho responde por quatro crimes

Já Rogério Marinho, que relatou a reforma trabalhista na Câmara, é investigado por lavagem de dinheiro, peculato, falsidade ideológica e crimes contra a ordem tributária. A última investigação, por crimes contra a administração pública e peculato, foi aberta no dia em que o Plenário aprovou o seu substitutivo que altera radicalmente a legislação trabalhista, em 27 de abril. Marinho não se manifestou sobre as suspeitas.

Responder a acusações criminais não implica culpa, mas a repetição das suspeitas sobre um mesmo parlamentar costuma acender o sinal amarelo para o eleitor. Muitas das pendências criminais deles estão atreladas ao exercício de outros mandatos, principalmente de prefeito.

Crédito Jornal de Fato

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ofereceu denúncia à Justiça potiguar contra o prefeito de Caicó Robson Batata, o vereador Raimundo Inácio Filho, do lobista Edvaldo Pessoa de Farias e mais sete pessoas na última sexta-feira, 17. O documento é assinado pelo procurador-geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite.

O prefeito de Caicó foi denunciado pelos crimes de corrupção passiva (duas vezes), dispensa indevida de licitação, corrupção ativa (duas vezes) e associação criminosa. Já o vereador Raimundo Inácio Filho, por corrupção ativa (duas vezes), e o lobista Edvaldo Pessoa de Farias por corrupção passiva, tráfico de influência e associação criminosa.

Além dos três, foram denunciados Allan Emannuel Ferreira da Rocha (corrupção ativa, dispensa indevida de licitação e associação criminosa), Felipe Gonçalves de Castro, Maurício Ricardo de Moraes Guerra, Alberto Cardoso Correia do Rêgo Filho (corrupção ativa, lavagem de dinheiro, dispensa indevida de licitação e associação criminosa), João Paulo Melo Alves da Silva (corrupção ativa), Antônio Felipe Pinheiro de Oliveira (lavagem de dinheiro) e Abdon Augusto Maynard Júnior (corrupção passiva, lavagem de dinheiro, dispensa indevida de licitação e associação criminosa). O MPRN ainda tem diligências em andamento, o que pode inclusive resultar em novas ações penais no futuro.

Foto Jean de Souza

O índice de vacinação na Campanha Contra a Poliomielite e Sarampo atingiu 49,12% do público-alvo (crianças entre 1 e 5 anos) em Currais Novos até esta segunda-feira (20). De acordo com a Coordenação da Vigilância Epidemiológica Municipal, foram imunizadas 1.036 crianças e a meta é atingir 95% até o fim da campanha no próximo dia 31 de agosto e, para isso, é necessário e urgente que pais e mães levem seus filhos à uma Unidade Básica de Saúde (Posto de Saúde) para serem imunizados.

A Campanha Nacional teve o seu “Dia D” no último sábado (18) como forma de mobilizar as famílias no combate ao sarampo e pólio, doenças que causaram surtos em alguns estados e que tem causado preocupação. A vacinação é a única alternativa para que se aumente a cobertura vacinal e impeça a disseminação destas doenças no país.

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, através do campus de Caicó vai realizar, de 28 a 30 deste mês a Oitava Semana Universitária. O tema será “Diversidade, Aceitação ou Tolerância? A oitava semana será promovida por docentes, discentes e técnicos administrativos que atuam na instituição.

A programação vai constar de mesas-redondas, minicursos, oficinas,
mostra de profissões e uma inovação que será a UERN Cidadã, onde serão ofertados vários serviços por parte da comunidade acadêmica da UERN e instituições parceiras.

Um vídeo produzido pela curraisnovense  Carla Iara viralizou nas redes sociais. No vídeo a jovem estudante de serviço social  questiona os eleitores sobre a descrença dos eleitores neste período em contraponto a importância do voto consciente.

O vídeo já ultrapassa quase 10.000 visualizações. Dá o play no vídeo e confira os questionamentos:

Você já parou para pensar sobre isso?

Posted by Carla Iara on Saturday, August 18, 2018

 

 

 

A Prefeitura Municipal através da sua Secretaria de Saúde ofereceu neste sábado (18), 50 consultas com o cardiologista Dr. Flávio Henrique.

