A cidade de Currais Novos recebe hoje e amanhã o “Justiça e Escola”, um projeto do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte  que aproxima o Judiciário da comunidade e previne conflitos no âmbito escolar.

O projeto será desenvolvido em parceria com a Secretaria Municipal de Educação como forma de conscientizar pais, alunos, educadores e a comunidade em geral sobre seus direitos e deveres demonstrando a forma de exercê-los, através de palestras com questões relativas à cidadania, ética, justiça e ao mesmo tempo contribuindo para uma política de paz através dos pilares que constroem o caráter: sinceridade, respeito, responsabilidade, senso de justiça, zelo e cidadania, entre outros valores essenciais para o desenvolvimento de futuros cidadãos.

Segundo o Secretário Municipal de Educação, Jorian dos Santos, para a realização do programa Justiça e Escola serão ministradas palestras pelos magistrados, servidores do judiciário e parceiros sobre os mais variados temas como noções básicas sobre a estrutura e o funcionamento do Poder Judiciário Estadual.

“Trata-se de um projeto, que leva para dentro das escolas públicas os princípios da Justiça. Conceitos positivos que são passados aos professores em dois dias de palestras, promovidas por servidores públicos chamado de “formadores”. A partir daí os ensinamentos são passados para as crianças, suas famílias e até vizinhos, formando uma verdadeira corrente de conhecimento e conscientização”, afirma o secretário.

O Justiça & Escola, que já beneficiou mais de 500 mil crianças desde que quando foi criado, em 2007. Para a coordenadora do Justiça e Escola, a magistrada Maria Zeneide Bezerra, o Justiça e Escola é uma ferramenta de cultura de paz que tanto necessitamos. É uma responsabilidade de cada um de nós, magistrados, educadores, pais, alunos, de todos os cidadãos”.

A seleção do Peru venceu hoje a equipe do Chile por 3 a 0 e disputará a decisão da Copa América com o Brasil no próximo domingo no estádio do Maracanã. Esta será uma final inédita da competição.

Com a classificação de hoje, o Peru retorna a uma final de Copa América após um hiato de 44 anos. A última vez em que jogou uma decisão do torneio foi em 1975, quando ficou com o título.

O jogo

O jogo realizado nesta quarta (3) na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, começou muito movimentado. A seleção peruana se posiciona no campo do adversário e realiza marcação sob pressão.

E esta pressão dá resultado logo com 2 minutos, quando o Peru tem uma chance clara de abrir o placar. Carrillo toca em profundidade para Guerrero, que se livra de Medel e toca para Cueva, que, da entrada da área, chuta com perigo.

Mas a equipe do Chile aproveita os espaços dados pela defesa peruana para chegar com perigo no contra-ataque. Aos 6 minutos Alexis Sánchez recebe na ponta esquerda e toca para o lateral Beausejour, que cruza para o volante Aránguiz chutar, por pouco, para fora.

Porém, quem consegue fazer o 1 a 0 é o Peru. Aos 20 minutos Cueva recebe na ponta direita, cruza para a área, Carrillo escora de cabeça para Flores, que chuta cruzado para vencer o goleiro Arias.

Com a vantagem no placar, a seleção peruana adota uma postura mais conservadora, com a defesa mais recuada e com menos pressão na marcação. Isto permite ao Chile crescer um pouco no jogo.

Mas, aos 37 minutos, a defesa do Chile sofre um apagão e permite que o Peru marque o segundo gol. Carrillo recebe lançamento livre na ponta direita. O goleiro Arias sai da grande área para tentar cortar a bola. Mas o meia peruano dribla o goleiro chileno e cruza para o meio da área. Yotún mata no peito e chuta para o gol vazio.

A partir de então o Chile parte com tudo para o ataque. E aos 43 minutos tem ótima chance de descontar. Aránguiz cobra escanteio e Fuenzalida pega de primeira para boa defesa do goleiro Gallese. Mas o placar não sofre mais alteração até o intervalo.