Lagoa Nova possui Programação Pactuada e Integrada com os municípios parceiros e pacientes destes municípios também serão atendidos em Lagoa Nova a cada 15 dias.

“Como nunca na história de Lagoa Nova a cada 15 dias teremos um cardiologista atendendo aos munícipes e aos municípios parceiros da nossa rede de saúde”. Afirmou o prefeito Luciano Santos.

Crédito Jornal de Fato

A estudante de Direito Grécia Teodora Gurgel de Medeiros, de 21 anos, foi presa na neste domingo (19) em Caraúbas, região Oeste do Rio Grande do Norte, suspeita de fazer parte da quadrilha que executou a tiros o policial militar Ildônio José da Silva, de 43 anos, na última quinta-feira (16).

Segundo a Polícia Civil, Grécia Teodora seguia no mesmo ônibus de universitários onde estava o soldado e teria repassado informações para o namorado, Wantuir Lima, que era um dos assaltantes.

Cabo Ildonio tinha 43 anos

O ônibus levava estudantes universitários de Caraúbas para Mossoró, no final da tarde de quinta-feira (16), quando foi interceptado na RN-117, entre Caraúbas e Governador Dix-sept Rosado. Ao perceber ao número de criminosos, o policial escondeu sua arma dentro do veículo, porém os assaltantes invadiram o ônibus, retiraram o soldado de lá e executaram com tiros na cabeça.

O delegado Sandro Régis, titular da Delegacia Regional de Patu, disse que a universitária era uma informante da quadrilha e avisou ao namorado que havia um policial armado dentro do veículo, apontando inclusive características dele. “Tanto que eles entraram no ônibus e foram direto sobre o policial”, ressalta o delegado.

A Justiça já havia expedido um mandado de prisão preventiva contra a estudante na sexta-feira (17), porque, em depoimento, um adolescente apreendido apontou a relação dela com o grupo. Testemunhas também teriam afirmado à polícia que ela era namorada de um dos presos. Outro fator que chamou a atenção dos investigadores, segundo o delegado, é que ela foi a única passageira que não teve os bens roubados.

Considerada foragida desde a expedição do mandado, Grécia Tesodora foi encontrada neste domingo (19) na casa de sua avó em Caraúbas. Conforme o delegado, após os procedimentos na delegacia, ela seria encaminhada para a ala feminina da Cadeia Pública Mário Negócio, em Mossoró.

Com a prisão da universitária, chega a seis o número de pessoas detidas pela polícia, sob suspeita de participação no crime. Segundo o delegado Sandro Régis, outros cinco suspeitos ainda são procurados.

Foto: 1News Brasil

 

O candidato ao Planalto do PDT, Ciro Gomes, acusou o PT de explorar a boa vontade da população brasileira ao insistir no discurso de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva será candidato neste ano ao Palácio do Planalto.

“A burocracia do PT tenta explorar a justa gratidão de muita gente com o Lula, inventando que ele é candidato só para explorar a boa vontade do povo, que terá amanhã uma grande decepção, porque todas as pedras no caminho sabem que não vão permitir que ele seja candidato”, disse, ao se referir ao enquadramento de Lula na Lei da Ficha Limpa, devido à sua condenação por corrupção e lavagem de dinheiro pelo TRF4.

Em entrevista à rádio baiana Metrópole, ele afirmou que talvez o nome que substituirá o petista “não seja a pessoa que tenha mais o treinamento necessário”, apesar de ser “boa gente”. Ele não citou nomes, mas o escolhido pelo partido é o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

“Vão querer fazer uma indicação de uma pessoa na última hora que talvez não seja a pessoa que tenha mais o treinamento necessário, apesar de ser boa gente se forem verdadeiras as especulações”, afirmou.

Foto: O Cafezinho

 

Em tempos de desemprego em alta, a falta de experiência faz com que os jovens sejam os que mais sofrem com o reduzido número de vagas. Dados do mercado de trabalho divulgados nesta quinta-feira, 16, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, entre os trabalhadores entre 18 e 24 anos, a taxa de desemprego é mais que o dobro da taxa da população em geral. Enquanto a taxa geral ficou em 12,4% no segundo trimestre, entre os jovens esse percentual salta para 26,6%.