Gallese brilha

O Chile começa o segundo tempo pressionando muito. Logo aos 5 minutos consegue uma boa chance. Aránguiz cobra falta e Alexis Sánchez finaliza de cabeça, mas a bola bate na trave do gol de Gallese.

Por outro lado, o Peru aproveita os espaços para contra-atacar com perigo. Aos 14 minutos Carrillo avança em velocidade e toca para Guerrero, que encontra Cueva. O meia deixa Yotún na cara do gol. Mas ele chuta muito mal, perdendo uma ótima oportunidade.

Aos 22 minutos são os chilenos que chegam com perigo. Beausejour recebe lançamento na ponta esquerda e bate de primeira. A bola vai com muito perigo, mas Gallese espalma para fora.

Aos 29 minutos o goleiro peruano volta a brilhar. O Peru perde a bola no campo de ataque e permite contra-ataque rápido do Chile. Com isso Eduardo Vargas recebe lançamento e fica livre para finalizar. Mas Gallese sai bem do gol e consegue espalmar a bola para fora.

Aos 36 surge nova chance do Chile. A bola sobra na entrada da grande área e Alexis Sánchez chuta com força e colocado para ótima defesa do goleiro peruano.

Se por um lado o Chile não conseguia marcar, o Peru não desperdiça as poucas oportunidades que tem. Assim, aos 45 minutos Guerrero marca o seu. Ele recebe passe em profundidade de Tapia na entrada da área, dribla Arias e toca para o gol vazio.

Com este gol Guerrero se torna o maior artilheiro em atividade da história da Copa América com 13 gols.

Aos 48 minutos Abram derruba Aránguiz dentro da área e, com o auxílio do VAR (árbitro de vídeo), o juiz colombiano Wilmar Roldán assinala pênalti. Eduardo Vargas cobra com uma cavadinha, mas perde a oportunidade de marcar o gol de honra de sua equipe ao ver Gallese pegar seu pênalti. Partida espetacular do goleiro peruano e vitória de 3 a 0 do Peru

Final

A final da Copa América será no próximo domingo, no estádio do Maracanã, a partir das 17h (horário de Brasília).

O Brasil busca seu nono título na competição (a última conquista foi em 2007). Já a seleção do Peru busca seu terceiro título, após as conquistas de 1939 e 1975.

As seleções do  Brasil e Peru já se enfrentaram nesta edição da Copa América, com vitória de 5 a 0 da equipe brasileira em jogo válido pela 3ª rodada da fase de grupos da competição.

Ficha técnica:

Quarta-feira, 3 de julho de 2019

CHILE 0 X 3 PERU

Competição: Copa América (semifinal).

Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre.

Juiz: Wilmar Roldán (Colômbia).

Chile: Arias; Isla, Medel, Maripán (Castillo) e Beausejour; Pulgar, Aránguiz e Vidal; Fuenzalida (Sagal), Eduardo Vargas e Alexis Sánchez. T: Reinaldo Rueda.

Peru: Gallese; Advincula, Abram, Zambrano e Trauco; Yotún, Tapia, Carrillo (Polo), Cueva (Ballón) e Flores (Gonzáles); Paolo Guerrero. T: Ricardo Gareca.

Gols: No 1º tempo: Flores (20) e Yotún (37). No 2º tempo: Guerrero (45).

Fonte: Agência Brasil

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), recebeu na manhã desta sexta-feira (28), uma comitiva formada por representantes de instituições de Currais Novos. Entre os pleitos apresentados está a perspectiva de inauguração da nova sede da Central do Cidadão para o final do mês de julho. A obra é uma luta antiga do parlamentar, que chegou a apresentar um requerimento neste sentido e por muito tempo defendeu a construção de uma sede própria para a Central do Cidadão no município. A construção foi iniciada em 2018, após articulação de Ezequiel junto ao Governo do Estado.

“Nossa intenção é juntar o maior número possível de serviços agora em um prédio novo, com equipamentos novos para atender o maior número de pessoas. Com essa aproximação, vamos conversar com a governadora Fátima Bezerra e marcar a data da inauguração”, disse o presidente.

A gerente da Central do Cidadão de Currais Novos, Fabia Lira, explicou que o objetivo é ampliar o leque de serviços oferecidos à população. “Falta pouco e nosso objetivo ao procurar o presidente da Assembleia é nos ajudar a levar o maior número de serviços para unificar o atendimento e melhorar cada vez mais para o cidadão currais-novense e da região”, explicou Fábia Lira.

A necessidade de melhorar a segurança do Hemocentro com a implementação de vigilância, que hoje não existe, e o aumento no fornecimento de medicamentos para o hospital Regional Mariano Coelho, que está precisando de abastecimento foram outros temas abordados na reunião.

Participaram da reunião o diretor do Hemocentro de Currais Novos, Josenildo Paz, o diretor do Detran, Getson Medeiros, a pedagoga Paula Francinete e as advogadas Milena Galvão e Flávia Maia.

A Central do Cidadão de Currais Novos funcionava em um prédio alugado e de forma improvisada. A partir de uma solicitação do deputado estadual Ezequiel Ferreira, as obras de sua sede própria foram iniciadas no ano passado. Ezequiel Ferreira lembra que a Central do Cidadão é um órgão de suma importância para o município, tendo em vista que oferece diversos serviços à população, por meio do Sistema Nacional de Emprego, PROCON, Banco Pag Fácil, Delegacia do Trabalho e DETRAN.

Ezequiel Ferreira apresentou um Projeto de Lei que dá o nome de Adalberto Antônio do Nascimento (Bebeto do Detran) à Central do Cidadão de Currais Novos. A obra é uma luta antiga do parlamentar, que chegou a apresentar um requerimento neste sentido e por muito tempo defendeu a construção de uma sede própria para a Central do Cidadão no município. A construção foi iniciada em 2018, após articulação de Ezequiel junto ao Governo do Estado, e está perto de ser entregue a população.

Nascido em 28 de agosto de 1962, Bebeto do Detran, dedicou anos de sua vida profissional ao órgão. Em 2001 foi eleito vereador, sempre se dedicando aos interesses da comunidade. Em 2019 acabou falecendo a partir de complicações da diabetes.

“Partiu muito jovem, porém nos deixou um legado de bondade, fraternidade e humanidade, mostrando que a vida deve ser permeada de pequenos gestos de bondade e amorosidade. Por sua trajetória devida e dedicação ao município de Currais Novos, peço a aprovação desta singela homenagem ao propor este projeto”, disse Ezequiel Ferreira.

“Com uma sede própria e bem estruturada, a Central vai poder realizar um atendimento eficaz no atendimento de uma boa parte da população do Seridó e ainda desafogando as demandas nos demais municípios vizinhos”, justifica o deputado.

Ezequiel Ferreira lembra que a Central do Cidadão é um órgão de suma importância para o município, tendo em vista que oferece diversos serviços à população e haverá um esforço para que a Receita Federal instale um posto de atendimento no órgão para atender a comunidade da região.

“Além de passar a ter uma melhor infraestrutura para o atendimento da população, com a construção da sede para a Central do Cidadão, o Governo vai reduzir os gastos com o pagamento de aluguel”, reforça Ezequiel Ferreira.

Crédito da foto: Arquivo/jornal de fato

O Presídio Federal de Mossoró completa 10 anos nesta quarta-feira, 3, sem nenhuma de comemoração por parte dos mossoroenses e oestanos. Muito ao contrário.

Obra do governo Lula (PT), hoje condenado e preso por corrupção e lavagem de dinheiro, só trouxe coisas ruins para a cidade potiguar. Nenhum ganho.

O ”caldeirão do diabo”, como é chamado o presídio, importou para a cidade os bandidos mais perigosos do país como Fernandinho Beira-Mar, Marcola, Elias Maluco, Marcinho VP, vindo junto com eles o crime organizado e seus alicerces.