“Essa taxa é muito maior entre os jovens por conta das barreiras que são impostas a ele para ingressar no mercado de trabalho. Capacitar uma pessoa para o mercado de trabalho custa caro. Por isso o mercado tende a buscar quem já tem experiência profissional”, explica Cimar Azeredo, que gerencia a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD).

Crédito das Fotos: Eduardo Maia

A Assembleia Legislativa promoveu sessão solene em alusão ao Dia do Economista, comemorado no último dia 13, e aos 40 anos de fundação do Conselho Regional de Economia do Rio Grande do Norte – CORECON. A solenidade na Casa Legislativa reuniu parlamentares e prestou homenagens a conselheiros, instituições parceiras do Conselho e notórios economistas do Estado e do cenário nacional.

Presidente do CORECON, Ricardo Valério Menezes destacou o papel do Conselho de Economia para seus profissionais e agradeceu a deferência do Parlamento potiguar. “É o reconhecimento concreto aos relevantes serviços prestados pelos grandes profissionais de economia e aos 40 anos do Conselho e sua trajetória, sempre pautada em levar aos economistas segurança profissional e novos conhecimentos. Indiscutivelmente, esta homenagem ficará na história de toda categoria”, disse Valério.

Falando em nome dos homenageados, Nilson Roberto Cavalcanti, diretor do Fórum Miguel Seabra Fagundes, enalteceu a atuação da classe profissional e destacou a oferenda da Assembleia. “Receber essa comenda provoca em todos nós uma profunda emoção. Somos gratos pelo reconhecimento à importância da profissão que abraçamos. O economista busca minimizar as mazelas socioeconômicas que aflige a sociedade em que vivemos”, falou Nilson Roberto.

Ainda em nome dos agraciados, o também economista homenageado, Francisco Wellington Duarte, disse em discurso que “a categoria tem buscado sensibilizar a sociedade sobre a importância dos profissionais da economia, portadores de técnicas e conhecimentos que permitem oferecer, em tese, atividades que possibilitam ganhos para a sociedade”, declarou ele.

Na modalidade ‘Economista do Ano 2017’, foram homenageados Tânia Bacelar, Francisco Wellington Duarte e José Eduardo Viana. Como ‘Notáveis Conselheiros’, foram agraciados Maria do Socorro Dantas, Marinete Dantas e Celso Arnaldo de Medeiros. Na categoria ‘Cooperação Institucional’, a solenidade homenageou Nilson Roberto Cavalcanti.

Além dos parlamentares e economistas presentes no plenário da Assembleia Legislativa, a sessão solene reuniu ainda representantes do Executivo Estadual e Municipal, além de familiares e amigos dos economistas homenageados.

Crédito da foto: Agência Brasil/Fotos EFE/Geraldo Maia/MEJOR CALIDAD DISPONIBLE

 

 

Moradores do município de Pacaraima (RR), que fica na fronteira com a Venezuela, expulsaram venezuelanos de barracas e abrigos e atearam fogo a seus pertences, num princípio de revolta contra a presença deles na cidade.

A população local realizou neste sábado (18) um ato em frente ao Comando Especial de Fronteira do Exército, que fica na cidade, contra a presença de refugiados do país vizinho. A manifestação pacífica culminou com os episódios de violência.

Ontem (17), um comerciante local foi assaltado e espancado em casa supostamente por quatro venezuelanos, provocando revolta nos moradores. Também irritou a população a falta de uma ambulância para socorrer o comerciante, que ao final foi atendido no hospital local e encontra-se em estado estável.

O prefeito da cidade, Juliano Torquato, que está fora do estado, disse que a situação ainda não está controlada e que, segundo sabe, venezuelanos continuam a ser perseguidos para fora de Pacaraima.