A violência explodiu, a criminalidade fincou alicerces e Mossoró tornou-se uma das cidades mais violentas e inseguras do País, castigando o cidadão de bem.

A Prefeitura de Currais Novos estará entregando nesse quarta, dia 3, quatro novos veículos, destinados a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Urbanos.

Com um investimento total de mais de 300 mil reais, esses novos equipamentos serão destinados às equipes de iluminação pública.

São três Fox e um caminhão muck que estarão auxiliando as equipes no trabalho de manutenção do sistema de iluminação pública.

Cumprindo agenda em Parelhas, dia (29), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), foi recebido pelo médico ortopedista Dr. Tiago Almeida, que vem liderando todas as pesquisas na cidade. Em pauta as questões inerentes à gestão pública num mundo cada vez mais complexo e de população majoritariamente urbana, mas com muitos desafios, também, no meio rural.

“Só crescem os desafios de dar aos cidadãos qualidade de vida, oportunidades justas e, como isto oferecer condições para que estes possam estudar, ter saúde excelente, educação e postos de trabalho nas suas cidades”, disse Ezequiel.

Nesse sentido, Dr. Tiago Almeida, disse que há importante espaço para o desenvolvimento das cidades da região Seridó, desde que governantes tenham ações bem definidas na gestão pública e que não deixe a burocracia se tornar um obstáculo para a evolução dos municípios da região.

“Gestores e os empreendedores da iniciativa privada devem buscar sempre tornar suas cidades favoráveis ao cidadão com inovações e metas bem definidas. Bons exemplos devem ser replicados, erros estudados para não serem repetidos e enfrentar os desafios na gestão de cidades para não se perder as oportunidades”, disse Dr. Tiago Almeida.

Os prefeitos José Sally (Cruzeta) e Hudson Pereira de Brito (Santana do Seridó), o vice-prefeito Dr. Araújo (Ouro Branco), os empresários Vijânio Filho (Acari) e Denis Rildon (Ouro Branco), além dos vereadores Ronaltty Nery (Jardim do Seridó), Solteiro (São José do Seridó), Romiselia, Galega e João Grandão de Parelhas participaram da troca de experiências abordando caminhos, acertos e problemas em torno das cidades. O tabelião José Pereira e o advogado Allinson Paulinelle também estavam no encontro.

Crédito das Fotos: Eduardo Maia


O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), recebeu nesta quarta-feira (26), do presidente da Federação da Agricultura, Pecuária e Pesca do Rio Grande do Norte (Faern), José Vieira, o convite para participar na segunda-feira (01/07), do 3º Seminário sobre Segurança Pública Rural, onde entidades do setor rural, produtores rurais, agentes da segurança pública do Estado se reunirão para discutir a situação de insegurança no interior do Rio Grande do Norte. O evento será realizado no Hotel Escola Barreira Roxa, das 08h30 às 12h45 e das 14h às 16h.

Durante a audiência, Ezequiel Ferreira, demonstrou total apoio do Poder Legislativo à necessidade do homem do campo na segurança pública. “É preciso devolver a tranquilidade ao produtor rural. Os constantes assaltos têm impossibilitado que muitos pernoitem em suas propriedades”, disse Ezequiel Ferreira diante do Secretário de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (SAPE), Guilherme Saldanha e do diretor geral da presidência, Fernando Rezende.

O seminário tem o objetivo de discutir medidas e ações efetivas de segurança para quem mora no campo, que atualmente convive com assaltos as propriedades rurais, roubo de animais, maquinário agrícola e veículos. “O seminário almeja contribuir para a construção da cultura de paz, da segurança e proteção ao homem do campo. Neste evento, temos o propósito de buscar caminhos para minimizar a violência”, destaca o presidente da Faern José Vieira.

O evento vai contar com a apresentação da experiência de sucesso no desenvolvimento da segurança rural realizada pela Polícia Militar do Estado de Goiás – Programa Patrulha Rural, e a tecnologia para mais segurança no campo: o aplicativo de emergência do Estado de Minas Gerais.

Em audiência pública da Comissão Especial da Câmara dos Deputados, que analisa as propostas para o novo Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, a governadora Fátima Bezerra reforçou, nesta terça-feira, 25, em Brasília, que “é preciso buscar convergências para transformar o Fundeb numa política de estado, perene, e com maior participação da União”.

Ao destacar estas duas condições, Fátima Bezerra disse que elas estão contempladas na proposta do novo Fundeb de sua autoria e que é apoiada pelo Forum dos Governadores do Brasil. “Esse é o caminho para ampliar a oferta de vagas, as creches, a qualidade da educação, a valorização profissional visando um país com mais equilíbrio, melhor distribuição de renda e qualidade de vida”, afirmou a governadora do RN lembrando que hoje o  Plano Nacional de Educação completa cinco anos, “um plano que é estratégico para o presente e para o futuro do nosso país, mas que, infelizmente, o  balanço que fazemos é que o plano está estacionado”.

Ainda na audiência pública Fátima Bezerra considerou “imperativo que sociedade acompanhe os debates sore novo Fundeb. Por que o Fundeb é a mais importante política para financiamento da educação básica. Precisamos aprofundar os debates e ter a garantia do novo Fundeb. Eu, como representante dos governadores dos estados do Brasil, defendo o novo Fundeb como política de estado permanente, sem prazo de validade como é hoje, e com ampliação da participação da União no financiamento da educação básica. Hoje a União entra apenas com 10%, estados e municípios entram com 90%”, ressaltou, para informar que “Maior participação da União significa mais estados e municípios contemplados, a efetividade do pacto federativo e melhor ensino e aprendizado. Estudo técnico mostra que a maior participação da União vai ampliar o número de estados contemplados de 10, atualmente, para 17”.

Para Fátima Bezerra, aprovar o novo Fundeb “é um desafio que trará enormes vantagens e benefícios a todos com a garantia do fortalecimento da educação do nosso país” e explicou algumas metas definidas para serem consolidadas até 2024:  garantir 50% das crianças 0 a 3 anos idade nas creches; 50% das escolas com educação em tempo integral; novo piso salarial do magistério equiparação do salário médio do professor aos demais profissionais com mesmo nível de formação (hoje ganham 50% a menos); garantir formação continuada aos educadores; alfabetizar todas as crianças até os 8 anos de idade; alfabetização de jovens e adultos.

“Acho que temos um ambiente sensível e um compromisso do Parlamento brasileiro. O país precisa que a agenda do novo Fundeb prevaleça. Insistimos no caráter permanente e no maior aporte de recursos pela União. Nossa proposta incorpora sugestões dos diversos setores da educação”, enfatizou ao encerrar sua participação na audiência. A PEC dos Governadores tramita no Senado e outras duas propostas tramitam na Câmara dos Deputados.

O QUE É O FUNDEB
O Fundeb é hoje a principal fonte de financiamento da educação básica brasileira. O modelo atual tem sua vigência encerrada em 2020. A PEC 15/15, apresentada pelo Forum dos Governadores do Brasil e de autoria da governadora Fátima Bezerra, propõe tornar o Fundeb uma política pública permanente e a ampliação da participação financeira da União junto aos estados e municípios.

A governadora Fátima Bezerra considera que o Fundeb é fundamental para melhorar a infraestrutura das nossas escolas e investir na manutenção e desenvolvimento do ensino Brasil e no Rio Grande do Norte”.

A proposta contempla:

•        Novo modelo de financiamento que seja permanente e uma política pública de estado com aperfeiçoamento e ampliação da participação do governo federal que hoje é de apenas 10%. A ampliação prevê 20% no primeiro ano de vigência e acréscimos de 2% ao ano nos dez anos seguintes até atingir 40%.