“Lamentamos muito que isso esteja ocorrendo, mas não foi por falta de aviso. Ficamos tristes pelo lado dos venezuelanos, a gente sabe a situação difícil deles, mas infelizmente entram [no Brasil] essas pessoas que não tem boas intenções”, disse Torquato à Agência Brasil.

REFORÇOS

O governo de Roraima informou, em nota, ter enviado reforços da Polícia Militar para conter os ânimos, bem como profissionais de saúde e medicamentos para suprir as necessidades do hospital de Pacaraima. O texto também afirma ser “preciso que o Exército Brasileiro garanta a ordem na fronteira com a Venezuela”.

Na nota, o governo de Roraima voltou a reivindicar o fechamento da fronteira com a Venezuela e uma maior atuação do governo federal para lidar com a crise humanitária. Neste mês, a ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou uma liminar (decisão provisória) que havia sido pedida para fechar a fronteira entre os dois países. Procurada, a Polícia Federal não informou como está a situação na fronteira do Brasil, em Pacaraima.

A Força-Tarefa Logística Humanitária, composta pelas Forças Armadas e integrada por organismos internacionais, organizações não governamentais e entidades civis, divulgou nota em que diz prestar apoio aos atendimentos no hospital local e que “repudia atos de vandalismo e violência contra qualquer cidadão, independentemente de sua nacionalidade”.

Crédito: Agência Brasil

As cadeiras de rodas e outras formas de auxílio à mobilidade, como bengalas e muletas, estão livres dos limites de peso e tamanho em viagens rodoviárias interestaduais e internacionais.

Decreto assinado pelo presidente Michel Temer e publicado ontem (17) no Diário Oficial da União impede que esse tipo de equipamento seja alvo de cobranças adicionais ou restrições para serem levados no bagageiro de ônibus de viagem e similares. A nova regulamentação altera o Decreto 2.521 de 1998.

Segundo ressaltou o secretário nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marco Pellegri, o texto parte do pressuposto que os equipamentos de mobilidade devem ser entendidos como parte integrante do corpo das pessoas com deficiência. “O cidadão tem que viajar sempre acompanhado daquilo que garante sua mobilidade, autonomia e independência, sem nenhum ônus”, ressaltou.

Crédito da Foto: Assessoria de Comunicação

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte promove, na segunda-feira (20), uma audiência pública para debater o tema “Creche: Um direito da mulher e da criança. Um dever do Estado”. A discussão ocorrerá às 14h, no auditório Cortez Pereira e será aberta ao público.

O objetivo do debate é discutir formas para se fomentar o investimento em creches. Através da atuação das Prefeituras, a meta é tratar sobre formas para que o acesso às creches seja garantido desde a primeira infância, contando também com a criação de escolas de tempo integral por parte do Estado. Além do benefício às crianças, a abertura dos locais também favorece o crescimento profissional de pais e mães que precisam trabalhar e não têm com quem deixar os filhos.

Para a discussão, foram convidados representantes da Defensoria Pública, Ministério Público, Secretaria Estadual de Educação, Secretarias Municipais de Educação, Ordem dos Advogados do Brasil, Conselho Estadual da Criança e do Adolescente, entre outras autoridades.

Além da audiência pública, também haverá a realização da Feirinha da Ciranda Materna, no salão nobre da Casa. Um grupo de 15 donas de casa empreendedoras vai expor produtos de artesanato e gourmet. A feirinha será realizada de 20 a 24 de agosto, das 9h às 15h. A feirinha é aberta ao público.

No pesquisa espontânea, Fátima Bezerra aparece com 20%, Carlos Eduardo com 9% e Robinson Faria é o terceiro com 5%. A pesquisa Ibope a primeira realizada depois da definição das candidaturas e coligações para as eleições pelo Governo do Estado do RN

Crédito CÉSAR SANTOS

A senadora Fátima Bezerra (PT), candidata ao Governo do Rio Grande do Norte pelo coligação “Frente Popular”, lidera a corrida eleitoral com 34% da intenção de votos.

É o que revela a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada no início da noite desta sexta-feira (17), pela InterTV Cabugi.

Fátima cresceu 3 pontos em relação à pesquisa anterior divulgada no dia 21 de julho, quando tinha 31%.