•        Quando foi criado o Fundeb, 60% dos repasses feitos pelo governo federal aos estados e municípios eram destinados ao pagamento dos salários dos professores. Os 40% restantes eram destinados ao custeio das escolas. Hoje os prefeitos alegam que os recursos suprem apenas o pagamento da folha salarial da Educação e não há sobras para investir no custeio e melhoria das escolas.

TRAMITAÇÃO DA PEC DOS GOVERNADORES PARA O NOVO FUNDEB
•        8 de maio – Após apresentação ao Fórum dos governadores em Brasília, a proposta de emenda constitucional (PEC) que cria o novo Fundeb foi entregue aos presidentes da República, Jair Bolsonaro, do Senado, Davi Alcolumbre, da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia, e ao ministro da Educação, Abraham Weintraub.

•        O ministro se comprometeu a criar um grupo de trabalho para analisar a proposta junto com entidades como o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

Objetivando melhorar as condições de vida dos habitantes das comunidades rurais, como também melhorar e facilitar o escoamento da produção agrícola do nosso município, a prefeitura de Currais Novos, através da Secretaria Municipal de Agricultura, iniciou esta semana, a recuperando várias estradas vicinais que interligam a zona rural ao município.

O trabalho de terraplanagem e melhoramento da malha viária da zona rural, danificada com o período das chuvas, teve início nas Comunidades de São Luiz, Liberdade, São Miguel, São Rafael, Alívio e Pitombeira.

Currais Novos recebeu na manhã desta terça, 25, a visita dos diretores da Big River Gold, antiga Crusader, empresa Australiana que irá explorar a extração de ouro no município, dentro do Projeto Borborema, que teve sua Licença de Instalação autorizada pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema, em abril passado.

A visita dos diretores tem por objetivo agilizar os processos e os tramites para a inicialização da operação aqui no município. “Nossa expectativa é de iniciarmos a produção já no primeiro semestre de 2020, após a conclusão do estudo de viabilidade econômico, que deverá ficar pronto até novembro próximo”, explica Andrew Richards, atual diretor presidente da Big River.

Segundo Júlio Nery, diretor operacional da empresa, a visita também tem por objetivo conhecer a região e suas potencialidades, os prestadores de serviços e a indústria local que podem vir a serem parceiros do projeto. “Nossa grande prioridade será a contratação de mão de obra local. Vamos conhecer e buscar firmar parceria com o IFRN local na criação de cursos técnicos profissionalizantes voltados à mineração e mecânica industrial”, disse Júlio.

O prefeito Odon Júnior disse está feliz com a visita dos diretores e ressaltou a importância do município se preparar para esse momento. “Estamos todos ansiosos para que tudo transcorra de forma positiva. Sabemos da grande importância de um projeto como esse, do investimento que será feito (cerca de 800 milhões de reais), mas precisamos estar preparados. Precisamos capacitar nossa mão de obra e a prefeitura, junto com o Governo do Estado e o Governo Federal têm um papel fundamental nesse engajamento”, afirmou Odon.

O vice prefeito Anderson Alves lembrou também da importância para nossa econômica, afirmando “que esse pode vir a ser o início de um novo ciclo para a nossa economia, não só com a geração de emprego e renda, mas com a possibilidade real da vinda de outras indústrias do setor para o nosso município, consolidando de vez nossa região, como grande pólo de produção mineral”.

De acordo com a coordenadora do projeto Borborema no Rio Grande do Norte, Jucieny Barros, “o projeto Borborema em Currais Novos se destaca pela utilização de novos métodos de exploração de minério de forma mais sustentável. O nosso processo industrial utilizará o reaproveitamento de água das Estações de Tratamento de Esgoto (ETE’s) da Caern e terá o rejeito filtrado, prensado e transformado em rejeito seco”, afirma Jucieny.

Participaram ainda da reunião, a diretora administrativa da Big River Gold, Diana Uchoa; e o geólogo Nirlando Viana.