Na segunda colocação, Carlos Eduardo (PDT), da coligação “100% RN”, manteve os mesmo 15 pontos da pesquisa anterior.

Já o governador Robinson Faria (PSD), candidata à reeleição pelo coligação “Trabalho e Resistência”, aparece na terceira colocação com 8%, 1 ponto a menos da primeira pesquisa Ibope, quando ele tinha 9%.

VEJA OS NÚMEROS DE TODOS OS CANDIDATOS:

Fátima Bezerra (PT): 34%

Carlos Eduardo (PDT): 15%

Robinson Faria (PSD): 8%

Professor Carlos Alberto (PSOL): 2%

Brenno Queiroga (Solidariedade): 1%

Freitas Júnior (Rede): 0

Heró Bezerra (PRTB): 0

Branco/Nulo: 31%

Não sabe/não respondeu: 9%

A pesquisa foi encomendada pela Inter TV. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. A Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

Foram ouvidos 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais, entre os dias 14 e 16 de agosto.

Registro no TRE: RN-05553/2018; Registro no TSE: BR?03466/2018.

ESPORTÂNEA

Na modalidade espontânea da pesquisa Ibope (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:

Fátima Bezerra (PT): 20%

Carlos Eduardo (PDT): 9%

Robinson Faria (PSD): 5%

Professor Carlos Alberto (PSOL): 1%

Outros: 2%

Branco/Nulo: 36%

Não sabe/não respondeu: 27%

Crédito da foto: Divulgação/PM

Quatro homens suspeitos de terem participado do assassinato do Cabo Ildônio José da Silva na noite da última quinta-feira, 16, foram presos na noite desta sexta-feira, 17, na BR 110, altura do município de Campo Grande.

Os suspeitos foram identificados como Aleilson Melquiades de Oliveira, 18 anos, Luiz Felipe de Lima, 18 anos, Nelson Gomes Fonseca e Kleison Yuri da Silva, (Kleison Yuri participou nesta sexta-feira como motorista e ajudante de fuga).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptou conversas de Nelson Gomes Fonseca e o bando. A PM de Campo Grande e o Grupo Tático de Operações (GTO) de Assu foram acionados. A ação conjunta conseguiu interceptar um Gol preto. Segundo a PM, Nelson esperava o bando em Assu e daria cobertura para a fuga dos suspeitos para Natal.

O policial militar Ildonio José da Silva, 43 anos, foi morto a tiros na noite desta quinta-feira, 16, durante um assalto ao ônibus de estudantes. O assalto aconteceu na RN 117 entre Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado.

A Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (APRAM) ofereceu recompensa de R$ 1 mil por informações que levassem aos responsáveis pela morte do policial militar.

As buscas aos acusados de participação na morte do PM foram iniciadas nas primeiras horas desta sexta (17). O trabalho policial com um efetivo reforçado de policiais civis e militares, incluindo equipes do Grupo Tático Operacional (GTO); além do apoio de um helicóptero na procura dos criminosos pela região, principalmente em estradas de barro que cortam a área.

O corpo do cabo da Polícia Militar Ildônio José da Silva foi enterrado no final da tarde desta sexta-feira (17), em Mossoró.

Crédito da foto: Arquivo/Agência Brasil/ Com informações da Agência EFE

Morreu neste sábado (18) o ex-secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) e vencedor do prêmio Nobel da Paz, o ganês Kofi Annan, de 80 anos. A informação foi confirmada pela família. Não foram divulgados detalhes sobre a causa da morte.

No período em que comandou a Organização das Nações Unidas (ONU), de 1997 a 2007, Kofi Annan recomendou a ampliação do Conselho de Segurança, sugestão defendida pelo governo brasileiro, e reformas no órgão.

Em 2001, recebeu o Prêmio Nobel da Paz pela criação do Funto Global de Luta contra Aids, Tuberculose e Malária, destinado a colaborar com os países em desenvolvimento.

Marcou o comando da ONU por investigações de assédio sexual e desvios de recursos envolvendo funcionários da entidade.

Leia o Jornal Impresso